Rafael Moura: o rei do rebaixamento?

Ele já soma cinco rebaixamentos em sua trajetória, mas nesta temporada ajudou o Goiás a garantir vaga para disputar a Copa Sul-Americana em 2020
Rafael Moura: o rei do rebaixamento?

O atacante de 36 anos fez bons jogos com a camisa do Goiás neste Brasileirão. Além disso, juntamente com a equipe, conseguiu vaga na Copa Sul-Americana de 2020. Em 2010, também defendendo a camisa Esmeraldina, Rafael Moura foi o artilheiro da competição com oito gols. Contudo, não foi sempre assim. He-man amarga cinco rebaixamentos na carreira. Assim, ele se tornou o jogador que foi rebaixado mais vezes no Campeonato Brasileiro na era dos pontos corridos até o final da temporada.

Com a queda da Chapecoense para a Série B, Henrique Almeida se igualou ao atacante Esmeraldino no número de quedas. Contudo, o jogador que estava emprestado para a Chape tem somente 28 anos. Mesmo que os times tenham caído, Rafael Moura não deixava de marcar gols. Como citado anteriormente, o camisa 9 foi artilheiro da Sul-Americana em 2010 e, somado a isso, balançou as redes em outras nove oportunidades na Série A do Campeonato Brasileiro daquele mesmo ano. O Goiás, porém, não conseguiu se manter na elite em 2010. De acordo com o site oGol, He-man possui, até agora, 154 gols na carreira. E contando!

Lista dos rebaixamentos de Rafael Moura

1º – Vitória-BA (2004)

2º – Paysandu (2005)

3º – Goiás (2010)

4º – Figueirense (2014)

5º – América-MG (2018)

Temporada de 2019

Rafael Moura chegou ao Goiás neste ano já com a temporada em andamento. O atacante participou de 27 jogos em 2019 com a camisa do clube. Em 23 pelo Brasileirão, He-man balançou as redes adversárias em nove oportunidades. Além disso, disputou quatros partidas pela Copa Verde e fez três gols. O Esmeraldino ficou pelo caminho, perdendo para o Cuiabá na semifinal. No encerramento da temporada, no domingo (8), na vitória sobre o Grêmio por 3 x 2, o camisa 9 marcou duas vezes, ambas de cabeça.

Ao final da partida, em entrevista para Fernando Lima, repórter da Rádio Bandeirantes, o atacante disse que se sentia magoado porque, até aquele momento, os dirigentes do Goiás ainda não haviam procurado o atleta para uma possível renovação de contrato.

“Eu merecia mais respeito, até por tudo que fiz aqui no Goiás. Aceitei contrato de produtividade, mostrei amor pelo clube, mas vou sair de férias sem ter sido procurado [para conversar sobre o futuro]. Espero que desta vez, caso eu não fique, não joguem a responsabilidade [para mim] como foi em 2010”, desabafou o atacante.

Entretanto, nesta segunda-feira (9), Túlio Lustosa, diretor de futebol do Goiás, também para a Rádio Bandeirantes, falou que o clube quer o atleta para a próxima temporada e que, após o jogo contra o Grêmio, o presidente do time, Marcelo Almeida, comunicou a Rafael Moura que vai tratar do futuro com os agentes do atleta. Sendo assim, Lustosa deixou claro que o Esmeraldino tem interesse em renovar com o atacante para 2020.

Imagem destaque: Reprodução/Goiás EC

Danyela Freitas

Sobre Danyela Freitas

Danyela Freitas já escreveu 175 posts nesse site..

Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduanda em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).

BetWarrior

Danyela Freitas
Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduanda em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).
https://www.instagram.com/danyelaf/

Artigos Relacionados

Topo