Quarteto brasileiro está cada vez mais próximo da seleção chinesa

Imprensa local afirma que os atletas já possuem passaporte chinês, mas só atuariam pelo time nacional a partir de 2020

A onda de jogadores brasileiros naturalizados na seleção chinesa promete ser cada vez maior. Após Elkeson, ou melhor, Ai Kesen, ex-jogador de Botafogo e Vitória, renunciar a cidadania brasileira e se tornar oficialmente chinês, a imprensa local relatou que todos do quarteto Ricardo Goulart, Aloísio, Alan e Fernandinho já possuem o passaporte da nova nacionalidade e pouco a pouco se aproximam de uma convocação.

Ajuda brazuca no projeto Mundial

Visando disputar a próxima Copa do Mundo, a Associação Chinesa de Futebol vem permitindo a entrada de jogadores estrangeiros no plantel nacional. Os primeiros, que inclusive vem sendo nomes frequentes nas convocações do italiano Marcelo Lippi, foram Nico Yennaris (inglês), agora Li Ke, e Elkeson (brasileiro), nomeado como Ai Kesen. Ainda mais, o veículo Beijing Youth Daily noticiou que mais quatro brasileiros já receberam o passaporte para se tornarem cidadãos da República Popular da China.

Um deles é Ricardo Goulart, ídolo do Guangzhou Evergrande, que atuou por pouco tempo no Palmeiras e regressou ao Oriente. O atacante, porém, segue tratando de uma lesão e só deve ter condições de jogar na próxima temporada. Outro queridinho dos chineses, Aloísio Boi Bandido é mais um que deve se tornar chinês. Atualmente jogando a 2ª divisão, o ex-São Paulo está no país desde 2014 e passou por diversos clubes.

Completando o quarteto temos Alan Carvalho e Fernandinho Conceição. Ambos não são muito conhecidos pelos torcedores brasileiros, mas se encontram em território chinês desde 2015 e estão na mira da seleção. Alan atua pelo Tianjin Tianhai e luta com a equipe para não cair. Já Fernandinho chegou recentemente ao Hebei Fortune e também briga na parte de baixo da tabela.

Curiosamente todos esses brasileiros estão ligados de alguma maneira ao Evergrande. Goulart e Elkeson fazem parte do elenco, enquanto Alan, Aloísio e Fernandinho têm contrato com o time, contudo, estão emprestados a outros clubes. Isso se deve pelo fato da federação encarar o maior campeão da Superliga como ”base” da equipe nacional, fazendo, portanto, com que a maioria dos jogadores de elite atuem por lá. Todavia, os novatos não devem aparecer nas listas até serem regularizados pela FIFA, adiando, assim, suas convocações possivelmente para março de 2020.

Foto destaque: Reprodução/SinaSports

Avatar

Sobre Leonardo Abrahão

Leonardo Abrahão já escreveu 285 posts nesse site..

Meu nome é Leonardo, tenho 19 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

Forza Football

 

Rivalo Apostas Esportivas
Avatar
Leonardo Abrahão
Meu nome é Leonardo, tenho 19 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

Artigos Relacionados

Topo