Peñarol vira, goleia Juventud e segue 100% no Apertura Uruguaio

No mesmo dia, o Fénix bateu o Montevideo Wanderers, fora de casa, por 2 x 0

No fechamento da 3ª rodada do Apertura Uruguaio 2019, dois jogos aconteceram neste domingo (3). O Peñarol, então líder da competição quando a rodada se iniciou, venceu o Juventud de las Piedras de virada, por 4 x 1, em casa. Enquanto isso, o Fénix venceu fora. Os Albivioletas bateram o Montevideo Wanderers por 2 x 0 e seguem invictos no torneio. Veja todos os detalhes do Campeonato Uruguaio.

Apertura Uurguaio – 3ª rodada

Peñarol 4 x 1 Juventud

Os donos da casa saíram para dominar seu rival e conseguiram desde o início gerar duas boas situações de perigo na área do Juventud, mas sem maiores profundidades. Mas os Carboneros tomaram um banho de água fria logo aos sete minutos. Cristian Lema foi derrubado na entrada da área e José Alberti, numa cobrança de falta magistral, deslocou o goleiro mandando a bola no canto diferente de onde Dawson esperava, abrindo o placar para os visitantes.

O Aurinegro continuou gerando situações de perigo para o goleiro Sebastian Britos que começava a se tornar uma grande figura do jogo, fazendo diversas defesas. Mas aos 32′ não teve jeito. Lolo deu um carrinho no meio-campo e ganhou a disputa, a bola sobrou para Lucas Viatri e o argentino deu ótimo lançamento para Gabriel Toro Fernández, na intermediária, que dominou, correu até a área e tocou por cima do goleiro Britos empatando o jogo. O Peñarol seguiu dominando, gerando chances, e a virada era questão de tempo. Porém, foi na penalidade que Gonzalo González fez em Estoyanoff quando ele tentava um drible da vaca, que Lucas Viatri, aos 44′, colocou sua equipe a frente.

A equipe mirassol voltou do intervalo no mesmo ritmo acelerado e tocando bola na “casa rival”. A pelota ficava quase todo o tempo no campo pedrense e o terceiro gol local foi sendo construido logo cedo. E foi numa falta cobrada por Lucas Hernandez com um petardo de longe, no ângulo, que o tento veio. O Lolo Estoyanoff deu um ótimo passe de 50 metros, do campo de defesa, para Ignacio Lores, que teve ótimo controle de bola, velocidade e poder de finalização para finalizar a goleada e garantir o 1º lugar no saldo de gols.

Montevideo Wanderers 0 x 2 Fénix

As duas equipes vinham de goleadas aplicada em seus rivais, ambas por quatro gols. E as bases ofensivas foram mantidas nos primeiros minutos de jogo foram bons. Chegadas de ambos os lados e muita velocidade. Contudo, era natural que o ritmo caísse e aconteceu. Ainda assim, foram os visitantes que tiveram as chances mais clara no início. Uma delas depois de uma boa jogada coletiva em que Leonardo Fernández tabelou de letra com Taco Maximiliano Pérez, que entrou na área e jogou para Mathias Acuna, que deu um carrinho, mas não conseguiu definir na pequena área. O outro foi após um escanteio e Roberto Fernandez deu um cabeceio que causou uma defesa espetacular de Arruabarrena.

Os mandantes reclamaram de duas penalidades e nenhuma foi marcada pelo árbitro e até cartão teve jogador levando, Nicolás Albarracín, por simulação. Mais competente e levando mais perigo, no 2º tempo o Fénix conquistou a vitória. O Wanderers saiu melhor, teve uma chance de fora da área, que passou perto, mas não entrou. Já a falta cobrada por Leonardo Fernández foi na gaveta, sem chances para o goleiro Arruabarrena, aos 58′.

A entrada de Diego Riolfo nos donos da casa deu outra intensidade ao ataque e, de fato, o meio-campista transformou Denis, goleiro albivioleta, em destaque com chutes perigosos. Entretanto, foi o Fénix que liquidou o jogo em um contra-ataque. Alex Silva tocou em profundidade para Mathías Acuña, que foi direto para o gol, carregou da esquerda para o meio, abrindo espaço para a chegada de Silva, que acompanhou a jogada e definiu, aos 78′, como um dito camisa 9.

Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 1163 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.

Forza Football

 

Rivalo Apostas Esportivas
Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo