Pelo Grupo 3 da Copinha, Marilia e Cruzeiro podem decidir chaveamento

Complemento da rodada pelo mesmo Grupo, Raposa e Elefantão se encaram à tarde
Cruzeiro e Babaçú são destaques na estreia do Grupo 3 da Copinha

Marília e Cruzeiro são favoritos e tentam conseguir uma vitória para encaminhar passaporte para a segunda fase; só o triunfo interessa para Babaçu e Linense, já que ambas as equipes tiveram um mau desempenho na 1ª rodada pelo Grupo 3. Destaques da rodada anterior, Vinicius Popó e Caio são destaques do Cruzeiro; Popó tem mais de 100 gols anotados pela seleção de base.

COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JUNIOR – GRUPO 3 – 2ª RODADA

Marilia x Babaçú – 16h45

Vindo de vitória sobre o arquirrival em um clássico regional, o Marilia enfrente, na tarde desde sábado (5) o Babaçú, no estádio Bento Abreu, às 16h45 (horário de Brasília).  Em situações opostas, o Babaçú precisa vencer a todo custo para seguir sonhando com uma eventual classificação, já que o Tigre veio de uma vitória sobre o Elefantão.

Já o time maranhense vem de derrota contra o Cruzeiro por 3 x 0 no primeiro confronto. O técnico disse, em seu primeiro jogo contra a equipe celeste que “o intuito era vir se divertir” e, apesar da derrota o time se mostrou ativo em campo, buscando algumas jogadas de triangulações e finalizações de fora da área.

Posted by Marília Atlético Clube on Thursday, January 3, 2019

Linense x Cruzeiro – 19h

Com campanha abaixo do esperado, o Elefantão precisa correr atrás do prejuízo causado pela derrota de 2 x 1, no clássico contra o Marília, tarefa que não será nada fácil, já que terá pela frente o Cruzeiro, defensor do título de 2007.  Por parte do Linense, só a vitória interessa nesta 2ª rodada. A Raposa estrou com folga na primeira rodada, abrindo um saldo de gol de três pontos (gols de Caio e Vinicius Popó), na elástica vitória por 3 x 0 sobre o Babaçú que tenta se reerguer.

O confronto de hoje (5), será às 19h, no estádio Bento Abreu, e será transmitido. No entanto, apesar de boa apresentação e a garantia dos três pontos no pontapé incial, o técnico Ricardo Rsende não se conforma com a apairação e diz ter mais trabalho pela frente, destacando a ansiedade na estreia. Contudo, as estrelas brilharam na etapa derradeira

“Sofremos com a ansiedade da estreia no primeiro tempo, perdemos muitas chances, mas no segundo tivemos mais equilíbrio para fazer um bom resultado que nos dá confiança para a sequência”.

Gabriel Francisco

Sobre Gabriel Francisco

Gabriel Francisco já escreveu 25 posts nesse site..

Nascido em 1996, Gabriel é escritor, poeta e cronista esportivo. Recentemente entrou para a Academia de Letras de Belo Horizonte pelo lançamento do seu livro "O Mistério de Suzan Cross". Aspirante a jornalista e radialista esportivo, produziu contos como "Copa da Zebra", entrevistou o jogador Pedro Rosa, em exclusivo, e produziu o conto do futebol feminino com "Clara Rodrigues, a menina dos ovos de ouro".


 

365 Scores

 

Gabriel Francisco
Gabriel Francisco
Nascido em 1996, Gabriel é escritor, poeta e cronista esportivo. Recentemente entrou para a Academia de Letras de Belo Horizonte pelo lançamento do seu livro "O Mistério de Suzan Cross". Aspirante a jornalista e radialista esportivo, produziu contos como "Copa da Zebra", entrevistou o jogador Pedro Rosa, em exclusivo, e produziu o conto do futebol feminino com "Clara Rodrigues, a menina dos ovos de ouro".

Artigos Relacionados

Topo