Parabéns, André Rizek! Um dos maiores jornalistas do país completa 45 anos

- Jornalista esportivo e apresentador do SporTV há mais de uma década, Rizek completa mais um ano de vida
Rizek

André Rizek Lopes, mais conhecido como André Rizek, é um jornalista esportivo brasileiro. Nesta quinta-feira (28), a Coluna Parabéns ao Craque homenageia esse que, apesar de ainda estar na casa dos 40, é um dos maiores jornalistas esportivos desse Brasil.

CARREIRA DE ANDRÉ RIZEK

Nascido em São Paulo, André Rizek sempre soube que seria jornalista esportivo. Entretanto, não do modo como o faz hoje, apresentando o Redação SporTV. Em entrevista ao UOL, em 2015, Rizek comentou sobre sua infância e seus desejos.

“Sempre fui fanático por futebol, desde moleque. Minha mãe ficava maluca porque eu não queria saber de nada quando tinha futebol na TV. Eu grudava na frente da tela e via qualquer jogo, principalmente se tivesse o Silvio Luiz, meu ídolo, como narrador. Minha família, classe média, não queria que eu cursasse jornalismo. Lembro do meu pai dizendo que eu ia morrer de fome… Meu sonho, quando escolhi o jornalismo, era ser uma espécie de intelectual da imprensa, escrever longos ensaios em revista de cultura, essas coisas metidas a besta. Obviamente deu errado! Não tenho cultura e nem talento para isso.”

Apesar desse desejo, Rizek chegou a trabalhar com cultura quando era estagiário no Jornal da Tarde. No entanto, surgiu uma vaga para cobrir esportes. Com um pouco de vergonha, ele foi, e nunca mais parou de fazer esse tipo de trabalho. Logo após, o jornalista compôs a equipe que criou e colocou o Lance! nas bancas.

No fim dos 90, André trabalhou nas revistas Placar e Playboy. Pela última, um fato curioso. Trabalhando como repórter gonzo, ele chegou a trabalhar secretamente em um sexshop por oito dias e chegou a ir em um “encontro nacional de swingers”. A experiência na revista durou três anos.

O jornalista cobriu as Copas de 1998, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018, todas in loco. Além de ter participado das coberturas de Copa América e Copa das Confederações, que ocorreram durante este período.

MÁFIA DO APITO

Em 2005, quando trabalhava na Revista Veja, assinou matéria em que denunciava a Máfia do Apito. No Brasileirão do mesmo ano, o árbitro Edilson Pereira assumiu que recebeu propina de São Paulo e Piracicaba, para fraudar resultados. Dessa forma, favoreceu os apostadores. 11 jogos foram cancelados na edição de 2005, apontados como favorecidos pela arbitragem de Edilson. Somente em 2011, Edilson e envolvidos foram julgados e punidos pela justiça.

NO SPORTV

Em 2007, foi contratado pela Rede Globo e passou a assumir a função de comentarista esportivo no SporTV. No ano de 2010, assumiu a apresentação do Redação SporTV, quadro que apresenta até os dias atuais. Em março desse ano, o UOL publicou matéria que afirmava que, diferente dos profissionais da Globo, Rizek não se envolvia em propagandas. De acordo com a matéria, ele não considera compatível jornalismo e propaganda, pois, para se fazer jornalismo, é necessário isenção para fazer críticas.

View this post on Instagram

A mesa dos 5 a 0 escalada pra hoje

A post shared by André Rizek (@andrerizek) on

Muito popular no canal esportivo, André é muito ativo nas redes sociais, apesar de declarar ser tímido. No Twitter, possui mais de 1 milhão de seguidores. Recentemente, engatou um romance com a repórter da Globo, Andréia Sadi.

Foto destaque: Reprodução/Instagram

Diego Vasconcelos

Sobre Diego Vasconcelos

Francisco Diego Pereira de Vasconcelos já escreveu 35 posts nesse site..

Olá, me chamo Diego Vasconcelos e tenho 19 anos. Estudante de jornalismo na UFC. Sou apaixonado por esportes desde sempre e recentemente decidi aliar minha paixão pela escrita e o esporte. Torcedor do Fortaleza e simpatizante de tricolores e europeus de baixo porte. Fã de MMA e amante do Jiu-Jitsu.

365 Scores

BetWarrior


Diego Vasconcelos
Diego Vasconcelos
Olá, me chamo Diego Vasconcelos e tenho 19 anos. Estudante de jornalismo na UFC. Sou apaixonado por esportes desde sempre e recentemente decidi aliar minha paixão pela escrita e o esporte. Torcedor do Fortaleza e simpatizante de tricolores e europeus de baixo porte. Fã de MMA e amante do Jiu-Jitsu.

Artigos Relacionados

Topo