Palmeiras vence Botafogo e segue líder do Brasileirão

Com direito a VAR e distribuição de cartões amarelos, os paulistas levaram a melhor neste sábado (25)

Mais de 33 mil torcedores ocuparam as arquibancadas do estádio Mané Garrincha para acompanhar a partida entre Botafogo e Palmeiras, válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Palestra venceu o Glorioso por 1 x 0. Mais uma vez, a campanha do Verdão bate recorde, e Felipão chega a 29 rodada sem derrotas na competição. Além disso, Luan e Gustavo Gomez completam mil horas sem levar gol. Outro número que extrapolou as estatísticas comuns foi o de cartões amarelos aplicados. Nos 90 minutos, o árbitro Paulos Roberto Alves Junior distribuiu 10 cartões para os jogadores da equipe Rubro-Negra. Assim, apenas dois jogadores em campo ficaram isentos.

1º Tempo

Apesar de a posse de bola ter sido maior do lado carioca, quem chegou mais ao gol na primeira etapa foi o Palmeiras. O clima quente do Distrito Federal não assustou os paulistas que chegavam com muito perigo ao gol de Gatito Fernandez. Mas das vezes que o ataque Alviverde chegou, poucas foram direcionadas ao alvo, dando pouco trabalho ao goleiro.

Com participação efetiva de Deyverson e Lucas Lima, antes criticado pela torcida, comandando o ataque, ao lado de Dudu e Zé Rafael, o Verdão foi perigoso e audacioso, aproveitando os contra-ataques, mas perdendo muitas chances de gol na entrada da área. Do lado carioca, o dono da Estrela Solitária trabalhava a bola e tentava ir para cima do adversário, mas ela bloqueado pelo paredão Gomez/Luan. Diego Souza quase não conseguiu trabalhar na primeira etapa da partida.

2º Tempo

A etapa final foi marcada por confusão. Dudu trazia o contra-ataque palmeirense, mas parou em Gatito, que espalmou a bola. Deyverson foi buscar o rebote, mas foi parado pelo zagueiro Gabriel. Num primeiro momento, o árbitro que comandava a partida achou que o atacante alviverde havia simulado a falta, mas após consultar o VAR, ele percebeu que o jogador havia sofrido a falta. Com isso, o cartão aplicado para o camisa 16 foi retirado e um pênalti a favor da equipe paulista foi marcado. Foi uma jogada muito complicada, que demandou muito tempo de análise por parte dos comandantes da cabine de arbitragem e da comissão em campo. Os jogadores do Glorioso reclamaram muito após a marcação da penalidade.

Mas, Gustavo Gomez, que não tinha nada a ver com a história bateu com segurança no gol do pegador de pênalti, Gatito Fernandez, e fez o único gol da partida. Depois de abrir o placar, o Palmeiras continuou jogando na espera do ataque botafoguense, aproveitando cada contra-ataque para pressionar o adversário. Depois disso, ainda teve um gol anulado do camisa 7, Dudu. No final da partida, o zagueiro Luan sentiu uma lesão e teve que sair de campo. Ao final da partida, os jogadores do Botafogo reclamaram muito da postura da arbitragem. Gabriel, componente da zaga carioca, usou a palavra “vergonhoso” para definir o lance do panal a favor do time paulista.

E AGORA?

Com essa vitoria, o Verdão chega isolado à 16 pontos, e ocupa a 1ª colocação na tabela. O próximo desafio do Botafogo será um clássico carioca, no próximo domingo, às 11h. O Palmeiras encara a Chape, na Arena Condá, às 16h. Todas as partidas realizadas no horário de Brasília.

Melhores momentos

Valéria Contado

Sobre Valéria Contado

Valéria Contado já escreveu 129 posts nesse site..

Eu sou a Val Contado, quase jornalista há 3 anos, apaixonada por futebol há 22, desde quando meu pai colocou em mim o uniforme do nosso time do coração. Adepta da arte da resenha, falar e respirar futebol é o que eu mais gosto de fazer.


 

365 Scores

 

Valéria Contado
Valéria Contado
Eu sou a Val Contado, quase jornalista há 3 anos, apaixonada por futebol há 22, desde quando meu pai colocou em mim o uniforme do nosso time do coração. Adepta da arte da resenha, falar e respirar futebol é o que eu mais gosto de fazer.

Artigos Relacionados

Topo