Oswaldo de Oliveira: campeão e ídolo no Japão

- Brasileiro já comandou o Kashima Antlers e o Urawa Reds
Oswaldo de Oliveira: campeão e ídolo no Japão

Em dezembro de 2006, o Kashima Antlers protagonizou uma curiosa troca com o Cruzeiro, que deu início a um casamento perfeito. Paulo Autuorique treinou o clube nipônico durante aquele ano, retornou para uma terceira passagem na Raposa. Na primeira, em 1997, levou a equipe ao bicampeonato da Libertadores. Sendo assim, Oswaldo de Oliveira, que treinou a equipe mineira no segundo semestre daquele ano, foi contratado pelo clube nipônico por indicação do compatriota Zicoídolo máximo da torcida. Foram cinco temporadas que certamente representam o auge da carreira do treinador carioca, com oito títulos conquistados. Dessa maneira, após retornar ao Brasil, destacar-se no Botafogo, retornos em Santos, Flamengo Corinthians e pífios desempenhos em Palmeiras, Sport Atlético Mineiro, voltou para a Terra do Sol Nascente, dessa vez, para dirigir o Urawa Reds, onde também deixou sua marca.

KASHIMA ANTLERS (2007-2011)

O início não foi nada animador para o treinador brasileiro, pois a equipe ficou cinco partidas sem vitória, amargando a 15ª colocação na competição local. Mas o time se recuperou, conquistando a J-League com 22 vitórias e 72 pontos. No primeiro dia de 2008, Oswaldo e o Kashima conquistaram a Copa do Imperador ao derrotar o Sanfrecce Hiroshima por 2 x 0 no antigo Estádio Nacional, em Tóquio, com o segundo gol marcado pelo brasileiro Danilo, que chegou junto com o treinador após ser campeão brasileiro pelo São Paulo. No final do ano, mais uma J-League, com 63 pontos. Em 2009, a terceira J-League consecutiva, a exemplo do que fez Muricy Ramalho no São Paulo. No primeiro dia de 2011, retornou ao Estádio Nacional para levar mais uma Copa do Imperador, ao derrotar o Shimizu S-Pulse por 2 x 1, com o primeiro gol do brasileiro Fellype Gabriel. Em 2011, no último ano de contrato, para fechar com chave de ouro, o inédito título da Copa Nabisco, ao derrotar o Urawa Reds na prorrogação.

URAWA REDS (2018-2019)

Sendo assim, após várias decepções no futebol brasileiro, Oswaldo de Oliveira retornou ao Japão no primeiro semestre de 2018. Dessa vez, porém, para uma passagem mais curta e menos vitoriosa. Na Copa Nabisco, eliminação para o modesto Ventforet Kofu. Sendo assim, amargou uma quinta posição na J-League e levou a Copa do Imperador ao derrotar o Vegalta Senai na final por 1 x 0.

Foto em destaque: Reprodução/Site O Globo

Avatar

Sobre Renan Silva

Renan Silva já escreveu 92 posts nesse site..

24 anos, natural de Osasco, estudante de jornalismo das Faculdades Integradas Rio Branco. Apaixonado por Esportes e Rock n Roll, durante a infância jogou Futebol de Salão e na adolescência praticou Artes Marciais. Sempre teve gosto pela leitura, sendo um fã assíduo das revistas TATAME e PLACAR (da qual possui coleção até hoje).

365 Scores

BetWarrior


Avatar
Renan Silva
24 anos, natural de Osasco, estudante de jornalismo das Faculdades Integradas Rio Branco. Apaixonado por Esportes e Rock n Roll, durante a infância jogou Futebol de Salão e na adolescência praticou Artes Marciais. Sempre teve gosto pela leitura, sendo um fã assíduo das revistas TATAME e PLACAR (da qual possui coleção até hoje).

Artigos Relacionados

Topo