Os Medalhões do Futebol Brasileiro

O futebol brasileiro está carente de ídolos. Os maiores ídolos que já tivemos estão se aposentando e outros em via de se aposentar. Mas ainda existem alguns “medalhões” que resistem ao tempo, à idade e ao desgaste de viagens e jogos, e continuam na ativa. Eternos ídolos que migram para países com futebol emergente ou clubes de menor expressão ou até os times que começaram a carreira, para dar continuidade na carreira. São craques da bola que quando ouvimos falar, logo pensamos: “Esse cara ainda joga bola?!

Vamos aos medalhões que atuam no Brasil:

VIOLA: Aos 47 anos, o campeão da Copa do Mundo de 1994, já soma 28 anos de carreira. É certo que ultimamente acerta com os clubes mais pelo marketing do que propriamente pelo futebol. Atualmente defende o Taboão da Serra. Mas ficou conhecido por suas passagens no Corinthians, Palmeiras e Santos.

 

EDÍLSON “CAPETINHA”: Mais um campeão do mundo, este em 2002, hoje com 45 anos, é parceiro de ataque de Viola no Taboão. Ficou famoso pelas grandes atuações e polêmicas. Jogou no Corinthians e Palmeiras.

 

ZÉ ROBERTO: Aos 41 anos e em plena forma física, é titular e capitão do Palmeiras na maior parte dos jogos. Fez fama na Portuguesa, times alemães e Seleção.

PAULO BAIER: Conhecido pelas bolas paradas, já é foi apelidado de “Eterno Baier” e “Vovô Baier”. Este ano fechou com o São Luiz de Ijuí, para a disputa do gauchão. Foi muito bem no Goiás e no Atlético Paranaense.

MARCELINHO PARAÍBA: É a estrela do Oeste-SP na disputa do campeonato paulista, com 40 anos. Foi bem no São Paulo, Flamengo e Coritiba. Jogou na França e Alemanha também.

ALOÍSIO “CHULAPA”: Campeão do mundo com o São Paulo em 2005, hoje com 41 anos, atua no Comercial do Mato Grosso do Sul.

FÁBIO SIMPLÍCIO: Também ex-São Paulo, Simplício hoje com 36 anos, após carreira sólida na Itália e no Japão, fechou em 2016 com o Batatais, para a disputa do Paulistão A2.

FUMAGALLI: Atualmente está no Guarani, com 38 anos. Teve boas passagens por Santos, Corinthians, Sport e Vasco da Gama.

ARAÚJO: Aos 38 anos, o atacante teve boas passagens por Goiás, Gamba Osaka e Al-Gharafa, atualmente defende o Central-PE.

GIL: Aos 35 anos, defende o Juventus, da Moóca, em São Paulo. Ficou famoso no Corinthians onde foi revelado e conquistou muitos títulos.

LEANDRO GUERREIRO: Com 37 anos, Leandro já está há 5 temporadas atuando em Minas Gerais. São 3 anos de Cruzeiro e desde 2014 no América-MG. Revelado pelo Inter, fez fama no Botafogo.

CARLINHOS BALA:
Com 36 anos, foi ídolo nos rivais pernambucanos Sport, Náutico e Santa Cruz, se auto denominando “Rei de Pernambuco”. Hoje joga no América, também de Pernambuco.

SOUZA: Campeão mundial e tri brasileiro com o São Paulo, ainda jogou no Fluminense, Grêmio e Portuguesa. Aos 37 anos, defende o Passo Fundo-RS.

ÍNDIO: Campeão mundial com o Corinthians em 2000, aos 36 anos joga no Palmeira de Goianinha-RN.

FERNANDO BAIANO: Revelado no Corinthians, foi artilheiro por onde passou e hoje, aos 36 anos, defende o Mogi Mirim desde 2014.

FÁBIO JÚNIOR: Centroavante de 38 anos que atua no Villa Nova-MG atualmente. Além de atacante, também é manager no clube mineiro. Destacou-se no Cruzeiro e América-MG.

DIMBA: Artilheiro do Campeonato Brasileiro de 2003 com 31 gols, destacou-se no Goiás, Flamengo e São Caetano. Hoje, com 42 anos, defende o Sobradinho, clube que o revelou.

MANCINI: Aos 35 anos, o jogador polivalente e rodado na Europa. Passou por Roma, Inter de Milão e Milan. Está no Villa Nova-MG.

AMARAL: Volante revelado pelo Palmeiras, teve boa passagem também por Corinthians e Vasco da Gama. Ficou marcado por ter um olho mais fechado que o outro e pelo elástico desconcertante que tomou de Romário. Aos 42 anos, defende o Capivariano.

ADRIANO GABIRU: Virou herói do Internacional de Porto Alegre, onde marcou o gol do título do Mundial de Clubes em cima do Barcelona em 2006, aos 38 anos, defende o Panambi-RS.

GRAFITE: Campeão do mundo com o São Paulo em 2005, ainda teve passagem sólida pela Alemanha, Emirados Árabes e uma Copa do Mundo, em 2010. Atualmente com 36 anos, fechou em 2015 com o Santa Cruz e participou do acesso do time a elite do Brasileirão.

FABIANO ELLER: Hoje com 38 anos, defende o Náutico. Revelado pelo Vasco da Gama, foi multi campeão por lá. Ainda foi campeão mundial de clubes com o Internacional, em 2006.

JORGE WAGNER: Hoje com 37 anos, está no Mogi Mirim. Foi campeão em quase todos os clubes que passou. Teve passagem destacada por Corinthians, Internacional e São Paulo. Ainda foi bem no Japão e na Rússia.

MAGNO ALVES: Ficou famoso no Fluminense, clube que defendeu entre 1998 e 2002. Ainda teve excelente passagem pelo Ceará. Atualmente, aos 40 anos, voltou ao Fluminense.

Ainda existem outros tantos medalhões no Brasil. Vocês se lembrar de mais alguém? Comente abaixo e nos ajude a montar esta lista de veteranos do futebol brasileiro.

Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 1211 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.

365 Scores

BetWarrior


Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo