Os gols sofridos de bolas aéreas no Corinthians

Mais da metade dos gols levados no Brasileirão foram nesse quesito
Corinthians

Com os dois gols sofridos a partir da bola aérea e parada no empate em 2 x 2 diante do Ceará, no último sábado (7), na Arena Corinthians, partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019, fez aumentar ainda mais o número de gols sofridos pelo timão nesse quesito.

O Timão tem a marca de melhor defesa desta edição do Brasileirão, com apenas 11 gols sofridos em 18 jogos realizados. Um gol a menos do que o time do São Paulo. Mas a equipe comandada pelo técnico Fábio Carille tem se preocupado com esse tipo de lance. Isso por que o time do Parque São Jorge levou sete tentos de bolas paradas e aéreas, ou seja, mais da metade dos gols tomados no Campeonato. O Alvinegro Paulista acabou levando gols desta forma pelo Brasileiro contra seis equipes, são elas: Bahia, Avaí, Fortaleza, Flamengo, Palmeiras e duas contra o Ceará, jogo do último sábado (7). Na qual saiu o gol após um cruzamento e o outro foi olímpico, já no término do confronto.

Além disso, na Copa do Brasil deste mesmo ano, o Corinthians foi eliminado para o Flamengo nas oitavas de final do torneio. Depois de perder pelo placar mínimo de 1 x 0 os dois jogos, tanto em São Paulo quanto no Rio de Janeiro. Na qual, ambos os gols saíram de bolas que veio pelo alto. Na cabeçada do volante William Arão em Itaquera e no desvio do zagueiro Rodrigo Caio no Maracanã, respectivamente.

Foto destaque: Reprodução/Daniel Augusto/Ag. Corinthians

Lucas Vilela

Sobre Lucas Vilela

Lucas Vilela já escreveu 122 posts nesse site..

Lucas Vilela, 18 anos, cursando faculdade de jornalismo, gosto muito de esportes, quero estar falando, cobrindo vários deles, mas o meu maior sonho dentro do âmbito esportivo e cobrir o super bowl, desde pequeno tinha vontade de praticar, mas devido um problema na perna dificulta um pouco, porém estar falando todo o tempo dos esportes é sensacional.


 

365 Scores

 

Lucas Vilela
Lucas Vilela
Lucas Vilela, 18 anos, cursando faculdade de jornalismo, gosto muito de esportes, quero estar falando, cobrindo vários deles, mas o meu maior sonho dentro do âmbito esportivo e cobrir o super bowl, desde pequeno tinha vontade de praticar, mas devido um problema na perna dificulta um pouco, porém estar falando todo o tempo dos esportes é sensacional.

Artigos Relacionados

Topo