Olho nelas: as joias para o futuro da Seleção Brasileira

Com o vice-campeonato no Torneio Internacional Uber, Pia terá dificuldades para escalar com tantas jovens se destacando
Ingryd Corinthians Feminino

A técnica Pia Sundhage tem uma nova dor de cabeça pensando nas Olimpíadas em 2020: as joias amarelinhas. Com a última edição da Copa do Mundo, Torneio Uber Internacional, Brasileirão A1 e A2, e os estaduais, muitas meninas começaram a se destacar. Assim, garotas como Ingryd e Thalia (de apenas 17 anos), do Corinthians, e Jaqueline do São Paulo. Aliás, dado os potenciais, tudo indica que elas podem ser o futuro da Seleção.

INGRYD

Embora tenha apenas 21 anos, a volante Ingryd do Corinthians já demonstra muita experiência em sua carreira. Com passagens pelo União Desportiva e o Sport-RE, a meia-campista já mostra identificação com a camisa do timão. Ainda assim, ela já coleciona títulos na prateleira de casa, com uma Copa do Nordeste e o Bicampeonato Pernambucano. Contudo, a atleta não vive só de títulos, e apresenta ótimos números com o Alvinegro. São 28 jogos (15 como titular), onde venceu 26, empatou dois. Além disso, já balançou as redes cinco vezes pelo clube na atual temporada. A jogadora ainda disputa a Libertadores junta de outras joias do timão, que começa agora em outubro.

Ingryd, volante do Corinthians. (Reprodução: Bruno Teixeira/ S.C. Corinthians)
Ingryd, volante do Corinthians. (Reprodução: Bruno Teixeira/ S.C. Corinthians)

THALIA

A joia talentosíssima chegou ao timão nesse ano, e já vem mostrando a que veio. Com destaque no Paulistão Sub-17, a garota demonstrou seu potencial, atraindo olhares. Ainda assim, a atacante canhota tem apenas 15 anos, e já está fazendo parte do Sub-18 da equipe. Por mais que o elenco principal já esteja bastante munido de talentos, nunca se sabe quando o professor precisará de reforços. E, apostando na atleta, tudo indica que Arthur Elias não terá arrependimentos.

<strong> Thalia, atacante Sub-17 do Corinthians. (Reprodução: S.C. Corinthians) <strong>
Thalia, atacante Sub-17 do Corinthians. (Reprodução: S.C. Corinthians)

JAQUELINE

Com uma boa atuação no Paulista, ajudando o time a chegar na final, e na A2, onde foi campeã, Jaqueline está atraindo olhares. Isso porque, com apenas 19 anos, a atacante já conta até com passagem na Seleção Sub-20, onde recentemente ajudou na conquista do título Sul-Americano. Entretanto, o que mais chama a atenção são suas participações ativas na parte ofensiva. Nesse último torneio com a Amarelinha, foram dois gols e três assistências em três jogos. Mas, a cereja do bolo pode vir em novembro, caso fature o Paulistão. Deste modo, a técnica Pia tem uma ótima carta na manga para as Olimpíadas de Tóquio.

Glauber Nathan

Sobre Glauber Nathan

Glauber Nathan já escreveu 81 posts nesse site..

Meu nome é Glauber Nathan, tenho 20 anos e sou estudante de jornalismo. O futebol entrou cedo na minha vida, e de lá para cá, respiro o esporte. Apesar de ser um fã assíduo do rádio, não perco a oportunidade de acompanhar qualquer jogo, independente do campeonato, divisão ou país. Entendo que o mais importante é entender e fazer os outros compreenderem a emoção do espetáculo chamado futebol.

BetWarrior


Glauber Nathan
Glauber Nathan
Meu nome é Glauber Nathan, tenho 20 anos e sou estudante de jornalismo. O futebol entrou cedo na minha vida, e de lá para cá, respiro o esporte. Apesar de ser um fã assíduo do rádio, não perco a oportunidade de acompanhar qualquer jogo, independente do campeonato, divisão ou país. Entendo que o mais importante é entender e fazer os outros compreenderem a emoção do espetáculo chamado futebol.

Artigos Relacionados

Topo