O que esperar da Euro 2016

Na próxima sexta-feira, a bola começará a rolar para a Eurocopa. Às 16h (horário de Brasília), França e Romênia realizarão o jogo de abertura da competição. O que esperar de cada seleção? Confira aqui, no Futebol na Veia!

Grupo A

França

O que esperar? Favorita ao título

O Craque: Pogba

Jogando em casa, com uma geração jovem e talentosa. A França, sem dúvida, é a grande favorita ao tri da Euro em 2016. Apesar da preocupação com a zaga – até o momento, foram quatro cortados no setor, o torcedor e a mídia francesa apostam muito no talento da seleção do meio pra frente. Pogba é o grande maestro da equipe, que ainda contam com Payet, Matuidi e Kanté em ótima fase, além de contar com os promissores Martial e Griezzmann no ataque. Sem Benzema, que não é convocado desde a confulsão com seu ex-companheiro de seleção Valbuena, o papel de centroavante ficou com Giroud, que teve uma temporada de altos e baixos com o Arsenal, o que gera um pouco de desconfiança.

Convocados: Lloris, Costil, Mandanda; Digne, Evra, Jallet, Koscielny, Mangala, Sagna, Rami, Umtiti; Cabaye, Diarra, Kanté, Matuidi, Pogba, Sissoko, Payet; Coman, Gignac, Giroud, Griezmann e Martial.

Romênia

O que esperar? Classificar-se às oitavas

O craque: Popa

Em uma chave com uma clara favorita, a Romênia briga com a Suiça para ser a segunda força do grupo. A aposta principal da equipe é um defesa forte, que conta com o bom zagueiro Chiriches, do Napoli, e o bom goleiro Tatanusaru, da Fiorentina. Para os contra ataques, a seleção romena com bons nomes, como os meias Popa e Torje, e o atacante promissor Andone, destaque do Córdoba na Série B espanhola.

Convocados: Tatarusanu, Pantilimon, Lung; Chiriches, Filip, Gaman, Grigore, Matel, Moti. Rat, Sapunaru; Chipclu, Hoban, Pintilii, Popa, Prepelita, Sanmartean, Sanclu, Torje; Alibec, Andone, Keseru e Stancu.

Suíça:

O que esperar? Pode surpreender

O Craque: Xhaka

A Suiça chega para a Euro 2016 com a expectativa de surpreender. Possui bons nomes em todas as posições, como o goleiro Sommer, o lateral Ricardo Rodriguez, o meia Xhaka e o atacante Shaqiri, e está em um grupo acessível, onde briga diretamente com a Romênia, que é inferior tecnicamente e com a surpresa Albânia, sem experiência em competições europeias.

Com um elenco jovem e com um estilo envolvente, os suiços podem ir longe nesta Euro.

Convocados: Sommer, Burki, Hitz; Lichtsteiner, Von Bergen, Moubandje, Elvedi, Lang, Ricardo Rodriguez, Djorou, Schär; Frei, Xhaka, Behrami, Zakaria, Dzemaili, Fernandes, Shaqiri; Embolo,

Seferovic, Tarashaj, Mehmedi e Derdiyok.

Albânia

O que esperar? Eliminada na primeira fase

O craque: Cana

Para os albaneses, estar na Euro já é motivo de comemoração. Pela primeira vez, o país conseguiu se classificar, graças ao aumento do número de seleções. Por isso, as expectativas são modestas. Deve ser a lanterna do grupo, porém possui um time ajeitado e um bom goleiro, apesar das limitações.

Convocados: Berisha, Shehi, Hoxha; Cana, Lila, Mavraj, Ajeti, Hysaj, Veseli, Agoli, Aliji; Basha, Abrashi, Kukeli, Kaçe, Xhaka, Memushaj, Roshi, Lenjani, Gashi; Sadiku, Cikalleshi e Balaj

Grupo B

Inglaterra

O que esperar? Candidata ao título

O craque: Rooney

A seleção inglesa tem a fama de sempre ser favorita, mas decepcionar na hora H.

Porém, após as últimas exibições do English Team e a boa fase de seus principais jogadores, além de bons nomes jovens, os ingleses vêm fortes em busca do título. Com um ótimo goleiro, uma zaga sólida e com a excelente fase de seus centroavantes, os ingleses têm tudo para surpreender e buscar o título inédito.

Convocados: Hart, Heaton, Forster; Smalling, Cahill, Stones, Rose, Walker, Clyne, Bertrand; Milner, Lallana, Henderson, Barkley, Dier, Alli, Sterling, Wilshere; Rooney, Rashford, Vardy, Sturridge e Kane.

Rússia:

O que esperar? Classificar-se às oitavas

O craque: Akinfeev

Anfitriã da próxima Copa do Mundo, a seleção russa não empolga atualmente. As atuações fracas nos amistosos e com uma geração modesta, os russos tem a expectativa ao menos de passar de fase, mas para isso, terá que vencer a concorrência de Gales e da Eslováquia. Provavelmente, não irá muito longe nesta Euro.

Convocados: Akinfeev, Guilherme, Lodygin; A. Berezutski, V. Berezutski, Ignashevich, Kombarov, Neustadter, Schennikov, Shishkin, Smolnikov; Glushakov, Golovin, Ivanov, Mamaev, Samedov, Shatov, Shirokov, Torbinski, Yusupov; Dzyuba, Kokorin e Smolov.

País de Gales

O que esperar? Pode surpreender

O craque: Bale

Toca no Bale! A grande esperança galesa na Euro se chama Gareth Bale. O craque do Real Madrid carregou sua seleção nas costas nas eliminatórias e conseguiu a classificação histórica de seu país, feito que nem o lendário Ryan Giggs conseguiu. O time conta com nomes medianos, que atuam principalmente no futebol inglês, mas por causa de seu craque, pode surpreender e chegar longe na competição.

Convocados: Hennessey, Willians, Ward; Gunter, Taylor, Davies, Chester, Williams, Richards; Collins, Allen, King, Ramsey, EdwardsLedley, J. Williams, Vaughan; Robson-Kanu, Bale, G. Williams, Cotterill, Vokes e Church

Eslováquia

O que esperar? Eliminada na primeira fase

O craque: Hamsik

Em um grupo bastante equilibrado, a Eslováquia tem um desafio grande na Euro: passar de fase. Mas com um time bastante inferior ao da Inglaterra, e um pouco mais fraca que Gales e Rússia, será difícil cumprir o objetivo. A esperança eslovaca são os meias Hamsik e Weiss, os mais talentosos desta geração.

Convocados: Kozacik, Mucha, Novota; Durica, Gyomber, Hubocan, Pekarik, Salata, Skriniar, Skrtel, Svento; Duda, Gregus, Hamsik, Hrosovsky, Kucka, Mak, Pecovsky, Stock, Weiss; Duris,Nemec e Sestak.

Grupo C

Alemanha

O que esperar? Candidata ao título

O craque: Müller

Atual campeã do mundo, os alemães chegam como favoritos e como a seleção que pode desafiar a França na Euro, mesmo em território francês. O time, base do Bayern, é extremamente forte e conta com vários talentos individuais. Deu sorte no sorteio, caindo em um grupo relativamente fácil e não deve ter dificuldades em se classificar, e deve ser um dos adversários mais duros desta edição.

Convocados: Neuer, Leno, ter-Stegen; Boateng, Hector, Howedes, Hummels, Kimmich, Mustafi, Rüdiger; Can, Draxler, Götze, Khedira, Kroos, Özil, Sané, Schürrle, Schweinsteiger, Weigl; Gomez, Müller e Podolski.

Polônia

O que esperar? Pode surpreender

O craque: Lewandowski

A Polônia chega a Euro com a esperança de uma boa campanha. É a segunda força do grupo e tem um dos principais atacantes do planeta: Lewandowski. Nas eliminatórias, o jogo vistoso e ofensivo da seleção surpreendeu, passando para a fase final da Euro sem precisar de repescagem. Se contar com seu craque inspirado, pode ir longe.

Convocados: Szczesny, Boruc, Fabianski; Pazdan, Jedrzejczy, Cionek, wawrzyniak, Glik, Salamon, Piszczek, Maczynski; Jodlowiec, Linetty, Krichowiak, Grosicki, Blaszczykowski, Peszko, Zielinski, Kapustka, Starzynski; Milik, Lewandowski e Stepinski

Ucrânia

O que esperar? Classificar-se às oitavas

O craque: Konoplyanka

Sua geração de ouro, que chegou às copas de 2006 e as quartas na copa de 2010, envelheceu e a atual seleção ucraniana é bem limitada. Pode passar de fase pois o grupo não é tão forte, mas não deve surpreender e ir muito longe. Como terá grupos que classificarão três seleções, é capaz que chegue a segunda fase, pois a Irlanda do Norte deve ser o saco de pancadas do grupo.

Convocados: Boyko, Pyatov, Shevchenko; Butko, Fedetskiy, Khacheridi, Kucher, Rakitskiy, Shevchuk; Garmash, Karavaev, Konoplyanka, Kovalenko, Rotan, Rybalka, Stepanenko, Sydorchuk, Tymoshchuk, Yarmolenko, Zinchenko; Budkivskiy, Seleznyov e Zozulya

Irlanda do Norte

O que esperar: Eliminada na primeira fase

O craque: Lafferty

A Irlanda do Norte surpreendeu a todos ao conseguir classificar-se a Euro. Porém, com uma equipe montada com base nos times das divisões inferiores da Inglaterra e alguns da Escócia, deve ser presa fácil em seu grupo. O jogador mais conhecido da seleção é o zagueiro Evans, ex Manchester United, atualmente no West Bromwich. A esperança de gols está em Lafferty, atacante do Birmigham e grande nome da seleção nas eliminatórias.

Convocados: Carroll, Mannus, McGovern; Baird, Cathcart, Evans, Hodson, Hughes, McAuley, McCullough, McLaughlin, McNair; Dallas, Davis, C. Evans, Ferguson, Magennis, Norwood, Ward; Grigg, Lafferty, McGinn e Washington.

Grupo D

Espanha

O que esperar? Candidata ao título

O craque: Iniesta

Atual bi campeã do torneio, a Espanha vem em processo de renovação. Apostando na mescla de jovens com veteranos, os espanhóis desembarcam na França como uma das favoritas ao título. Está em um grupo equilibrado, mas pelo desempenho nas eliminatórias e nos últimos amistosos, podemos ver uma equipe sólida, e que com certeza lutará pelo tri campeonato consecutivo.

Convocados: De Gea, Casillas, Rico; Azpilicueta, Bartra, Bellerín, Alba, Juanfran, Piqué, Ramos, San José; Soriano, Busquets, Fabregas, Iniesta, Koke, Silva, Alcantara, Aduriz, Vázquez, Morata, Nolito e Pedro.

Croácia

O que esperar? Pode surpreender

O craque: Modric

A seleção croata chega a esta Euro como uma das seleções que podem surpreender positivamente. Com bons nomes, como Modric, Rakitic, Perisic e Mandzukic, chegam como segunda força do grupo e postulante a brigar pelas fases mais agudas da competição. A zaga preocupa, mas com nomes tarimbados no cenário europeu, não deve fazer feio.

Convocados: Subasic, Kalinic, Vargic; Corluka, Jedvaj, Scildenfeld, Srna, Strinic, Vida, Vrsaljko; Badelj, Brozovic, Coric, Kovacic, Modric, Perisic, Rakitic, Rog; Cop, Kalinic, Kramaric, Mandzukic

Turquia

O que esperar: Pode surpreender

O craque: Arda Turan

Capitaneados por Arda Turan, o craque do time, a Turquia chega com esperanças altas para a Euro. Apesar de ter caído em um grupo díficil, os turcos têm esperança de classificação, por contar com nomes promissores, principalmente no meio campo. Deve brigar diretamente com a Turquia pela segunda vaga no grupo.

Convocados: Babacan, Kivrak, Tekin; Çalik, Gonul, Balta, Koybasi, Kaya, Ozbayrakli; Turan, Erkin, Çalhanoglu, Topal, Sahin, Ozyakup, Sahan, Tufan, Inan, Sen, Malli; Yilmaz, Tosun e Mor.

República Tcheca

O que esperar? Eliminada na primeira fase

O craque: Cech

Com uma seleção bastante envelhecida, a República Tcheca chega com a esperança de conseguir a classificação para segunda fase. Possui bons valores, como Cech, Rosicky e Necid, mas é a seleção mais fraca do grupo. Em um dos grupos mais equilibrados da competição, pode passar de fase, mas o mais provável é que não passe da fase de grupos.

Convocados: Cech, Koubek, Vaclík; Selassie, Hubník, Kaderabek, Kadlec, Limbersky, Sivok, Suchy; Darida, Dockal, Kolar, Krejci, Pavelka, Plasil, Pudil, Rosicky, Skalak, Sural; Lafata, Necid e

Grupo E

Bélgica

O que esperar? Candidata ao título

O craque: De Bruyne

A promissora geração belga, que fez um bom papel na Copa de 2014, chega à Euro no auge. Conta com o ótimo Courtois no gol, com a dupla de zaga menos do campeonato inglês, com meias rápidos como De Bruyne e Hazard e com o matador Lukaku na frente. Por esses motivos, a Bélgica é uma das favoritas ao título. Resta saber se esse peso não pressionará os jovens, além da camisa mais frágil pesar na Hora H, mas vale a pena acompanhar os belgas.

Convocados: Courtois, Mignolet, Gillet; Alderweireld, Ciman, Denayer, Kabasele, J. Lukaku, Meunier, Vermaelen e Vertonghen; Carrasco, De Bruyne, Dembélé, Fellaini, Hazard, Nainggolan, Witsel; Batshuayi, Benteke, Lukaku, Mertens e Origi.

Itália

O que esperar? Pode surpreender

O craque: Buffon

A Itália não é mais a mesma. A seleção é fraca tecnicamente, e os dois maestros da equipe – Marchisio e Verrati, foram cortados por lesão. O grupo não é dos mais fáceis, mas a Itália deve ser a segunda força do grupo. Pela tradição, seria candidata ao título, mas pelo elenco, se chegar longe na competição, será surpreendente.

Convocados: Buffon, Sirigu, Marchetti; Barzagli, Bonucci, Chiellini, Darmian, De Sciglio, Ogbonna; Bernadeschi, Candreva, De Rossi, Florenzi, Giaccherini, Parolo, Sturaro, Motta; Eder, El Shaarawy, Immobile, Insigne, Pellè e Zaza.

Suécia

O que esperar? Classificar-se às oitavas

O craque: Ibrahimovic

Assim como o País de Gales, a Suécia é a seleção de um homem só: Ibrahimovic. O craque, de saída do PSG, é a única esperança sueca nesta Euro. O elenco é bastante experiente, mas é tecnicamente fraco, e depende muito de seu centroavante para ir longe.

Pode buscar a terceira vaga no grupo, mas não deverá ir muito longe.

Convocados: Isaksson, Olsen, Carlgren; Augustinsson, Granqvist, Jansson, Johansson, Lindelof, Lustig, Olsson; Durmaz, Ekdal, Zengin, Forsberg, Hiljemark, Kallstrom, Larsson, Lewicki, Wernbloom; Berg, Guidetti, Ibrahimovic e Kujovic.

Irlanda

O que esperar? Eliminada na primeira fase

O craque: Robbie Keane

A Irlanda vem para essa Euro com seu estilo de jogo tradicional: a retranca. Está em um grupo difícil, e como é a pior seleção tecnicamente do grupo, pelo menos na teoria, não deve passar de fase. A esperança verde é a estrela de Robbie Keane, ídolo veterano e maior artilheiro da história da seleção. Porém, isso não deve ser suficiente para brigar com as outras três seleções do grupo, pois em amistoso, os irlandeses perderam em casa para a fraca seleção e Belarus.

Convocados: Given, Randolph, Westwood; Christie, Clark, Coleman, Duffy, Keogh, O’Shea, Ward; Brady, Hendrick, Hoolahan, McCarthy, McClean, McGeady, Meyler, Quinn, Whelan; Keane, Long, Murphy e Walters.

Grupo F

Portugal

O que esperar? Pode surpreender

O craque: Cristiano Ronaldo

Portugal, se almeja algo maior nessa Euro, precisa desse cara: Cristiano Ronaldo. O craque é o diferencial de uma equipe que tem bons nomes, mas que não passam de uma equipe mediana. Não deve ter dificuldades para passar de fase, mas na hora decisiva, precisaram muito de seu craque para equilibrar as coisas.

Convocados: Rui Patricio, Lopes, Eduardo; Bruno Alves, Ricardo Carvalho, Cédric, Eliseu, Fonte, Pepe, Guerreiro; Adrien, André Gomes, Danilo, João Mário, João Moutinho, Rafa Silva, Renato Sanches, Vieirinha, William Carvalho; Éder, Nani, Quaresma e Cristiano Ronaldo.

Aústria

O que esperar? Classificar-se às oitavas

O craque: Alaba

Após muito tempo longe dos grandes campeonatos, a Áustria vem a Euro com uma equipe de futebol vistoso e com alguns bons talentos. As esperanças austríacas vem dos pés de Alaba e de Arnautovic, os dois melhores jogadores da seleção. Por causa da força do grupo, deve passar de fase, porém não deve ter forças para chegar mais longe.

Convocados: Almer, Lindner, Özcan; Dragovic, Fuchs, Hinteregger, Kieln, Prödl, Suttner, Wimmer; Alaba, Baumgartlinger, Garics, Harnik, Ilsanker, Jantscher, Junuzovic, Sabitzer, Schöpf; Arnautovic, Hinterseer, Janko e Okotie.

Islândia

O que esperar? Eliminada na primeira fase

O craque: Sigurdsson

A pequena ilha, ao norte da Europa, já fez história. A classificação inédita a Euro inflamou o país, e boa parte de sua população estará na França apara acompanhar o time. No campo, o time contém bons valores, principalmente do meio pra frente, como Sigurdsson, Sightórsson e Gudjohnsen. Pode surpreender, mas pela falta de experiência, deve ser eliminada ainda na fase de grupos, mas nada que acabe com o orgulho do país.

Convocados: Halldórsson, Jónsson, Kristinsson; Bjarnason, Hauksson, Hermannsson, Ingason, Magnusson, Saevarsson, R. Sigurdsson, Skúlason, Traustason; Árnason, Bjarnason, Gunnarsson, Hallfredsson, Sigurdsson, Sigurjónsson; Bödvarsson, Finnbongason, Gudjohnsen, Gudmundsson e Sigthórsson.

Hungria

O que esperar? Eliminada na primeira fase

O craque: Gera

A Hungria, talvez ao lado da Irlanda do Norte e da Albânia, seja a grande zebra da Euro.

A seleção é muito limitada tecnicamente e deve ser presa fácil no grupo. Apesar de sua tradição, a equipe de hoje não corresponde em campo. O objetivo deve ser apenas não ser o saco de pancadas da competição.

Convocados: Király, Dibusz, Gulácsi; Bese, Fiola, Guzmics, Juhász, Kádár, Korhut, Lang, Pintér; Elek, Kieinheisler, Lovrencsics, Nagy, Stieber; Böde, Dzsudzsák, Gera, Németh, Nikolic, Priskln e

Façam suas apostas! Quem será que vai dominar a Europa? A resposta, só dia de julho, quando acontecer a grande final!

Avatar

Sobre Danilo Alves

Danilo Alves já escreveu 1 posts nesse site..

Sou Danilo Alves, tenho 22 anos e estou no 7° semestre de jornalismo. Moro em São Paulo, sou do lado verde da força e sou viciado por futebol. Até um Taiti x Nova Zelândia cai bem. Dando os primeiros passos na carreira, pois devagar se chega ao longe.

BetWarrior


Avatar
Danilo Alves
Sou Danilo Alves, tenho 22 anos e estou no 7° semestre de jornalismo. Moro em São Paulo, sou do lado verde da força e sou viciado por futebol. Até um Taiti x Nova Zelândia cai bem. Dando os primeiros passos na carreira, pois devagar se chega ao longe.

Artigos Relacionados

Topo