Nos acréscimos, Everton garante empate contra o Tottenham

O confronto foi marcado pela grave lesão de André Gomes e desespero de Son
Nos acréscimos, Everton garante empate contra o Tottenham

A equipe do Everton conseguiu evitar a derrota em casa e empatou em 1 x 1 com Tottenham nos acréscimos. Porém, a partida foi marcada pelo susto e comoção no Estádio Goodison Park. No confronto realizado neste domingo (3), o meio-campo André Gomes dos Toffees, sofreu uma grave lesão ao ser atingido na perna pelo jogador dos Spurs, Son Heung-min. O triste ocorrido encerrou a 11ª rodada da Premier League. Além disso, o resultado em nada mudou para as duas equipes que ganharam apenas um ponto a mais tabela: os mandantes continuaram na porta do rebaixamento, na 17ª posição. Por lado, os visitantes estão um pouco melhores, mas seguem estacionados na 11ª.

1° TEMPO

O tempo se manteve sem gols e equilibrado, porém com alguns estranhamentos entre as equipes. O Tottenham teve  maior posse de bola até a metade do tempo, mas o Everton começou a atacar mais: com maior movimentação e demonstrações perigo. Aos 32, Richarlison foi aplaudido de pé pela torcida no que poderia ser um belo gol: ao receber a bola pela lateral esquerda de Lucas  Digne, o atacante dominando de costas, girou chutando direto para o gol. Mas, parou nos braços do goleiro dos Spurs, Paulo Gazzaniga. Mais uma vez, o camisa 7 teve uma nova oportunidade aos 42 minutos, mas não conseguiu finalizar.

 

2° TEMPO

Com 15 minutos de bola rolando, o Toffees já trouxeram novo perigo. O atacante Richarlison quase abriu o placar, porém quem deu mudou o marcador foram os visitantes. Aos 18, Dele Alli recebeu de Son e correu enfrentando a defesa adversária. O meia limpou a jogada, carregou para o meio da área e chutou direto para o gol, assim abrindo 1 x 0 para os Spurs.

Alguns minutos depois, um lance triste que manchou a partida. Para bloquear a jogada de ataque de André Gomes do Everton, Son lançou um forte carrinho no meia, que colidiu com outro jogador do Tottenham, Serge Aurier. De imediato, o jogador português caído segurou a perna gritando e chorando de dor. Desta maneira, o atacante sul-coreano ao ver a grave lesão que causou ao rival, entrou em desespero e chorou. O juiz como penalidade pela dura dividida, deu o cartão vermelho direto ao atacante dos Spurs.

Os visitantes com um jogador a menos na equipe e desestabilizados pelo ocorrido anterior, deixaram os donos da casa crescerem no jogo e forçarem no ataque.  Assim, conseguiram o empatar quase no fim, já nos acréscimos com o gol de cabeça de Cenk Tosun, após receber laçamento do lateral esquerdo Digne. Como consequência, os Toffees igualaram em 1 x 1.

 

E AGORA?

Os dois times ingleses voltam a jogar pela 12ª rodada no próximo fim de semana. No sábado (9), às 12h (horário de Brasília), o Everton vai ao encontro do Southampton no St. Mary’s Stadium. Entretanto, o Tottenham recebe simultaneamente em casa no Tottenham Hotspur Stadium, o clube do Sheffield United.

MELHORES MOMENTOS

Foto destaque: Divulgação/Twitter

Amanda Cruz

Sobre Amanda Cruz

Amanda Cruz já escreveu 138 posts nesse site..

Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante de jornalismo. Paulistana, filha de pernambucanos e atualmente moro em Lorena/SP. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Curiosa sobre o esporte e amante de História, gosto de estar sempre por dentro do assunto: acompanho boa parte de notícias e jogos, principalmente das ligas internacionais. O futebol é um esporte emocionante e como uma boa (futura) jornalista, escrever sobre ele é demais!

BetWarrior


Amanda Cruz
Amanda Cruz
Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante de jornalismo. Paulistana, filha de pernambucanos e atualmente moro em Lorena/SP. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Curiosa sobre o esporte e amante de História, gosto de estar sempre por dentro do assunto: acompanho boa parte de notícias e jogos, principalmente das ligas internacionais. O futebol é um esporte emocionante e como uma boa (futura) jornalista, escrever sobre ele é demais!

Artigos Relacionados

Topo