Maxi marca de pênalti no fim, e Vasco empata com Flamengo pela Taça Rio

Os rubro-negros reclamam da penalidade marcada no fim e Bruno Henrique ainda foi expulso

Neste sábado (9), pela 3ª rodada da Taça Rio, a Portuguesa e o Boavista ficaram no empate em 1 x 1, em Moça Bonita. E o tão esperado clássico entre Vasco e Flamengo ficou no empate, pelo mesmo placar (1 x 1), em pleno Maracanã. Confira todos os detalhes das partidas.

TAÇA RIO – 3ª RODADA

Portuguesa 1 x 1 Boavista

Portuguesa e Boavista fizeram um duelo movimentado e empataram em 1 x 1, na tarde deste sábado (9), em Moça Bonita. O time de Bacaxá até saiu na frente com um gol de Arthur Rezende, aos 35 minutos do 1º tempo, de pênalti. A Lusa, no entanto, chegou ao empate com Romarinho, que aproveitou uma falha do goleiro Guilherme Eiras e deixou tudo igual.

Ambos os times vivem momentos complicados no Carioca. A Lusa ainda não venceu na temporada, luta contra o rebaixamento para a seletiva e soma apenas dois pontos na classificação geral. Já o Verdão de Saquarema não vence desde o final de janeiro, quando bateu a Cabofriense, pela 2ª rodada da Taça Guanabara. Desde então, foram quatro derrotas, um empate e a eliminação para o Figueirense na Copa do Brasil. A Portuguesa volta a campo na próxima sexta-feira (15), quando encara o Bangu às 16h30 (hirário de Brasília), no Estádio Moça Bonita. Já o Boavista terá o Americano pela frente no domingo (17), no Estádio Elcyr Resende, às 18h (horário de Brasília).

Vasco da Gama 1 x 1 Flamengo

Os primeiros 20 minutos de partida foram com algumas chances claras de gol.  Logo no primeiro minuto, Pikachu cobrou escanteio. Werley desviou no meio da área e Marrony concluiu na segunda trave. A bola foi na rede pelo lado de fora. O Flamengo respondeu na sequência com duas bombas do lateral peruano Trauco. Na segunda Fernando Miguel defendeu em dois tempos. Depois da parada técnica do 1º tempo, o clássico caiu de rendimento. Os times passaram a errar bastante e diminuíram o ritmo.

Mas, logo no começo da etapa final, Arrascaeta marcou para o time de vermelho e preto. Aos dois minutos, Éverton Ribeiro acionou Vitinho, que tirou a defesa da jogada e deixou Arrascaeta em ótima condição para estufar as redes e correr para a torcida do Flamengo. O Rubro-negro desperdiçou boas possibilidades. A principal delas com Rodinei, que perdeu um gol feito, já sem goleiro. Quando não parecia mais possível o empate, o Vasco conseguiu com Maxi López. A arbitragem assinalou pênalti em Marrony, que foi derrubado por Thuler. O argentino bateu firme. César pulou no canto certo, mas não conseguiu evitar o gol.

O clássico estava sem nenhuma polêmica, porém, no final não teve jeito: terminou em confusão. Pois, aos 49 minutos do 2º tempo, o árbitro Wagner Nascimento assinalou uma penalidade para a equipe vascaína. Os Rubro-negros reclamaram bastante da decisão do juiz e Bruno Henrique foi expulso após o apito final depois de intensa reclamação.

O Vasco chega aos cinco pontos e permanece na 2ª posição do Grupo B. O Flamengo tem sete pontos e segue na ponta do Grupo C. Os times agora se concentram em outras competições. Na próxima quarta-feira (13), o Flamengo recebe a LDU, do Equador, no Maracanã, pela Libertadores. Na quinta-feira (14), o Vasco enfrenta o Avaí, em São Januário, pela Copa do Brasil. As duas partidas serão às 21h30 (horário de Brasília).

Matheus Carvalho

Sobre Matheus Carvalho

Matheus Carvalho já escreveu 253 posts nesse site..

Sou Matheus Carvalho, carioca, tenho 20 anos e curso Jornalismo. O esporte sempre esteve na minha vida e provavelmente sempre estará. E como todo brasileiro sou apaixonado por futebol


Que tal assistir a final da Libertadores no Chile? Cadastre-se e concorra:

Rexona


Forza Football

 

Matheus Carvalho
Matheus Carvalho
Sou Matheus Carvalho, carioca, tenho 20 anos e curso Jornalismo. O esporte sempre esteve na minha vida e provavelmente sempre estará. E como todo brasileiro sou apaixonado por futebol

Artigos Relacionados

Topo