Lukaku é alvo de racismo na Itália

O atacante foi hostilizado na partida contra o Cagliari

No último domingo (1), a Internazionale venceu o Cagliari fora de casa por 1 x 2 pela 2ª rodada da Serie A TIM 2019/20. Com isso, a equipe chega aos seis pontos na competição. Bem como é uma das líderes do campeonato ao lado do Torino. Entretanto, o fator jogo ficou em segundo plano após a partida. O atacante belga Romelu Lukaku, recém-chegado a Nerazzurri, foi alvo de insultos racistas por parte da torcida do clube mandante. Primeiramente, não é a primeira vez que os fãs do Isolani Rossoblu cometem está manifestação. Além disso, o jogador cobra ações de dirigentes, entidades e atletas sobre o ocorrido.

O CASO DE RACISMO COM LUKAKU

Aos 27′ do segundo tempo, o juiz assinalou pênalti para a Internazionale. A partida estava empatada em 1 x 1. Com a infração, Lukaku pegou a bola para fazer a cobrança. Ali, os insultos começaram. Quando o jogador posicionava a bola para converter a chance, a torcida dos donos da casa começou a entoar barulhos semelhantes aos de macacos. Mas isso não intimidou o belga para marcar o tento da vitória da Nerazzurri. Bem como o camisa 9 do time de Milão não partiu para violência e respondeu os gritos com o gol e uma encarada aos torcedores que cometiam racismo atrás da meta defendida por Olsen. Enfim, o caso repercutiu mundo a fora.

Nas redes sociais, o atacante se manifestou. Primeiramente, o belga cobra uma posição de entidades e federações no mundo inteiro. Além disso, ressalta que a tempos, vários jogadores lutam pela causa, mas nada foi feito. Enfim, o jogador diz que espera medidas para o combate ao racismo no futebol.

“Senhoras e senhores, estamos em 2019 e, em vez de avançarmos (contra o problema), estamos andando para trás”, afirmou Lukaku.

“Penso que como jogadores devemos estar unidos e tomar posição frente a este problema com o objetivo de conservar este esporte limpo e agradável para todos”,ressaltou o jogador.

“As plataformas de mídia social também devem trabalhar mais, com os clubes, porque todos os dias há pelo menos um comentário racista em relação a uma pessoa de cor”, cobrou o atleta.

NÃO É A PRIMEIRA VEZ ENVOLVENDO O CAGLIARI

Por incrível que pareça, essa manifestação da torcida do Cagliari nos jogos, infelizmente é muito comum. Os fãs do Isolani Rossoblu já estiveram envolvidos em outras polêmicas como a do último domingo no futebol italiano. Em 2010, Samuel Eto’o foi alvo dos insultos da arquibancada quando foi jogar na cidade, também pela Internazionale. Além do camaronês, outros jogadores também foram alvo de racismo. Em 2017, o ganês Sulley Muntari, na época, no Pescara, foi hostilizado. Entretanto, quando o atleta pediu para o árbitro parar o jogo, não só teve o pedido negado, como levou cartão amarelo, por reclamação.

Recentemente, tivemos dois casos envolvendo racismo por parte da torcida do Cagliari com jogadores da Juventus. Em 2018, o volante francês Blaise Matuidi foi alvo dos racistas na Sardenha. Enfim, antes do caso Lukaku, o também atacante Moise Kean foi hostilizado pelos fãs do Isolani Rossoblu. O atleta, hoje no Everton, mandou as pessoas no estádio ficarem caladas após seu tento marcado, pedindo silêncio.

https://twitter.com/MHus66/status/1168301252234698753?s=19

Foto destaque: Divulgação/Internazionale

Caíque Ribeiro

Sobre Caíque Ribeiro

Caíque Ribeiro já escreveu 105 posts nesse site..

Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 18 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5


 

365 Scores

 

Caíque Ribeiro
Caíque Ribeiro
Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 18 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5
https://offbook.sport.blog/

Artigos Relacionados

Topo