Los Angeles FC vence Dallas, e aumenta vantagem no Oeste da MLS

Carlos Vela novamente foi o centro das atenções

Nesta quinta-feira (16), o Los Angeles FC recebeu o FC Dallas pela continuidade da semana 12 da MLS. Jogando diante de sua torcida, no Banc of California, The Black and Gold não deu chance aos Touros e venceu por 2 x 0, ficando cinco pontos a frente no Oeste. Mais uma vez o grande destaque do dia foi Carlos Vela, ele fez um dos gols da partida, além de incomodar bastante do goleiro do time rival.

1º Tempo

O Los Angeles comandou as ações durante toda a etapa inicial, finalizando 14 vezes contra nenhuma do time visitante. A primeira oportunidade surgiu dos pés de Vela, ele bateu falta e acertou o travessão do goleiro González. Mas, na segunda chance clara que teve (aos 39′) ele não perdoou, pois recebeu livre de marcação dentro da área e bateu colocado, sem chances de qualquer intervenção. Ainda na reta final, Diego Rossi tentou da mesma maneira, porém o arqueiro rival conseguiu afastar. Dessa forma, o placar foi para o intervalo em 1 x 0 para o time da casa.

2º Tempo

Na metade final do duelo, os mandantes continuaram melhor, arriscando rigorosamente o mesmo número de chutes, mas ofereceu sete oportunidades ao Dallas. Aos 20 minutos, a franquia de preto teve excelente oportunidade após cruzamento de Blessing, que chegou para Diamondé chutar de primeira, passando perto. A melhor chance da equipe de branco surgiu aos 32 minutos, quando Aranguiz arriscou, tirando tinta da trave de Tyler Miller. Aos 38′, Diamondé roubou a bola no campo adversário, tocou para Vela, que devolveu para o 99 passar para Rossi, somente empurrar para o gol. O VAR entrou em ação, mas confirmou o tento fechando o placar em 2 x 0 para os californianos.

E Agora?

Coma vitória, o Los Angeles chega a 30 pontos na tabela e avança na liderança do Oeste, deixando Seattle e Galaxy brigando pelo 2º lugar, com cinco e sete pontos abaixo, respectivamente. Já o FC Dallas permanece na 5ª posição da chave, com 17 pontos, e aumenta seu momento ruim para quatro jogos sem vencer, sendo os três últimos com derrota. No próximo domingo, os times voltam a se enfrentar pela competição, mas com o duelo acontecendo no Toyota Stadium, em Frisco, casa do Dallas, às 20h30 (horário de Brasília).

Ruan Silva

Sobre Ruan Silva

Ruan Silva já escreveu 774 posts nesse site..

Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.


 

365 Scores

 

Ruan Silva
Ruan Silva
Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

Artigos Relacionados

Topo