Leverkusen vence e ultrapassa o Gladbach na Bundesliga

- Kai Havertz é o grande nome do jogo. Além dos dois gols, o jovem passeou em campo, mais uma bela atuação
Leverkusen vence Gladbach

Na manhã deste sábado (23), o Bayer Leverkusen ganhou e ultrapassou o Gladbach, no Borussia-Park, em partida válida pela 27° rodada da Bundesliga. Em diversos momentos da partida as equipes mostraram equilíbrio, mas os visitantes foram melhores e venceu este importante confronto. Os destaques vão para Havertz que marcou duas vezes e Bender, que também balançou as redes, mas além disso, fez uma ótima partida defensivamente. Do outro lado, Thuram descontou para o time da casa. 3 x 1 placar final.

1° tempo

O 1° tempo inteiro seguiu com um ritmo constante, o Gladbach propôs o jogo, enquanto o Leverkusen seguiu no contra-ataque. Não houve muitas chances da rede balançar mais vezes, as melhores oportunidades foram dos Leões. Tanto que, logo aos 7’, Demirbay recebeu a bola após passe errado do adversário, com uma jogada rápida encontrou Bellarabi que viu Havertz passando sem marcação, que chutou na saída do goleiro, abrindo o placar.

O Gladbach teve menos posse de bola, manteve a tradicional linha alta, com marcação pressão, dificultou bastante a saída do Leverkusen. Contudo, a melhor chance do time mandante saiu apenas aos 40 minutos, após chute de longa distância do Hofmann, o goleirão não encaixou, o que deu breche para o rebote, mas sem sucesso de gol.

O que atrapalhou bastante as duas equipes foram os vários passes errados. Sobretudo, ainda deu tempo de o Bayer perder uma oportunidade incrível. Após boa trama, Havertz acertou a bola no travessão, com o goleiro distante, a pelota sobrou na pequena área para Demirbay, que conseguiu acertar no defensor Elvedi.

2° tempo

A segunda etapa da partida melhorou muito. Os minutos inicias foram eletrizantes, com o Gladbach protagonista. Os Potros foram com tudo. Deu certo. A jogada se iniciou com Sommer, após trama ensaiada, rápida e com poucos toques, Thuram recebeu belo passe de Pléa, que não perdeu a oportunidade e empatou o jogo. Um minuto depois, novamente ele, Thuram saiu na velocidade, mas, dessa vez, não balançou as redes. Fez falta não aproveitar a chance.

O Leverkusen começou o 2° tempo acuado, mas é nesses momentos que os grandes jogadores aparecem, como é o caso de Kai Havertz. O jovem achou um passe lindo para Bellarabi, que errou o gol, mas foi atropelado pelo zagueiro Elvedi, que havia salvado o time no 1° tempo, pênalti para os Leões. Havertz cobrou, Sommer ainda tocou na pelota, mas o placar foi alterado.

Depois disso foi um toma lá, dá cá, boas oportunidades para as duas equipes. O Pléa ainda teve um gol bem anulado, aos 17 minutos. Os mandantes seguiram criando jogadas, tendo Thuram como grande nome do time. Aos 22’, o francês conseguiu achar um passe de letra dentro da grande área, mas Hofmann não aproveitou.

Faltando nove minutos para o fim da partida, quem agarrou as chances de balançar as redes foi justamente o Bayer Leverkusen. Demirbay cobra a falta direto para Sven Bender – que fez ótima partida-, marcou o gol e decretou a vitória de seu time.

E agora?

Com a vitória, o Bayer Leverkusen ultrapassou o Gladbach e, no momento, o RB Leipzig, que joga ainda nesta rodada. A vitória dos Leões deixou a equipe com 53 pontos, quatro a menos que o 2° colocado Borussia Dortmund. O Bayern de Munique tem 58 pontos, mas faz sua partida desta jornada. Após a pandemia, o Leverkusen vai voltar ao BayArena diante o Wolfsburg, na terça-feira (26), às 15h30 (horário de Brasília).

Do outro lado, o Gladbach, além de ser ultrapassado pelo Bayer Leverkusen, pode ver o RB Leipzig também passar a equipe. E na próxima rodada encara o Werder Bremen, no Weser-stadion, na terça-feira (26), as 15h30 (horário de Brasília)

Imagem destaque: Twitter Bayer Leverkusen

Jonathan Luiz Souza

Sobre Jonathan Luiz Souza

Jonathan Luiz Souza já escreveu 70 posts nesse site..

Quando comecei a faculdade de jornalismo não sabia o que esperar, entrei cheio de ressalvas, mas só após um semestre me encontrei no curso, e acabei me apaixonando. O futebol me fez escolher a área da comunicação, e pelo menos, até o momento, acho que acertei em cheio, aquele golaço no ângulo. Como grande objetivo profissional, espero que um dia trabalhe na mídia esportiva. O futebol é igual Rock’n’roll, começa com um belo solo de guitarra, depois de um pequeno tempo as coisas começam a agitar, chega na metade que é o seu clímax, e termina cheio de emoção. Viva o futebol, a maior criação do homem!

0 0 vote
Article Rating
365 Scores

BetWarrior


Jonathan Luiz Souza
Jonathan Luiz Souza
Quando comecei a faculdade de jornalismo não sabia o que esperar, entrei cheio de ressalvas, mas só após um semestre me encontrei no curso, e acabei me apaixonando. O futebol me fez escolher a área da comunicação, e pelo menos, até o momento, acho que acertei em cheio, aquele golaço no ângulo. Como grande objetivo profissional, espero que um dia trabalhe na mídia esportiva. O futebol é igual Rock’n’roll, começa com um belo solo de guitarra, depois de um pequeno tempo as coisas começam a agitar, chega na metade que é o seu clímax, e termina cheio de emoção. Viva o futebol, a maior criação do homem!

Artigos Relacionados

Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Topo
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x