Jogadores de toda parte do mundo demonstram apoio ao caso de George Floyd

- O assassinato de George Floyd movimentou a internet e o mundo do Futebol em busca de Justiça
Vidas Negras Importam

Desde o dia 25 de maio um assunto diferente da pandemia em que o mundo está passando, vem ganhando uma repercussão gigantesca. O assassinato de George Floyd, por asfixia causada pelo joelho de um policial (Derek Chauvin) da cidade de Minneapolis. No entanto, o caso vem tendo apoio de manifestantes e ganhando destaque, também, nas redes sociais. Diante disso, no futebol não vem sendo diferente, esse apoio vem de clubes e jogadores do mundo inteiro.

Alguns clubes como o Liverpool, demonstraram solidariedade e apoio a campanha #BlackLivesMatter. Toda a equipe dos Red's ajoelhou-se no círculo central de Anfield, antes de sessão de treinamento nesta segunda-feira (01), em uma poderosa demonstração de apoio ao movimento. Outros clubes também apoiaram pelas redes sociais como é o caso do Corinthians, aqui no Brasil que publicou um vídeo e a mensagem:O racismo mata e destrói famílias no Brasil e no mundo. Não se cale. Nós nos importamos com essas vidas. Por isso somos Corinthians. #VidasNegrasImportam #BalckLivesMatter”.

OS JOGADORES

Mas o apoio não ficou restrito aos clubes. Atletas também utilizaram as redes sociais para protestar. Entre eles a estrela do Paris Saint-Germain, Mbappé, subiu uma hashtag com o dizer “Justiça para George”. O zagueiro Van Dijk também postou a foto da sua equipe do Liverpool, com a #BlackLivesMatter. Gabigol, jogador do Flamengo também publicou uma foto em seu Twitter segurando um cartaz escrito: “Black Lives Matter #VidasNegrasImportam”.

Muitos outros jogadores também se solidarizaram como Roberto Firmino, do Liverpool; Vitinho, Gerson, Lázaro, Hugo Souza, do Flamengo; e Sancho, atacante inglês da equipe do Borussia Dortmund, que após marcar seu primeiro gol na volta do Campeonato Alemão, revelou a camiseta com a mensagem “Justiça para George Floyd”. Weston McKennie, jogador do schalke prestou também, sua homenagem vestindo uma braçadeira escrito “Justiça por George”. A morte de Floyd desencadeou protestos por muitos lugares. Apesar da prisão do policial Derek Chauvin, houve tumultos e confrontos entre agentes de segurança e manifestantes em vários pontos do mundo.

https://twitter.com/LFC/status/1267521210503610370?s=20

Vanessa Cristina

Sobre Vanessa Cristina

Vanessa Cristina já escreveu 32 posts nesse site..

Olá, me chamo Vanessa, tenho 24 anos, sou alagoana, estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Alagoas, em busca de um sonho. Luto para desconstruir a figura da mulher apenas como musa no futebol e busco espaço profissionalmente. Aos poucos, nossa classe vem desfazendo a ideologia de "futebol é coisa de homem" e ocupando espaço no mundo da bola. Seja na arquibancada, dentro ou fora de campo, LUGAR DE MULHER É ONDE ELA QUISER.

365 Scores

BetWarrior


Vanessa Cristina
Vanessa Cristina
Olá, me chamo Vanessa, tenho 24 anos, sou alagoana, estudante de Jornalismo da Universidade Federal de Alagoas, em busca de um sonho. Luto para desconstruir a figura da mulher apenas como musa no futebol e busco espaço profissionalmente. Aos poucos, nossa classe vem desfazendo a ideologia de "futebol é coisa de homem" e ocupando espaço no mundo da bola. Seja na arquibancada, dentro ou fora de campo, LUGAR DE MULHER É ONDE ELA QUISER.

Artigos Relacionados

Topo