Jogado para escanteio! City é banido da Champions por duas temporadas

- Clube inglês pode acionar recurso no CAS
City é banido da Champions por duas temporadas

Na tarde dessa sexta-feira (14) a UEFA (União das Federações Europeias de Futebol) anunciou o banimento do Manchester City da Champions League por duas temporadas. Dessa maneira, a entidade afirmou que a punição é pelo fato do descumprimento e fraude nas normas de fair play financeiro. Além do banimento, os Citizens também foram multados no valor de 30 milhões de euros – cerca de 140 milhões de reais.

CAUSA E PUNIÇÃO

Depois do vazamento de documentos pela revista alemã Der Spiegel, uma ação foi aberta na UEFA em novembro de 2018. Sendo assim, o clube foi culpado de inflacionar de forma falsa os valores de seus patrocínios. Dessa maneira, o resultado divulgado pela confederação nessa sexta-feira (14) mostrou que a entidade declarou o banimento do clube inglês da Champions League por duas edições – começando na temporada 2020/2021, ou seja, os Citizens ainda poderão disputar a atual disputa pela Orelhuda. Além disso, o City terá que pagar multa no valor de 30 milhões de euros. A decisão cabe apelação no Tribunal Arbitral do Esporte (CAS) – na Suíça.

DESAPONTAMENTO DO CLUBE

Por meio de uma nota oficial, os dirigentes do Manchester City se demonstraram desapontados com a decisão, mas afirmaram não estarem surpresos. O clube também deixou claro que buscará o recurso no CAS.

O Manchester City está desapontado, mas não surpreso com a decisão do Organismo de Controle Financeiro (CFCB) da Uefa. O clube sempre antecipou a necessidade de procurar um órgão independente para considerar imparcialmente o conjunto abrangente de evidências irrefutáveis em apoio à sua posição.

Em dezembro de 2018, o Investigador Chefe da Uefa previa publicamente a sanção que ele desejava impôr ao clube, mesmo que nenhuma investigação tivesse se iniciado à época. O processo falho e constantemente vazado da Uefa que ele supervisionava deixava poucas dúvidas quanto ao resultado que ele anunciaria. O clube reclamou formalmente para o Comitê Disciplinatório da Uefa, reclamação esta que foi validada por uma decisão do CAS“.

Dessa forma, este é um caso iniciado pela Uefa, conduzido pela Uefa e julgado pela Uefa. Com esse processo prejudicado encerrado, o clube vai agora perseguir um julgamento imparcial o mais rápido possível e vai, portanto, em primeira instância, tomar medidas na Corte Arbitral do Esporte na primeira oportunidade“.

Os Citizens ocupam a 2ª colocação no Campeonato Inglês na zona de classificação para a próxima Liga dos Campeões. Dessa maneira, com a punição, a tendência é que o 5° colocado da Premier League passe a fazer parte dos classificados para a Champions – posição ocupada pelo Sheffield United até o momento.

Foto Destaque: Reprodução/Globo Esporte 

João Vitor Barbosa

Sobre João Vitor Barbosa

João Vitor Barbosa já escreveu 81 posts nesse site..

Apaixonado por futebol desde criança, levo o Flamengo como time do coração. Fiel torcedor do Barcelona. Estudante de jornalismo, 20 anos, que espera viver muito o mundo do futebol.

365 Scores

BetWarrior


João Vitor Barbosa
João Vitor Barbosa
Apaixonado por futebol desde criança, levo o Flamengo como time do coração. Fiel torcedor do Barcelona. Estudante de jornalismo, 20 anos, que espera viver muito o mundo do futebol.

Artigos Relacionados

Topo