João Pedro destaca parceria em meio briga por posição com Nino Paraíba

- Os laterais são velhos conhecidos e disputam espaço no time de Roger Machado
João Pedro

O lateral-direito do Bahia, João Pedro concedeu entrevista no CT Evaristo de Macedo, onde falou sobre a disputa pela titularidade no time comandado por Roger Machado. O jogador revelou existir uma parceria entre os dois e ambos sempre buscam se ajudar em campo. Aliás, vale lembrar que João já atuou no Tricolor no ano de 2018.

Desde minha primeira passagem aqui o Nino já estava. Temos uma disputa saudável. Mesmo quando ele está jogando, se eu puder ajudar eu ajudo. Quando eu estou jogando, se ele pode me corrigir, me ajuda. Então, fico muito feliz com essa disputa. Ter um concorrente com um nível tão bom quanto ele me motiva cada dia mais”.

João Pedro vinha garantindo a titularidade, entretanto, logo os jogos foram paralisados. Mas o lateral ressalta que a disputa por posições independe se é titular, ou seja, é uma constante em qualquer time. Além disso, ele ressaltou a importância de ter Salvador como sede única da Copa do Nordeste, assim sendo uma “vantagem” ao Esquadrão de Aço.

Não só agora por causa da parada. A briga por posição é constante dentro de um clube. Não importa se vinha jogando direto, eu estava tendo que conquistar meu espaço no dia a dia, no treinamento. Acredito que sempre terá briga saudável por posição. Sim, isso com certeza. A gente estará no nosso estado, conhecemos. Temos conhecimento dos campos. Acredito que não fará tanta diferença como uma pessoa de fora do futebol espera, mas acredito que tem vantagem sim”.

O Bahia volta a campo contra o Náutico no próximo dia 22 de julho, às 20h (horário de Brasília), no estádio de Pituaçu. No entanto, a equipe já está classificada para as quartas de final da Copa do Nordeste.

Foto Destaque: Felipe Oliveira/EC Bahia

Tathiane Marques

Sobre Tathiane Marques

Tathiane Marques já escreveu 222 posts nesse site..

Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

365 Scores

BetWarrior


Tathiane Marques
Tathiane Marques
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

    Artigos Relacionados

    Topo