Itália traz alegria de volta a Palermo, massacra Armênia e termina as eliminatórias para a Euro com 100%

- Ainda, Bósnia se garantiu na repescagem, e a Grécia se despediu com triunfo
Itália Armênia

Nesta segunda-feira (18), tivemos a 10ª rodada e última do grupo J das eliminatórias para a Eurocopa 2020. Primeiramente, jogando na cidade de Palermo no estádio Renzo Barbera, que vive entristecida pelos acontecimentos recentes de seu clube, a Itália não tomou conhecimento da Armênia. Com isso, goleou por 9 x 1. Em seguida, a Bósnia venceu fora de casa Liechtenstein por 0 x 3 e está na repescagem da competição. Enfim, já eliminada, a Grécia bateu a classificada Finlândia por 2 x 1 e se despede do torneio com uma vitória.

ELIMINATÓRIAS PARA A EUROCOPA 2020 – GRUPO J – 10ª RODADA

Itália 9 x 1 Armênia

A Itália jogava na cidade de Palermo, que vivia tristeza no futebol devido a falência do clube local. Com isso, a Azzurra não decepcionou e massacrou os visitantes. Primeiramente, aos oito', Immobile abriu o placar. Em seguida, Zaniolo aumentou. Além disso, houve tempo antes do intervalo para os donos da casa marcaram mais duas vezes. Aos 29′, foi a vez do meia da Internazionale, Barella ir as redes. Enfim, antes do apito final da primeira etapa, o artilheiro da Lazio chegou ao segundo tento na partida, aos 33′.

Na etapa final, o massacre continuou. Entretanto, gol mesmo só aos 19′, quando Zaniolo marcou o segundo no duelo. Em seguida, foi a vez do zagueiro Romagnoli ir as redes, aos 27′. No momento, já estava 6 x 0 para os mandantes. Três minutos mais tarde, foi a vez do ítalo-brasileiro Jorginho achar seu tento e logo na sequência, Orsolini fez o oitavo da Azzurra. Ainda deu tempo de Meret entrar na meta dos donos da casa, no lugar de Sirigu. Enfim, Babayan até diminuiu para os visitantes, mas Chiesa colocou números finais ao jogo. A Itália venceu a Armênia por 9 x 1 e termina as eliminatórias da Euro com 100% de aproveitamento.

Grécia 2 x 1 Finlândia

A Grécia começou a partida no ataque. Visto isso, não demorou muito para criar as primeiras chances, que saíram no mesmo minuto, aos três'. Primeiramente com Mantalos e depois com Pavlidis, mas ambas não entraram. Com isso, a seleção mandante dominava as ações e tinham as melhores oportunidades. Ainda, os dois jogadores protagonistas no início de jogo levaram perigo aos 20′ e aos 23′, respectivamente, mas sem sucesso. Entretanto, que marcou primeiro, foram os visitantes. Aos 27′, Pukki chutou e a bola morreu no fundo da rede grega. Com isso, a Finlândia foi para o intervalo vencendo por 0 x 1.

Assim como na etapa inicial, a Grécia voltou para a segunda etapa pressionando nos primeiros minutos. Assim, logo aos dois', empatou a partida. Bakasetas deu assistência e Mantalos, que já havia perdido chances no primeiro tempo, não desperdiçou dessa vez e guardou. Novamente, os visitantes tiveram as melhores chances dos 45 minutos  finais e dessa forma, virou a partida. Aos 25′, Galanopoulos arrematou e fez o segundo dos gregos no jogo. Enfim, fim de jogo em Atenas e 2 x 1 no placar.

Liechtenstein 0 x 3 Bósnia

Com um amplo domínio, a Bósnia não teve dificuldades para vencer a partida. Dessa forma, foram 30 finalizações dos visitantes, contra apenas uma em toda partida de Liechtenstein. Entretanto, não tivemos gols na primeira etapa. Porém, a seleção que disputou a Copa do Mundo em 2014 teve várias oportunidades para abrir o placar e não aproveitou. Enfim, mesmo com o domínio balcânico, as equipes foram ao intervalo com 0 x 0 no marcador.

Já na segunda etapa, a seleção que dominava a partida aproveitou suas chances. Aos 12′, Civic aproveitou que estava na pequena área e abriu o placar para os visitantes. Ainda, Hajradinovic quase chegou as redes dois minutos mais tarde. Mas que aumentou o marcador foi Hodzic duas vezes. Primeiramente aos 19′, em jogada de Jajalo e aos 27′, com assistência de Besic. Final de jogo em Vaduz, capital de Liechtenstein e a Bósnia venceu por 0 x 3. Agora, os balcânicos disputarão a repescagem para a Eurocopa 2020.

Foto destaque: Repdrodução/AFP

Caíque Ribeiro

Sobre Caíque Ribeiro

Caíque Ribeiro já escreveu 437 posts nesse site..

Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 19 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo e sou comentarista sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5

365 Scores

BetWarrior


Caíque Ribeiro
Caíque Ribeiro
Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 19 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo e sou comentarista sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5

Artigos Relacionados

Topo