Internacional x Atlético-MG – Um tropeço pode ameaçar a permanência no G4 e G6, respectivamente

Matematicamente, Colorado está classificado à Libertadores, enquanto o Galo precisa se manter entre os seis para garantir a sua vaga
Internacional x Atlético-MG - Um tropeço pode ameaçar a permanência no G4 e G6, respectivamente

O Estádio do Beira-Rio é o palco do confronto entre Internacional e Atlético-MG pela 36ª antepenúltima rodada do Brasileirão, nesta quarta-feira (21), às 19h30 (horário de Brasília). O time gaúcho ocupa atualmente o 3º lugar do campeonato com 65 pontos, seis atrás do líder Palmeiras e praticamente sem chances de levar o título. Porém, pela soma de pontos possíveis, já carimbou seu passaporte à Libertadores. Já o mineiro, com 53 e na 6ª posição, se encerrar o campeonato no G6 ainda pode conquistar uma vaga na mesma competição.

INTERNACIONAL

Fora o ótimo desempenho no Brasileirão, tem a vantagem de não ter sofrido uma derrota sequer jogando em casa, além de possui um bom ataque. Desconsiderando o último confronto contra o Botafogo em que foi derrotado por 1 x 0 no domingo (18), o Colorado balançou a rede adversária em 11 jogos seguidos.

A equipe de Odair Hellmann tem conseguido se manter no G4 por muitas rodadas, porém com Grêmio e São Paulo três pontos atrás, pode ameaçar sua posição caso tropece nesta reta final. Para este confronto, desfalque de Rodrigo Moledo e Wellington Silva, expulsos na última rodada. Para reforçar o sistema de marcação, Zeca deve dar lugar a Fabiano pelo reforço no sistema de marcação e o restante deve permanecer igual.

https://twitter.com/SCInternacional/status/1064971641870929920

Provável Escalação: Marcelo Lomba, Fabiano, Emerson Santos, Víctor Cuesta e Iago; Edenílson, Rodrigo Dourado e D’Alessandro; Nico López, Patrick e Leandro Damião. Técnico: Odai Hellmann.

ATLÉTICO-MG

Vindo de duas vitórias consecutivas, o técnico Levir Culpi conta com a volta de Emerson volta após cumprir suspensão, porém tem seis desfalques em campo: Zé Welison, Blanco, Uilson e Lucas Cândido, lesionados, e Fábio Santos e Elias, suspensos, que devem dar seus lugares para Patric e Matheus Galdezani, respectivamente.

”Sou lateral-direito de origem, mas já fui utilizado como ponta e também na lateral-esquerda. Tenho a versatilidade como uma das minhas características. Quero muito ajudar o Atlético Mineiro nesse momento decisivo. A partida contra o Internacional será fundamental para nossas pretensões de classificação para Libertadores”, disse Patric.

Atuando na maior parte como lateral-direito, também consegue ter bom desempenho pelo lado esquerdo da defesa. Se realmente entrar, esta será sua 199ª partida pelo Campeonato Brasileiro, com 15 gols anotados.

“Os objetivos coletivos sempre vem na frente para mim em relação aos individuais. Quero fechar o ano comemorando mais uma classificação do Galo para Libertadores. Mas, claro, se conseguir atingir esse objetivo chegando ou até ultrapassando essa marca de 200 jogos na Série A será ainda mais especial, pois se trata de uma das principais competições do País e não são muitos atletas que tem essa marca. Isso comprova que venho atuando em alto nível nos últimos anos.”

https://twitter.com/atletico/status/1064942387921854464

Provável Escalação: Victor; Emerson, Leonardo Silva, Iago Maidana e Patric; Adilson, Matheus Galdezani, Juan Cazares e Luan; Yimmi Chará e Ricardo Oliveira. Técnico: Levir Culpi.

RETROSPECTO

Pelo Campeonato Brasileiro, Internacional e Atlético já se enfrentaram 65 vezes, e em 27 o Colorado levou a melhor contra 20 do Galo levou, empatando 18. Em números de bola na rede, os gaúchos também levam vantagem sobre os mineiros, sendo os que mais marcaram: 85 contra 77.

Sobre Beatriz do Vale

Beatriz do Vale já escreveu 239 posts nesse site..

Comunicativa desde pequena, graduada em Rádio e TV e também em Jornalismo pela FIAM, e pós-graduada pela Cásper Líbero.Tudo o que envolva pesquisa, escrita, locução, entrevista e criação, busco me aprimorar e fazer o melhor. Futebol na Veia surgiu sem qualquer pretensão e, hoje, me proporciona uma verdadeira imersão neste mundo esportivo, com ensinamentos pessoais e profissionais a cada dia. Sou paulistana, 30 anos, não sou parente do Luciano, mas vou experimentando...

Beatriz do Vale
Comunicativa desde pequena, graduada em Rádio e TV e também em Jornalismo pela FIAM, e pós-graduada pela Cásper Líbero.Tudo o que envolva pesquisa, escrita, locução, entrevista e criação, busco me aprimorar e fazer o melhor. Futebol na Veia surgiu sem qualquer pretensão e, hoje, me proporciona uma verdadeira imersão neste mundo esportivo, com ensinamentos pessoais e profissionais a cada dia. Sou paulistana, 30 anos, não sou parente do Luciano, mas vou experimentando...

Artigos Relacionados

Topo