35 anos de Hernanes: “Il Profeta” espalha a palavra do futebol

- Meio-campista habilidoso, ídolo do São Paulo e da Lazio faz aniversário neste 29 de maio
35 anos de Hernanes: "Il Profeta" que espalhou a palavra do futebol

Um talento nato, indiscutível no mundo do futebol e com estima
Assim é Anderson Hernanes de Carvalho Viana Lima
Conhecido simplesmente como Hernanes ou “Il Profeta”
Caminhou sobre as águas do Morumbi de forma porreta

Pernambucano, o meio-campista conquistou o mundo do baba
Fez futsal no Santa Cruz, mas foi revelado pelo Unibol, até para São Paulo peregrinar
Buscando a graça, foi batizado como Made in Cotia
Uma devoção mútua que deu sequência a uma dinastia
No Tricolor do Morumbi, tornou-se um dos discípulos de Muricy Ramalho
Manteve o legado de profetas consolidados, como Mineiro e Josué, e seguiu a palavra: “Aqui é trabalho!”

“A vida é uma sucessiva sucessão de sucessões que se sucedem sucessivamente” – Hernanes

Pregou pelo bom futebol e por onde passou espalhou talento
Sempre vestiu com gana o manto que defendeu com amplo sentimento
Polivalente, era a carta na manga, o coringa, de todo treinador
Ambidestria rara, potência na defesa e no ataque com fervor
Chute de longa distância é devoto de sua religião
Assim subiu ao templo dos craques do Brasileirão, sendo pelo São Paulo bicampeão

Peregrinou novamente, de São Paulo a Roma, e na Lazio foi inspiração
E numa final histórica da Coppa Itália, no Derby della Capitale, Il Profeta foi campeão
Conquistou Roma pelo lado Biancocelesti, sendo comparado a Falcão
Também fora comparado a Kaká, Deco, Pirlo e Verón

Dessa forma, sua misticidade fascinava por onde passava
Internazionale, Juventus e China, mas o bom filho a sua casa retornava
Portanto, quando o calo apertava, seus devotos imploravam por salvação
Confessavam seus pecados, rezavam ou oravam, mas pediam perdão

E a profecia acontecia: do rebaixamento o São Paulo o Profeta os livraria
Fiel ao manto Tricolor, trouxe fé, força e espírito de liderança
E nunca abandonou o Soberano, sendo sempre um fio de esperança
O branco da alma, o preto da garra, da luta, e o vermelho da paixão: Hernanes é símbolo de conexão
Assim, representa o torcedor em campo, alinhando técnica com motivação
Pedala sobre críticas e marca golaços ao filosofar:

“Pi, na matemática, é 3,14 em qualquer lugar” – Hernanes

Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 1209 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.

365 Scores

BetWarrior


Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 27 anos, jornalista pós-graduado em Jornalismo Esportivo e apaixonado por futebol. Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, Peixe, Palestra e Timão. Sou da Colina, Glorioso, Flu e Mengão. Sou brasileiro, hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 x 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões. Sou Clássico das Multidões. Sou Sul, Nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, Raposa, Bavi e Grenal. Sou Ásia e África. Sou Barça e Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia: sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo