Gomis matador e vitória do Al Ahli são destaques dos grupos A e B da Liga dos Campeões Asiática

Após uma rodada monótona com apenas duas vitórias, ambos os grupos não tiveram empates, com bons jogos em todos
Gomis matador e vitória do Al Ahli são destaques dos grupos A e B da Liga dos Campeões Asiática. (Foto/Reprodução: @Alhilal_FC)

A segunda rodada da Liga dos Campeões Asiática teve ótimos momentos nessa última segunda-feria (17). Sem nenhum empate e bem movimentada, houve alguns que se destacaram. Gomis, o matador e Masharipov se tornando garçom servem de exemplo da rodada. Contudo, ambos os grupos tiveram reviravoltas em suas tabelas de classificação.

PAKHTAKOR X PADIDEH KHORASAN

A primeira partida começou com os donos da casa se destacando. Masharipov, embora antes fosse matador, assumiu o papel de garçom da noite. Porém, foi somente aos 11′ que o camisa 9 fez cruzamento rasteiro pelo lado, e Sergeev apenas bateu no canto direito, sem chances. O 9 ainda armou a segunda jogada de gol, que foi de seus pés aos do 17 e depois, novamente, dos pés do 11 às redes. O confronto se encerrou novamente dos pés do atacante do Uzbequistão, em cobrança de falta. Aliás, com a bela cobrança, bastou apenas ao zagueiro Azamov antecipar o defensor e cabecear, fechando o placar.

Assim, os donos da casa assumiram a ponta do grupo, a frente do grande favorito. Apesar disso, o clube segue jogando, com confronto no torneio marcado apenas para o 3 de Março. A partida é contra o Al Hilal, às 13h45 (horário de Brasília), fora de casa. Já o Padideh Khorasan enfrenta o Shabab no mesmo dia, às 10h35.

MELHORES MOMENTOS:

SHABAB X AL HILAL

Os mandantes começaram abrindo o jogo com gol do zagueiro Jaber, após cobrança de escanteio, aos 24′. Mas, como os visitantes são um dos favoritos, era de se esperar a virada. O baixinho Giovinco fez boa jogada pelo lado, cruzando para Gomis, o matador, antecipar o defensor. 1 x 1, pela cabeça do atacante, aos 36′. A partir daí o domínio foi de quem visitava. E, pelos pés do mesmo, saiu o gol da virada, após cruzamento de Carrillo, chutando no ar. Assim, decretando mais uma vitória para o Al Hilal, aos 27′ da segunda etapa.

Com a derrota, sobrou ao Shabab apostar sua reação contra o Padideh Khorasan, no dia 3, às 6h (horário de Brasília). Logo, para o Al Hilal, apesar de ter vencido, sobrou a amargura de ser passado pelo Pakhtakor. Porém, a próxima partida é contra o mesmo, na mesma data, às 12h45.

MELHORES MOMENTOS:

AL SHORTA X AL WAHDA

Embora a partida tenha sido movimentada, com chances para os dois lados, o Al Shorta dominou grande parte do confronto. Contudo, o futebol é uma caixinha de surpresas, e ainda que o duelo não apontasse para isso, deu Al Wahda. Aos 88′, após um levantamento dentro da área, o meio campo Paul-José M’Poku converteu de cabeça, sacramentando o placar.

Com a derrota, o Al Shorta terá tarefa duríssima pela frente, enfrentando o Al Ahli no próximo dia 2, às 14h15 (horário de Brasília). Já pelos lados do Al Wahda, apesar de conseguir a 2ª posição, enfrentará o Esteghlal no mesmo dia, às 13h15.

MELHORES MOMENTOS:

AL AHLI X ESTEGHLAL

Ainda que tenha sido a última partida dos dois grupos teve seu próprio matador para chamar de seu. Al-Moasher apareceu a primeira vez aos 17′, de pênalti. O empate dos visitantes, contudo, veio com um chute cruzado de Motahari, aos 22′. Porém, a volta a frente do placar veio pelos pés do camisa 7 novamente. Isso porque, recebendo uma ótima bola de Ghareeb, bastou apenas empurrar para dentro. O zagueiro do Esteghlal, Ghafouri, por outro lado, perdeu um penal. Em suma, fechando o rodada dos grupos.

Em resumo, com a vitória, o Al Ahli assumiu a ponta do grupo. Assim, o time recebe o Al Shorta no dia 2, às 14h15 (horário de Brasília). Por outro lado, sobrou ao Esteghlal enfrentar Al Wahda, no mesmo dia, às 13h15.

MELHORES MOMENTOS:

 

Glauber Nathan

Sobre Glauber Nathan

Glauber Nathan já escreveu 81 posts nesse site..

Meu nome é Glauber Nathan, tenho 20 anos e sou estudante de jornalismo. O futebol entrou cedo na minha vida, e de lá para cá, respiro o esporte. Apesar de ser um fã assíduo do rádio, não perco a oportunidade de acompanhar qualquer jogo, independente do campeonato, divisão ou país. Entendo que o mais importante é entender e fazer os outros compreenderem a emoção do espetáculo chamado futebol.

365 Scores

BetWarrior


Glauber Nathan
Glauber Nathan
Meu nome é Glauber Nathan, tenho 20 anos e sou estudante de jornalismo. O futebol entrou cedo na minha vida, e de lá para cá, respiro o esporte. Apesar de ser um fã assíduo do rádio, não perco a oportunidade de acompanhar qualquer jogo, independente do campeonato, divisão ou país. Entendo que o mais importante é entender e fazer os outros compreenderem a emoção do espetáculo chamado futebol.

Artigos Relacionados

Topo