Galo bate Chape de virada, nos acréscimos, e entra no G-4

Teve gol relâmpago, nos acréscimos, pênalti perdido, nada faltou de emoção na Arena Condá

O Atlético-MG conseguiu espantar a zica de meio de semana com uma bela virada diante da Chapecoense por 2 a 1. Everaldo marcou até então, o gol mais rápido do campeonato, já Maidana e Vinícius, viraram para o Galo. Tudo isso aconteceu na Arena Condá, pela 10ª rodada do Brasileirão.

1° TEMPO

Quem chegou atrasado na Arena Condá perdeu a abertura do placar. Com 22 segundos de jogo, Eduardo veio pela direita e cruzou na cabeça de Everaldo. O camisa 77 então marcou seu sexto gol no Brasileiro. No minuto seguinte, Camilo cobrou falta lateral em direção ao gol, mas a bola foi pela rede do lado de fora.

O Atlético reagia com as cobranças de Otero. Aos 11′ a bola foi por cima. Já aos 24′ em batida venenosa, Tiepo teve que fazer duas defesas para segurar a redonda. No entanto, não existia só o venezuelano no ataque mineiro. Aos 15′ Vinicius abriu espaço, o goleiro rebateu, no rebote, Ricardo Oliveira foi travado pela zaga catarinense.

2° TEMPO

Mais uma vez, o início da etapa foi agitado. Em menos de sete minutos, o alvinegro teve três chances. A primeira com Maidana ganhando no alto e mandando na trave. Na sequência foi a vez de Otero obrigar o goleiro a sujar o uniforme para defender. Logo após, o meia arrematou de fora, porém a bola foi para fora.

Aos 18′ o único lance de perigo mandante aconteceu. Alan Ruschel recebeu em profundidade, mas na batida isolou a bola. Assim, o trator mineiro avançou ainda mais. Aos 22′ Jair entrou chutando na área, após desvio nos braços de Douglas, o time ganhou escanteio. Porém, após três minutos de revisão de VAR, o juiz assinalou o pênalti. Na cobrança, RO9 bateu mal e Tiepo virar herói Condá.

Entretanto, vida de goleiro não é facil. Minutos seguintes, ele espanou chute de longe. Papagaio aproveitou o rebote para cruzar na área e Maidana, como centroavante, apenas por para dentro do gol. Com 10 minutos de acréscimo, as equipes se lançaram ao ataque. Quem teve a sorte foram os vistantes. Aos 52′ Vinicius deu belo giro em cima dos marcadores, saiu cara a cara com o arqueiro para tirar dele e estufar as redes. Portanto, os donos da casa mal tiveram tempo de evitar a derrota para o Galo mineiro.

E Agora?

Com o resultado, o Atlético foi aos 19 pontos, ultrapassou o Internacional e sobe para o quarto lugar. Já a Chapecoense permanece com oito e segue na zona de rebaixamento, no 18º lugar. Na quarta-feira (17), às 19h15, o Galo joga pela volta da Copa de Brasil. Apenas um clássico contra o Cruzeiro. Enquanto isso, a Chape descansa a semana toda para jogar na segunda-feira (22), às 20h, contra o São Paulo, no Morumbi.

MELHORES MOMENTOS

Guilherme Ribeiro

Sobre Guilherme Ribeiro

Guilherme Ribeiro já escreveu 199 posts nesse site..

Sou Guilherme Ribeiro, 18, paulista da região do ABC, estudante de jornalismo, corinthiano, alucinado por futebol e louco por esporte.


Que tal assistir a final da Libertadores no Chile? Cadastre-se e concorra:

Rexona


Forza Football

 

Guilherme Ribeiro
Guilherme Ribeiro
Sou Guilherme Ribeiro, 18, paulista da região do ABC, estudante de jornalismo, corinthiano, alucinado por futebol e louco por esporte.

Artigos Relacionados

Topo