Flamengo vence Fluminense em jogo alucinante pela semifinal da Taça Guanabara

- O atual campeão da Libertadores venceu por 3 x 2 e se classificou para a final, mas contou com gol de empate anulado pela arbitragem
Taça Guanabara

O primeiro confronto da semifinal da Taça Guanabara aconteceu na noite de quarta-feira (12) e contou com um dos maiores clássicos do Rio de Janeiro: o FlaFlu. O jogo, que valia também a classificação para a final da primeira fase do Campeonato Carioca, comportou-se da maneira esperada para um jogo de tal magnitude, sendo muito equilibrada e intensa. O placar final foi de 3 x 2 para o Flamengo.

1º TEMPO

A primeira etapa começou pegando fogo, com a primeira chance criada já no primeiro minuto. A bola foi levada por Filipe Luís até a área, onde o jogador chutou ao gol e conseguiu o escanteio. O corner foi cobrado curto por Arrascaeta, que tabelou com o lateral esquerdo e cruzou na cabeça de Bruno Henrique, que abriu o placar aos 3′. Em seguida, aos 6′, a defesa do Fluminense deixou a bola escapar para os pés de Gabigol, que conduziu até a área, onde conseguiu encaixar a bola na rede. Os primeiros minutos mostraram como seria o comportamento do Flamengo durante o restante da primeira parte do jogo, ou seja, a pressão alta e ritmo de jogo alucinante proposto pelo Rubro-negro. Aos 20′, no entanto, foi a vez do Fluminense aproveitar as falhas do adversário.

O Mengão foi a campo com o time titular, com exceção de Rodrigo Caio, que está machucado e de Pablo Marí, que foi vendido ao Arsenal. Com a zaga reserva, o clube da Gávea estava com a defesa confusa e desajustada. Portanto o contra-ataque se fez a arma principal do mandante. Sendo assim, a primeira chance do Fluzão saiu do meio da linha de zaga Flamenguista, conseguindo o primeiro chute a partir de Wellington Silva. Já aos 32′, Gabigol enfiou uma bola espetacular para Arrascaeta, que chutou e deu rebote para Filipe Luís, que chutou travado. O lateral foi o melhor jogador do Flamengo no jogo, criando chances e se infiltrando nos espaços com maestria. Além disso, ele se mostrou em ótima condição física. Aos 42′, o lateral esquerdo deu também um passe para o camisa 9, que chutou para a difícil defesa de Muriel.

2° TEMPO

Da mesma forma que os primeiros 45′, o Flamengo abriu a etapa marcando um gol. O gol saiu aos 5′, após bela jogada de Bruno Henrique e Gabigol, que fez um passe de letra para Filipe Luís, que estufou as redes pela primeira vez desde sua chegada ao Rubro-negro. O confronto parecia decidido, quando o rendimento do Flamengo caiu e, assim, o Fluminense conseguiu se impor. Com essa pressão, a defesa do atual campeão da Libertadores se abriu, deixando a entrada da área aberta. Dessa maneira, o Tricolor marcou seu primeiro gol aos 16′, com gol de Luccas Claro. O ponto saiu após uma cobrança de falta que gerou um bate-rebate perto do gol, sobrando no alto para o zagueiro. O Flamengo até tentou sair com a bola, mas não tinha forças para seguir fazendo pressão.

Jorge Jesus tentou trocar o Gerson pelo Diego, mas o camisa dez não entrou bem no jogo. Assim, se tornou questão de tempo até que o Fluminense marcasse o segundo gol. A bola foi jogada no meio da área por Fernando Pacheco, que entrou na segunda fase do jogo e incendiou a partida e sobrou para Evanilson, que chicoteou para o fundo da rede. Nos minutos finais, o Flamengo não conseguiu mais sair da defesa e viu o Fluminense crescer cada vez mais perigosamente. Aos 38′, o time da casa conseguiu o gol de empate com Pacheco, mas a jogada foi corretamente anulada pelo bandeira. Em seguida, foi a vez de outra jogada ser cancelada pela arbitragem, também corretamente. Fernando Pacheco conseguiu uma bola enfiada, levou-a até a grande área e sofreu o pênalti. O VAR, no entanto, entrou em ação e detectou um impedimento no início da jogada, o que impossibilitou o acontecimento da penalidade máxima.

E AGORA?

O Flamengo avançou à final da Taça Guanabara e enfrentará o vencedor de Boavista x Volta Redonda, partida que acontecerá neste domingo (16), às 16h, no Estádio Elcyr Resende. A próxima partida do Mengão será no domingo (16), às 11h, contra o Athletico Paranaense, pela Supercopa do Brasil, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Em entrevista exclusiva para o Futebol Na Veia, Willian Arão comentou sobre o  duelo contra o Furacão. Por fim, o Fluminense volta aos gramados na terça-feira (18), contra o Unión La Calera, pela Sulamericana, às 19h45 (todos em horário de Brasília). A final da Taça Guanabara será dia 23, no Maracanã.

MELHORES MOMENTOS

Foto em destaque: Reproduçã0/Alexandre Vidal/Flamengo

Cadu Maciel

Sobre Cadu Maciel

Carlos Eduardo Fernandes Maciel já escreveu 7 posts nesse site..

Carlos Eduardo Fernandes Maciel, 17 anos. Cursando o 3º ano do Ensino Médio. Fez o Curso de Jornalismo Esportivo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola. Aos 15 anos, se apaixonou por esportes e por sua mobilização social. Assim, o jornalismo esportivo se tornou uma realidade para viver do melhor emprego do mundo (para ele, pelo menos).

365 Scores

BetWarrior


Cadu Maciel
Cadu Maciel
Carlos Eduardo Fernandes Maciel, 17 anos. Cursando o 3º ano do Ensino Médio. Fez o Curso de Jornalismo Esportivo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola. Aos 15 anos, se apaixonou por esportes e por sua mobilização social. Assim, o jornalismo esportivo se tornou uma realidade para viver do melhor emprego do mundo (para ele, pelo menos).

Artigos Relacionados

Topo