Feliz dia dos namorados, palmeirense

Dia 12 de junho é uma data especial para os apaixonados pelo Palmeiras

Eram 17 anos. Mais de seis mil dias sem comemorar um título. Ver o time bater na trave e não entrar. Estava preso na garganta dos palmeirenses o grito de campeão, ele não saia. Por mais que tentassem, não ia. Mas eis que, mais uma vez, o time foi para final. Um derby para aumentar a emoção, aquecer os corações dos que sentiam amor pela bola. Corinthians x Palmeiras, Palmeiras x Corinthians, a disputa de um dos campeonatos mais competitivos da época, um dos clássicos mais competitivos do mundo.

Tinham na mão a chance de sair da fila de 17 anos, nos pés o bom futebol jogado por um plantel que, sem dúvida, ficou tatuado no coração alviverde. Mas ainda assim, o palmeirense não comemora antes do tempo, e jamais o fará, mesmo que a época seja propícia.

Mas também nunca desiste. No jogo de ida, uma derrota. O Corinthians levava, em um segundo de displicência, o que era para ser verde. Mas não acabou ali, ainda tinha mais 90 minutos. Para os corintianos, era uma somatória para segurar, para os palmeirenses uma segunda chance.

https://www.instagram.com/p/BynnYFupw4z/?igshid=1seo0tdfjx147

Eles não podiam deixar escapar. O jogo foi difícil demais. O Palmeiras precisava marcar, precisava fazer melhor do que se esperava e superar o time do Corinthians. Tinha que fazer mais do que os gols que já tinha marcado no tempo regulamentar.

Um pênalti nos 30 minutos de acréscimo. Há quem diga que perdeu a namorada nesse dia. Outros que viram torcedor que virou presidente. Mauro Beting comemorou seu primeiro título como jornalista. Dos brilhantes pés de Evair, com toda classe e categoria.

O Morumbi muito cheio, não cabia nem ar, ficou preenchido com o grito de campeão: 4 x 0 pro Verdão!

Feliz 12 de junho, palmeirense. Feliz paixão alviverde!

Valéria Contado

Sobre Valéria Contado

Valéria Contado já escreveu 130 posts nesse site..

Eu sou a Val Contado, quase jornalista há 3 anos, apaixonada por futebol há 22, desde quando meu pai colocou em mim o uniforme do nosso time do coração. Adepta da arte da resenha, falar e respirar futebol é o que eu mais gosto de fazer.


 

365 Scores

 

Valéria Contado
Valéria Contado
Eu sou a Val Contado, quase jornalista há 3 anos, apaixonada por futebol há 22, desde quando meu pai colocou em mim o uniforme do nosso time do coração. Adepta da arte da resenha, falar e respirar futebol é o que eu mais gosto de fazer.

Artigos Relacionados

Topo