Espanha terá maratona de 35 dias seguidos de futebol

- O presidente da La Liga espera o retorno no dia 12 de junho e diz que a ideia é ter jogos diariamente
La Liga

Após anunciar a possível volta do futebol espanhol no dia 12 de junho, o presidente da La Liga, Javier Tebas, falou da possível maratona de jogos. Em entrevista concedida ao programa “Vamos”, da emissora “Movistar+”, o dirigente afirmou que haveria futebol diariamente por 35 dias. Assim, o campeonato teria pelo menos uma partida até o dia 17 de julho.

“Essa é a ideia. Do início ao fim, creio que será isso (35 dias). Para o que nos resta para terminar, sim. Ninguém sabe. Vai depender das possíveis reviravoltas e que todos cumpram as normas. O vírus segue por aí. Mas se é possível voltar no dia 12 de junho, melhor”, ressaltou Tebas.

Até então, antes da paralisação, haviam sido disputadas 27 rodadas Campeonato Espanhol, o líder Barcelona tem 58 pontos, seguido pelo Real Madrid com 56.

CASOS EM LA LIGA

A La Liga anunciou que da bateria de testes realizadas entre 42 times da primeira e segunda divisão, apontou, a princípio, oito resultados positivos para coronavírus. Destes, cinco são de jogadores, embora todos sejam assintomáticos e não tenham sido divulgados os nomes dos atletas. Mas sabe-se que dentre eles está o lateral-esquerdo do Atlético de Madrid, o brasileiro Renan Lodi.

De acordo com o presidente da La Liga, Javier Tebas, foram 2,5 mil testes realizados entre os jogadores e outros funcionários e membros das comissões técnicas dos clubes. A liga ainda afirmou que os atletas ficarão isolados e poderão providenciar testes para pessoas que convivam com eles.

“Esperávamos entre 25 e 30 positivos. Foi uma boa notícia para a indústria do futebol e a sociedade espanhola”, destacou Javier Tebas.

Foto destaque: Reprodução/Getty Images

Vitor Eduardo Simões Lima

Sobre Vitor Eduardo Simões Lima

Vitor Eduardo Simões Lima já escreveu 28 posts nesse site..

Sou Vitor Eduardo Simões Lima, jornalista e apaixonado por futebol. Quando criança tive o sonho de ser jogador de futebol. Com o passar dos anos, tendo a responsabilidade de dividir a vida de atleta com os estudos, optei por deixar meu sonho de infância de lado e seguir outro caminho, mas jamais quis me desapegar do futebol. Entrei na faculdade de jornalismo com esse objetivo que levo até hoje depois de formado, trabalhar com jornalismo esportivo.

365 Scores

BetWarrior


Vitor Eduardo Simões Lima
Vitor Eduardo Simões Lima
Sou Vitor Eduardo Simões Lima, jornalista e apaixonado por futebol. Quando criança tive o sonho de ser jogador de futebol. Com o passar dos anos, tendo a responsabilidade de dividir a vida de atleta com os estudos, optei por deixar meu sonho de infância de lado e seguir outro caminho, mas jamais quis me desapegar do futebol. Entrei na faculdade de jornalismo com esse objetivo que levo até hoje depois de formado, trabalhar com jornalismo esportivo.

Artigos Relacionados

Topo