Equipes brasileiras têm emoções diferentes na decisão de suas vagas na Pré-Libertadores

Equipes brasileiras têm emoções diferentes na decisão de suas vagas na Pré-Libertadores

Vasco faz o dever de casa e se classifica, enquanto a Chape, frágil, é eliminada

Nesta quarta-feira (07/02), Vasco e Chapecoense entraram em campo para decidir suas vidas na Libertadores. Os cariocas, já com a classificação encaminhada, confirmaram o avanço. Porém, os catarinenses não conseguiram reverter e resultado e deram tchau à competição continental.

A Chape agora é o segundo time brasileiro da história a ser eliminada da Pré-Libertadores. O primeiro foi Corinthians, em 2011, quando saiu para o Tolima-COL.

?? Vasco 2 x 0 Universidad de Concepción ??

O Vasco confirmou sua vaga à última fase da Pré-Libertadores. Após a goleada por 4 a 0 na ida, a equipe brasileira venceu a Universidad Concepción-CHI por 2 a 0, nesta quarta-feira, 7. Paulinho e Yago Pikachu marcaram foram os artilheiros vascaínos da noite no São Januário.

Agora, o time carioca aguarda o qualificado do confronto entre Oriente Petrolero e Jorge Wilstermann – ambos da Bolívia – para saber quem será o adversário da próxima, e última, fase da Pré-Libertadores.

O jogo

O Vasco mostrou a mesma vontade e gana do jogo anterior nos minutos iniciais. Paulinho aproveitou uma jogada entre Henrique e Wagner pela esquerda ofensiva e empurrou a bola para o fundo da rede – 1 a 0. Com o domínio das ações, o time brasileiro voltou a balançar a rede. No segundo gol, foi a vez de Paulinho ser garçom de Yago Pikachu. O lateral direito fez de cabeça para ampliar o resultado – 2 a 0. Tudo isso ainda no primeiro tempo.

Na volta do intervalo, Erazo recebeu cartão vermelho e desfalcará o Vasco na próxima partida. Com um a menos, os cariocas tiveram que se segurar na defesa para evitar maiores “danos”. Aos 16′ (2ºT), foi a vez de De La Fuente, da ser expulso. A expulsão fez com que o jogo esfriasse e voltasse ao normal. Logo, 2 a 0 para o Vasco e vaga assegurada.

Veja os melhores momentos do jogo:

?? Nacional 1 x 0 Chapecoense ??

Depois de vencer a Chapecoense na Arena Condá por 1 a 0, o Nacional-URU repetiu o mesmo placar nesta quarta-feira, em Montevidéu. Dessa vez, o gol uruguaio foi marcado por Romero, logo aos cinco minutos de jogo. Agora, o tricolor do Uruguai vai encarar o Banfield-ARG, na terceira e última fase da Pré-Libertadores.

Uma faixa com os dizeres: “Perdão, Chape. 2 não nos representam” foi colocada pela torcida do Nacional em alusão aos torcedores que fizeram gesto de avião caindo, no jogo de ida (Foto: globoesporte.com)

O jogo

Aos 3 minutos, a Chapecoense quase abriu o placar. Em seguida, aos 5′, Fernandez fez o papel de pivô, e Romero chegou batendo de primeira para marcar – 1 a 0. Depois disso, uruguaios e brasileiros ainda tiveram uma chance casa de fazer um gol, mas sem sucesso.

O segundo tempo foi pouco movimentado devido à superioridade do Nacional. Aos 29 minutos, Barcia ajeitou para o meio da área e Corujo chutou para fora. Desperdiçando a grande chance dos uruguaios. Com tranquilidade e sem muitas ameaças, o time uruguaio avançou para pegar o Banfield.

Veja os melhores momentos do jogo:

https://youtu.be/mn9bI495PcU

Leonardo José

Sobre Leonardo José

Leonardo José já escreveu 382 posts nesse site..

Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997


Que tal assistir a final da Libertadores no Chile? Cadastre-se e concorra:

Rexona


Forza Football

 

Leonardo José
Leonardo José
Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

Artigos Relacionados

Topo