Empresa Chinesa pode pagar R$100 milhões para adquirir CSA

Presidente do clube alagoano revelou o fato em entrevista

Em entrevista ao Jornal Alagoas 24 Horas, Rafael Tenório, presidente do CSA, disse que está negociando com uma empresa chinesa interessada em adquirir o clube que recém retornou para a Série A depois de 31 anos. O nome da empresa não foi divulgado assim como os valores exatos da parceria, mas segundo o mesmo veículo responsável pela entrevista, as cifras girariam em torno dos R$100 milhões.

Um novo CSA?

O presidente azulino comentou um pouco a repeito dos objetivos dos empresários chineses, que seriam principalmente a construção de uma arena para o time, o desenvolvimento e investimento nas categorias de base e fazer do Centro Sportivo Alagoano mais forte do que está hoje. Segundo Rafael, esse assunto vem sendo discutido há algum tempo e que com o surgimento dessa proposta de transformar o CSA em um clube privado as negociações se iniciaram e as conversas persistem.

Também houve um momento em que o presidente falou um pouco sobre os investimentos estrangeiros, que seguem buscando mercados diferentes para atuar;

“Os investimentos são altos e a empresa acenou com a vontade de construir uma arena, investir mais na base e tornar o CSA ainda mais forte do que está hoje. Isto tem sido estudado há algum tempo. Surgiu esta proposta de tornar o clube privado, estamos iniciando um processo de negociação comercial e que possamos dar continuidade a esta conversa”.

Sobre a identidade visual do CSA, Tenório tranquilizou os torcedores, afirmando que as cores, o escudo e o nome do clube não sofrerão mudanças e que isso está fora de cogitação. Segundo ele, os chineses não tem o interesse de acabar com uma marca bem estabelecida, já que estão negociando com um time com uma tradição e história fortes, que não pode perder suas raízes.

”Isso é uma das coisas que não abrimos mão. Estamos estudando todos os itens. O CSA tem uma tradição centenária, uma torcida e uma história mundial. Nós iremos acordar isso e permanecerá sempre o nome de Centro Sportivo Alagoano. O que mudará será o investimento, o regimento, a administração. Mas nada que interfira na nossa paixão, na nossa torcida”. 

Enquanto a negociação anda e as mudanças não chegam o time, o CSA foca no Campeonato Brasileiro. Após empatar em 1 x 1 com o Palmeiras, jogando em casa, na 2ª rodada da competição, a equipe de Maceió volta a jogar diante de sua torcida, no Rei Pelé, contra o Santos, nesse domingo (5), às 16h (horário de Brasília), em busca da primeira vitória na Série A de 2019.

 

Avatar

Sobre Leonardo Abrahão

Leonardo Abrahão já escreveu 365 posts nesse site..

Meu nome é Leonardo, tenho 19 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

BetWarrior

Avatar
Leonardo Abrahão
Meu nome é Leonardo, tenho 19 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

Artigos Relacionados

Topo