Em show de Valência, Tigres goleia e se classifica na Concachampions

Equatoriano brilhou com um hat-trick aos olhos de sua torcida
Em show de Valência, Tigres goleia e se classifica na Concachampions

Tigres e Deportivo Saprissa jogaram no Estadio Universitário, em San Nicolás de los Garza, México, pelo jogo de volta das oitavas de final da Scotiabank Concacaf Champions League. Sem chances para o azar, a equipe da casa passeou diante de sua torcida e conseguiu sua classificação. O grande responsável foi Enner Valência, que foi o maior carrasco costarriquenho na madrugada desta quarta-feira.

1º Tempo

O Saprissa começou melhor, apostando nos cruzamentos para área. Em uma dessas jogadas, Mariano Torres recebeu na meia-lua, arriscou para o gol e arqueiro Guzmán estava atento. Aos 15 minutos, o Tigres saiu em contra-ataque, Aubrey David tentou recuar para o goleiro, mas se trombaram e a bola morreu no fundo do gol costarriquenho.

Com o gol, os mexicanos acordaram, assustando mais o time adversário. Aos 25′, começou o show de Valência: primeiro ele converteu o pênalti marcado pela arbitragem. Na marca dos 27′, ele apareceu dentro da área para marcar mais, de carrinho. Vargas fez o quarto dos mexicanos, com um chute cruzado, sem chances para o goleiro e Mariano Torres diminuiu a conta para o Saprissa. O intervalo começou após o placar de 4 x 1.

2º Tempo

Os time amarelo voltou melhor depois da pausa obrigatória, tanto que aos 16 minutos, Enner Valência surgiu novamente, recebeu na direita e chutou forte, cruzado, sem chances para Cruz. O time da casa continuou com fome de gols, e ainda buscava mais e mais, porém o goleiro rival estava num bom dia (apesar dos cinco gols tomados) e fez excelentes intervenções. Por outro lado, o ataque também pecou em algumas oportunidades claras, jogando a bola para fora, mas nada que atrapalhasse a vitória mexicana.

https://twitter.com/TigresOficial/status/1100630734681841665

E Agora?

Nas quartas de final, o Tigres enfrentará o Houston Dynamo, que passou pela equipe do Guastatoya, vencendo os dois jogos nas oitavas. A partida ainda terá data e hora marcadas pela federação. Mas antes disso, o time amarelo entra em campo pelo Clausura Mexicano, contra o Pachuca, no sábado (2). O Saprissa foca suas atenções ao Clausura da Costa Rica e vai enfrentar o Carmelita, no próximo domingo (3)

Melhores Momentos

Ruan Silva

Sobre Ruan Silva

Ruan Silva já escreveu 759 posts nesse site..

Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.


 

365 Scores

 

Ruan Silva
Ruan Silva
Meu nome é Ruan Silva da Silva, tenho 24 anos, moro na cidade de Altamira no Pará. Sou graduado na área de Letras, com habilitação em Língua Portuguesa e no momento pós-graduando na área de Linguagem e Ensino, ambos pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Sou deficiente físico, tenho dificuldades na questão da locomoção, que dificulta um pouquinho as coisas, mas nada que impeça de exercer diversas atividades. Sou apaixonado por todos os esportes, principalmente pelo futebol, corintiano e simpatizante de diversos clubes na Europa que não cabem todos aqui e apaixonado também pelo jornalismo esportivo tendo como ídolos, ícones como Galvão Bueno, Luciano do Valle, André Henning, Vitor Sérgio Rodrigues e outros mais. Uma curiosidade minha é que consegui na graduação em um ambiente voltado aos estudos de ensino e aprendizagem, incluir o futebol no principal trabalho dos quatro anos de curso, o TCC. Escrevi sobre Nelson Rodrigues e a Copa de 1950, temas raramente trabalhados numa graduação como essa. Enfim! Sonho em um dia trabalhar efetivamente na área que tanto amo e acredito que posso fazer um bom papel no meio.

Artigos Relacionados

Topo