Éber, o primeiro brasileiro a ser artilheiro da Superliga Chinesa!

Jogador realizou feito histórico pelo Tianjin Teda na 5ª temporada da era moderna do Chinês

Nascido em Caxias do Sul, Éber Luís Cucchi, de 37 anos, está na famigerada lista de artilheiros da era atual do Campeonato Chinês: a Superliga Chinesa. O jogador disputou a competição pela primeira vez em 2008, justamente o ano em que foi o goleador máximo com 14 gols. Seu time era o Tianjin Teda, equipe com cinco títulos nacionais de expressão, sendo três ligas chinesas antes do formato atual, além de duas Copas da China, a mais recente em 2011.

O caminho até a Chuteira de Ouro da CSL

Começo no Brasil

Antes de marcar o território oriental, Éber atuou por vários clubes do Brasil, principalmente no Rio Grande do Sul. Seu primeiro clube foi o Pelotas, em 2000, depois passou por Guarani de Venâncio Aires, Juventude do Mato Grosso, Santa Cruz do Sul, Ipiranga e Ulbra. Quando teve destaque pouco antes de ir para China, o jogador jogou pelo Juventude, dessa vez do sul, em 2007.

Ida para a China e marca histórica no Tianjin Teda

Éber chegou ao Tianjin Teda em 2008, na quinta temporada do formato recente da Superliga Chinesa. O jogador virou uma peça fundamental para a equipe assim que chegou e foi recompensado com a artilharia ao final da temporada. Seus 14 gols em 20 jogos o deram a marca de primeiro brasileiro a ser o grande artilheiro da CSL, assim como primeiro atleta das Américas a alcançar tal feito, já que o nigeriano Kwame Ayew foi artilheiro em 2004 pelo Inter Shanghai (atual Bejing Renhe), o sérvio Branko Jelic em 2005 pelo Beijing Guoan e Li Jinyu em 2006 e 2007 pelo Shandong Luneng.

View this post on Instagram

Remember 2008 Tianjin Teda

A post shared by Eber Luis (@eberluis) on

Até a última edição finalizada da Superliga (2018), o brasileiro foi o artilheiro que ficou no topo com o menor número de gols, os 14 já citados. Ele conseguiu o feito de liderar a Chuteira de Ouro do país mesmo sendo suspenso por oito partidas como punição por uma entrada violenta em uma partida contra o Guangzhou Evergrande, além de também ter sido multado em 8000 yuans chineses,aproximadamente R$4.500,00. Na mesma temporada de 2008, Éber conseguiu um recorde de marcar 4 gols em 26 minutos em uma partida conta o Dallian Shide.

Graças aos gols do artilheiro, o Teda fez a sua segunda melhor campanha na Superliga Chinesa (15 temporadas) em questão de colocação, que perdura até hoje. A equipe ficou em 4º lugar com 57 pontos ganhos (recorde do time na CSL), 16 vitórias, nove empates e cinco derrotas, igualando a temporada de 2005 na colocação, mas superando em números totais. O ano de 2008 só fica atrás do de 2010, quando o Teda foi vice-campeão com 50 pontos, sete a menos em relação a campanha na temporada da artilharia de Éber, perdendo o título para o Shandong Luneng.

View this post on Instagram

Tianjin Teda 2009

A post shared by Eber Luis (@eberluis) on

O que houve depois dessa grande conquista pessoal?

A expectativa de que Éber voltasse a brilhar na temporada 2009 era muito alta, ainda mais com a oportunidade de jogar a AFC Champions League, mas o que aconteceu não passou nem perto do que houve na grande temporada de 2008. O jogador marcou apenas dois gols na Superliga Chinesa de 2009, não conseguindo nem chegar perto dos números anteriores. O Teda acabou ficando em 6º lugar na liga e foi eliminado na fase de grupos da Champions e o brasileiro saiu do clube ao final da temporada, mas carrega o título de único jogador do Tianjin Teda a ser artilheiro de uma edição de CSL até os dias de hoje (2019). 

O destino do jogador acabou sendo o Jiangsu Sainty (atual Jiangsu Suning) em fevereiro de 2010, porém, mais uma vez fez uma temporada abaixo das expectativas e não vingou na equipe, sendo desligado na pausa do campeonato no meio do ano. Ele retornou para o Brasil, aonde defendeu as cores de Novo Hamburgo e Veranópolis, mas em 2011 acabou voltando para a China para jogar no Qingdao Jonoon, que atualmente atua na segunda divisão. Sua passagem por essa equipe durou uma temporada e ele marcou cinco vezes na CSL. Logo no inicio de 2012, o atleta foi jogar na Chapecoense, depois ainda passou por Lajeadense, Passo Fundo, Pelotas e Avenida.

Hoje em dia, Éber atua em outra áreas, além do esporte. É proprietário de um consórcio, coach integral sistêmico e coach esportivo. Sua marca nunca será apagada, já que muitos brasileiros atuam na Superliga Chinesa e sempre estão entre os goleadores máximos ao passar das temporadas. Depois dele, já tivemos Muriqui, Elkeson (duas vezes), Aloísio Boi-Bandido e Ricardo Goulart como Chuteiras de Ouro na China, e torcemos para que haja mais brasucas nesse topo, que foi inaugurado por Éber Luís Cucchi, o primeiro brasileiro a ser artilheiro da CLS. 

Sobre Leonardo Abrahão

Leonardo Abrahão já escreveu 45 posts nesse site..

Meu nome é Leonardo, tenho 18 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

Leonardo Abrahão
Meu nome é Leonardo, tenho 18 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

Artigos Relacionados

Topo