CSA vence Avaí em batalha contra o rebaixamento

Equipe de Alagoas é a única que pode deixar o Z4 na próxima rodada

Neste domingo (6), CSA e Avaí se enfrentaram em um daqueles famosos confrontos de seis pontos. Desse modo, quem vencesse manteria ainda mais vivo o sonho de escapar da zona de rebaixamento. Jogando no Estádio Rei Pelé, a partida foi aberta, com as duas equipes buscando o gol. Entretanto, o Leão da Ilha não assustou o goleiro Jordi como deveria. Em contrapartida, o anfitriões não deixavam o arqueiro Vladimir descansar. Como resultado, 3 x 1 para o Azulão, que ultrapassou o Cruzeiro, e hoje é o 17º colocado do Campeonato Brasileiro.

1º TEMPO

Os anfitriões começaram a partida mais organizados taticamente. Entretanto, aos 10’, o Avaí já havia finalizado três vezes ao gol de Jordi. Em contrapartida, a pontaria era o inimigo dos visitantes. A resposta do CSA veio aos 13’, com um chute de fora da área do atacante paraguaio Héctor Bustamante, assustando o arqueiro Vladimir. Aos 14’, Bustamante trocou o chute pelo cruzamento, fazendo a bola chegar em Ricardo Bueno. O centroavante contou com a falha de marcação do zagueiro Betão e se jogou na bola para abrir o marcador.

Aos 17’, quase o segundo de Ricardo Bueno, mas Vladimir salvou o Leão. Após isso, mais três boas chegadas dos visitantes. Entretanto, a finalização continuava ruim, sem assustar Jordi. Em contrapartida, aos 29’, mais uma ótima defesa do goleiro do time catarinense. Dessa vez, salvando chute do meia argentino Jonatan Gómez. A metade final da primeira etapa foi de mais oportunidades a favor do Avaí, que continuava desperdiçando as chances de empatar a partida.

2º TEMPO

Logo no primeiro ataque da etapa complementar, aos 48’, o empate do Avaí. Após uma bagunça, o lateral-direito Léo tentou finalizar, mas pegou errado e a bola sobrou para o centroavante Jonathan, que só teve o trabalho de empurrar para as redes. Aos 25’, o CSA voltou a ficar à frente no placar. Entretanto, o pênalti marcado pelo árbitro Anderson Daronco gerou muita polêmica. Como Jonatan Gómez não tem nada a ver com isso, pegou a bola, bateu a penalidade e fez o 2º gol do Azulão.

Desse modo, o Avaí passou a pressionar em busca do empate. Contudo, deixava espaços para o CSA contra-atacar. Nos minutos finais, o meia Caio Paulista chutou com efeito e tirou tinta da trave, assustando o torcedor alagoano. Na sequência, aos 49’, os donos da casa fecharam decretaram a vitória. Em mais um contra-ataque, o polivalente Apodi ficou sozinho, cara a cara com Vladimir, e bateu no cantinho, deslocando o goleiro adversário.

E AGORA?

Na abertura da 24ª rodada, o CSA recebe o Internacional, quarta-feira (9), às 19h15 (horário de Brasília), no Estádio Rei Pelé. Já o Avaí, de volta ao Estádio da Ressacada, recebe o Vasco, na quinta-feira (10), às 19h15.

MELHORES MOMENTOS

Edson Guimarães

Sobre Edson Guimarães

Edson Guimarães já escreveu 158 posts nesse site..

Meu nome é Edson Guimarães, tenho 23 anos e inicio em 2019 o último ano de Jornalismo. Minha paixão pelo futebol vem desde 2002, juntamente do amor pelo meu clube do coração, vulgo Santos Futebol Clube. A junção de duas paixões (futebol e escrita) começou de fato quatro anos atrás, quando dei o pontapé inicial à minha graduação. Meus espelhos da comunicação social esportiva são Mauro Cézar Pereira (ESPN) e André Hernan (Sportv).

Forza Football

 

Rivalo Apostas Esportivas
Edson Guimarães
Edson Guimarães
Meu nome é Edson Guimarães, tenho 23 anos e inicio em 2019 o último ano de Jornalismo. Minha paixão pelo futebol vem desde 2002, juntamente do amor pelo meu clube do coração, vulgo Santos Futebol Clube. A junção de duas paixões (futebol e escrita) começou de fato quatro anos atrás, quando dei o pontapé inicial à minha graduação. Meus espelhos da comunicação social esportiva são Mauro Cézar Pereira (ESPN) e André Hernan (Sportv).

Artigos Relacionados

Topo