Cruzeiro supera jejum de derrotas vencendo o Vasco e cola no G-6

Nessa quinta-feira (03) o Cruzeiro sai do jejum, e volta a vencer na competição. A equipe mineira visitou o Vasco no Raulino de Oliveira e atropelou o adversário pelo placar de 3 a 0, em duelo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Thiago Neves, Sassá e Robinho garantiram o resultado positivo para o time de Mano Menezes.

O Cruzeiro que vinha de quatro jogos pelo Campeonato Brasileiro sem vitória não se intimidou por estar fora de casa,foi para cima do Vasco e venceu a partida por 3 a 0 colocando fim ao jejum de vitórias e ainda se aproximando do G-6. Com a vitória sobre o Vasco, o Cruzeiro chega aos 26 pontos, na sétima posição, dois pontos atrás do sexto colocado Sport. Já o Vasco permanece com 23 pontos, agora na nona posição na tabela do Campeonato Brasileiro.

O Vasco, por sua vez, cometeu muitas falhas individuais e quase não ameaçou. A aposta de Milton Mendes em Wagner e Escudero não teve muito sucesso. Com a segunda derrota seguida no Brasileirão, a torcida protestou contra o presidente Eurico Miranda e o técnico Milton Mendes, chamando de “burro” no final da partida.Na próxima rodada, o Vasco vai visitar a Ponte Preta, em Campinas. O Cruzeiro recebe o Botafogo, no Mineirão.

O jogo

Há quatro jogos sem vencer no Brasileirão, o Cruzeiro entrou em campo pressionado nesta quinta e nem deu tempo do Vasco tomar a iniciativa, como mandante da partida. Aos 2 minutos,a torcida teve a primeira decepção, o Cruzeiro marca o primeiro gol, Thiago Neves já batia falta, um tanto despretensiosa, e assistia a bola passar por todo mundo e morrer no fundo das redes.O time carioca tentou não mostrar abatimento e partiu em busca do gol de empate. Aos cinco minutos, Escudero mandou a bomba que passou bem perto da trave direita defendida por Fábio.

Aos 18 minutos,o zagueiro Rafael Marques protagonizou lance desastrado ao tentar marcar Sassá dentro da área. Levantou o pé alto demais e acertou no rosto do atacante. O árbitro marca penalidade e o próprio Sassá cobrou , em chute no canto direito de Martín Silva.

O Vasco tentou reagir rapidamente. Em cobrança de escanteio, aos 20, Wagner subiu na segunda trave e mandou rente ao gol.O técnico Milton Mendes decidiu modificar o esquema tático e trocou o volante Wellington pelo atacante Thalles, mas foi o Cruzeiro que voltou a criar outra grande chance para marcar aos 28 minutos, mas o goleiro Martín Silva fez grande defesa e impediu que o chute de Elber ganhasse o caminho da rede.

O segundo tempo começou com o Cruzeiro novamente no ataque, sempre tentando ficar com a bola para impedir a pressão do adversário. E aos 9 minutos da partida, Rafael Marques salva o time carioca ao tirar a bola em cima da linha, em chegada perigosa de Bryan dentro da área. Em seguida, Martín Silva espalma a bola que quase pegou no travessão.

Mesmo com as mudanças feita pelo Milton Mendes, o Cruzeiro se manteve no domínio da partida. Robinho aproveita a pressão da torcida sobre os jogadores vascaínos, e marca o terceiro gol cruzeirense aos 42 minutos. Com apenas um drible, tirou dois marcadores do lance e bateu na saída do goleiro vascaíno dentro da área.

Na próxima rodada, os dois times voltarão a campo no domingo. O Cruzeiro vai receber o Botafogo no Mineirão às 16 horas. O Vasco vai visitar a Ponte Preta em Campinas às 19 horas.

FICHA TÉCNICA:

VASCO 0 X 3 CRUZEIRO

Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)

Data: 3 de agosto de 2017 (Quinta-feira)

Horário: 20h(de Brasília)

Público: 4.934 pagantes

Árbitro: Vinicius Goncalves Dias Araujo (SP)

Assistentes: Rogerio Pablos Zanardo (SP) e Herman Brumel Vani (SP)

Cartões Amarelos: Rafael Marques, Paulo Vitor, Gilberto, Andrés Rios(Vas); Lucas Silva(Cru)

Gols: CRUZEIRO: Thiago Neves, aos dois, e Sassá, aos 18 minutos do primeiro tempo; Robinho, aos 42 minutos do segundo tempo.

VASCO: Martín Silva, Gilberto, Rafael Marques, Lucas Rocha e Henrique(Manga Escobar); Jean, Wellington(Thalles), Wagner(Andrés Rios), Escudero e Paulinho; Paulo Vítor. Técnico: Milton Mendes.

CRUZEIRO: Fábio, Lucas Romero, Leo, Murilo e Bryan; Henrique,Lucas Silva, Elber(Robinho), Thiago Neves(Rafael Sobis) e Rafinha; Sassá (Raniel). Técnico: Mano Menezes.

Confira os melhores momentos:

https://youtu.be/EDmgjIxF50E

Luana Oliveira

Sobre Luana Oliveira

Luana Oliveira já escreveu 18 posts nesse site..

Sou Luana de Oliveira, tenho 33,anos apaixonada por esportes,graduada em Recursos Humanos e estudante de Jornalismo na Uninove.


 

365 Scores

 

Luana Oliveira
Luana Oliveira
Sou Luana de Oliveira, tenho 33,anos apaixonada por esportes,graduada em Recursos Humanos e estudante de Jornalismo na Uninove.

Artigos Relacionados

Topo