Com triunfo em casa, Polônia está classificada à Euro 2020

Em Ljubljana, Áustria derrota Eslovênia e com mais uma vitória garantirá vaga na competição continental
Polônia Euro

Neste domingo (13), teve início a 8ª rodada do Grupo G das Eliminatórias para a Eurocopa 2020. Assim, com dois jogos realizados, a Polônia venceu a Macedônia do Norte, em Warsaw, por 2 x 0. Os gols foram marcados por Frankowski e Milik, em duas assistências de Robert Lewandowski. Enquanto que no outro jogo do dia, a Áustria derrotou a Eslovênia, em confronto direto por vaga no G2, fora de casa, por 1 x 0. O único tento foi anotado por Stefan Posch, ainda no 1º tempo.

Com o triunfo, os poloneses carimbaram o passaporte para a Euro 2020 e seguem líderes do grupo com 19 pontos. Enquanto que os austríacos chegaram a 16 pontos e abriram cinco para a 3ª colocada, Macedônia do Norte. Com isso, basta uma vitória nos próximos dois jogos para também assegurar vaga na competição continental. Assim, os resultados complicaram a vida de macedônicos e eslovenos, que com 11 pontos, seguem fora do G2. A rodada será encerrada na terça-feira (15), com o jogo entre Israel e Letônia, às 15h45 (horário de Brasília).

ELIMINATÓRIAS EUROCOPA – GRUPO G

Polônia 2 x 0 Macedônia do Norte

O jogo começou pegado e muito faltoso. Assim, a primeira oportunidade foi da Macedônia do Norte em chute de Nikolov. Após, começou o domínio polonês. Aos 9′, Krychowiak exigiu uma boa intervenção do goleiro Dimitrievski. Em seguida, a Polônia pressionou com Lewandowski e na sequência Zielinski arrematou na trave. O lance animou os mandantes que seguiram ameaçando com Szymanski e Grosicki. Os visitantes só voltaram a assustar aos 35′, com Alioski e após com Elmas. Nos acréscimos, Grosicki ainda chutou, mas o arqueiro macedônico defendeu.

Assim, a etapa final começou com as equipes em cima. No 1º minuto, os visitantes arriscaram com Spirovski. Em seguida, a Polônia fez três boas investidas. Aos 12′, a resposta macedônica veio com Nestorovski. Após, o jogo perdeu em intensidade e os mandantes voltaram a pressionar aos 27′, com Milik. Pressão que deu resultado no minuto seguinte. Lewandowski deu passe, sem querer, para Frankowski chegar batendo e abrir o placar. Em seguida, o camisa 9 tocou para Milik, que de fora da área, acertou o canto esquerdo de Dimitriesvski e deu números finais a partida.

Eslovênia 0 x 1 Áustria

A Áustria esteve melhor na etapa inicial de jogo. Desempenho que se refletia desde o início da partida. Aos 12′, Gregoritsch finalizou para grande defesa de Oblak. O gol não demorou. Em jogada de escanteio cobrado por Lazaro, Posch subiu mais alto que a marcação e, de cabeça, abriu o placar. Dessa forma, com a desvantagem no marcador, a Eslovênia começou a ganhar campo e arriscou com Stojanovic e Jasmin Kurtic. Já na reta final, os donos da casa ameaçaram com a dupla Gregorotsch e Lazaro.

Na volta, a Áustria seguiu na pressão e com três minutos já havia exigido recursos de Oblak, com Laimer e Sabitzer. Em seguida, fizeram boas chegadas com perigo em lances de Gregoritsch, Lazaro e, novamente, Sabitzer. Dessa forma, a Eslovênia só veio a assustar aos 19′, com Zajc. Na sequência, o jogo caiu de produção e as equipes começaram a cometer várias faltas. Aos 41′, os eslovenos chutaram com Ilicic, obrigando uma boa intervenção de Stankovic. Já perto dos acréscimos, Popovic recebeu vermelho direto e foi expulso pelos mandantes, mas o placar não se alterou.

Foto destaque: Reprodução/Lukasz Szelag

Ricardo do Amaral

Sobre Ricardo do Amaral

Ricardo do Amaral já escreveu 84 posts nesse site..

"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

Forza Football

 

Rivalo Apostas Esportivas
Ricardo do Amaral
Ricardo do Amaral
"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

Artigos Relacionados

Topo