Com paciência, Flamengo trabalha para contratar Pedro

Apesar de ser uma negociação complicada, Rubro-Negro insiste na contratação do atacante Pedro do Fluminense

A pedido de Jorge Jesus, o Flamengo segue na busca por um centroavante e tem o jovem Pedro, do Fluminense, como principal alvo no momento. Apesar de ser uma operação difícil, o Rubro-Negro adota a mesma estratégia que funcionou há um ano, quando tirou Henrique Dourado do rival. A nova diretoria do Flu vive uma situação complicada e espera o jogador manifestar o seu interesse.

BUSCA POR UM CENTROAVANTE 

O Flamengo está no mercado buscando um centroavante de ofício desde a chegada de Jorge Jesus. O treinador português entende que Gabriel Barbosa não tem características para efetuar essa função. Entretanto, com a saída de Fernando Uribe para o Santos, Gabigol pode continuar sendo utilizado exercendo esse papel. No elenco principal, o Rubro-Negro só conta com o jovem Lincoln para atuar como referência na área.

Um dos nomes que apareceram na lista de desejos de Jorge Jesus foi do colombiano Duván Zapata, de 28 anos, que está disputando a Copa América pela seleção da Colômbia. No entanto, o jogador da Atalanta-ITA, tem valor de mercado estimado em 40 milhões de euros (R$ 170 milhões) de acordo com o site Transfermarkt, o que inviabiliza o negócio.

O nome de Pedro apareceu e agradou o técnico português, que aprovou a contratação e os dirigentes do Flamengo trabalham com paciência na negociação com o atleta do Fluminense. Apesar de ser uma negociação difícil, o Rubro-Negro aposta na situação financeira complicada do rival como peça fundamental para um desfecho positivo para a contratação.

INTERESSADOS EM PEDRO

Eventualmente, Pedro vem despertando interesse de outros clubes. O Lyon-FRA foi outro clube que demostrou o desejo de contar com o jogador para a próxima temporada. Os ex-jogadores Juninho Pernambucano e Sylvinho, diretor esportivo e treinador, respectivamente, trabalham para levar o jogador para o clube da França. Entretanto, o Fluminense recusou a proposta, pois considerou o valor abaixo do que o atleta vale.

Supostamente, o valor que o Flamengo ofereceu é a maior proposta oficial que o Fluminense recebeu até agora. Vale ressaltar que, apesar de não se tornar público, o Real Madrid teria sinalizado uma oferta de 21 milhões de euros (R$ 90,6 milhões) no ano passado, antes da contusão de Pedro. Times como o Tigre-MEX e Wolfsburg-ALE teriam buscado informações sobre o jogador, mas o interesse não passou de uma consulta.

QUESTÃO POLÍTICA 

Com uma nova diretoria, o Fluminense busca dias melhores. O presidente, Mário Bittencourt, afirmou que só venderá Pedro se um clube pagar a multa rescisória (pouco menos de R$ 220 milhões) e o jogador quiser sair. Entretanto, uma possível venda do camisa 9 geraria um retorno financeiro imediato e ajudaria o Tricolor a quitar os salários e direitos de imagem atrasados com o elenco. Todavia, o clube prefere esperar a abertura da janela de transferências internacionais e tentar negocia-lo com algum time da Europa, ao invés de cede-lo para o rival carioca.

NOVELA REPETIDA 

Não é a primeira vez que o Flamengo se interessa por um camisa 9 do Fluminense. Em 2018, o Rubro-Negro apostou em Henrique Dourado com homem gol para a temporada e teve que tira-lo do rival carioca. A estratégia do clube da Gávea continua sendo a mesma que deu certo na última vez. A paciência e a insistência são peças fundamentais para os flamenguistas saírem com um final feliz, assim como foi no ano passado.

Luan Martins

Sobre Luan Martins

Luan Martins já escreveu 16 posts nesse site..

Luan Martins, tenho 23 anos, nasci e moro em Niterói-RJ. Sou formado em Jornalismo pela Universidade Anhanguera do Rio de Janeiro. Apaixonado por esportes desde pequeno, resolvi seguir a área da comunicação com a esperança de trabalhar como repórter de campo, esse é o desejo que me move.

BetWarrior

Luan Martins
Luan Martins
Luan Martins, tenho 23 anos, nasci e moro em Niterói-RJ. Sou formado em Jornalismo pela Universidade Anhanguera do Rio de Janeiro. Apaixonado por esportes desde pequeno, resolvi seguir a área da comunicação com a esperança de trabalhar como repórter de campo, esse é o desejo que me move.

Artigos Relacionados

Topo