Com gol nos acréscimos, Al Jazira bate Persepolis na Champions League da Ásia

Brasileiro Romarinho foi o autor do segundo gol do time árabe. Al Sadd, do espanhol Xavi, também venceu

A Liga do Campeões da Ásia acaba de chegar às oitavas de final, após uma fase de grupos eletrizante, com muitos gols e goleadas, ótimos jogos e que deixou os amantes de futebol ligados na competição. Hoje foram os primeiros dois jogos. Os árabes do Al Jazira jogaram em casa com os iranianos do Persepolis e os catarianos do Al-Sadd receberam os sauditas do Al-Ahli Jeddah.

8ªs – Liga dos Campeões da Ásia

Al Jazira (EAU) 3 x 2 (IRI) Persepolis FC

O Al Jazira foi o 2º colocado do Grupo A, com 8 pontos, e enfrentaria um primeiro colocado de outro grupo que, no caso, foi o Persepolis, líder do Grupo C, com 13 pontos, num dos mais equilibrados grupos do torneio. O confronto tinha um duelo particular entre o brasileiro Romarinho, do Al Jazira, com quatro gols, contra o iraniano Ali Alipour, do Persepolis, com três tentos até então.

No jogo de hoje, cada um deixou o seu na partida. Os visitantes saíram na frente com gol de Ali Alipour, aos 42′, recebendo passe de Vahid Amiri. Na segunda etapa, o treinador holandês Henk ten Cate, do time árabe, colocou Ahmed Al Hashmi no jogo, responsável por servir Ali Mabkhout para empatar aos 52′. O treinador do time do Irã, Branko Ivankovic, colocou o atacante nigeriano Godwin Mensah na partida para tentar vencer. Mas foi o autor do gol de empate quem brilhou de novo, ao dar assistência para o gol da virada, marcado por Romarinho, aos 77′. Porém, a mudança dos visitantes também funcionou e após o marroquino Mbark Boussoufa cometer pênalti, Mensah converteu e empatou tudo, já a seis minutos do fim.

Entretanto, nos acréscimos, aos 96′, Boussoufa se redimiu do pênalti cometido e deu passe para Khalifa Mubarak marcar e dar números finais a partida, levando vantagem para o segundo jogo, tendo o empate como vantagem.

(Reprodução/The AFC)

Al-Sadd (QAT) 2 x 1 (KSA) Al-Ahli Jeddah

Al-Sadd, time do lendário espanhol Xavi Hernández, foi outro a vencer em casa no jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões da Ásia. E o time da casa não deu nem chance dos sauditas do Al-Ahli Jeddah se aquecerem, pois logo aos três minutos, Xavi serviu o zagueiro Boualem Khoukhi para abrir o placar. Ainda na primeira etapa, aos 28′, Khoukhi marcou o segundo dele, desta vez com assistência do argelino Baghdad Bounedjah. Os visitantes conseguiram diminuir no segundo tempo, logo no comecinho, aos 47′, com Mohanad Asiri completando passe de Amiri Kurdi. Os catariano jogam pelo empate na próxima semana.

(Reprodução/AFP Photo/KARIM JAAFAR)
Eric Filardi

Sobre Eric Filardi

Eric Filardi já escreveu 1077 posts nesse site..

Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.


 

365 Scores

 

Eric Filardi
Eric Filardi
Quando pequeno quis ser jogador. O sonho de criança passou. Uma vida nova se anseia. Bem-vindo ao melhor site de futebol. Bem-vindo ao Futebol na Veia. Sou Eric Filardi, paulistano de 25 anos, jornalista de formação e apaixonado por futebol.Como todo jornalista amo escrever. Como todo brasileiro amo futebol. Tenho meu clube e minhas preferências, mas viso o profissionalismo e a imparcialidade, sem deixar de lado a criatividade. Sou Tricolor, sou Peixe, sou Palestra e sou Timão. Sou da Colina, Botafogo, sou Flu e sou do Mengão. Sou Brasil, sou Hermano, francês e italiano. Sou Ghiggia, Paolo Rossi, Caniggia e Zidane. Sou Alemanha dos 7 a 1, mas que o povo não se engane. Também sou Ronaldo, Romário, Zico, Garrincha e Pelé. Sou Bundesliga, MLS, Eredivisie e Premier. Sou das várzeas e dos terrões, sou Clássico das Multidões. Sou sul, sou nordeste, Amazônia e Pantanal. Sou Galo, sou Raposa, sou Bavi e sou Grenal. Sou Ásia, sou África, sou Barça e sou Real. Sou as Américas, a Europa, sou o mundo em geral. Sou a festa nas arquibancadas, que o estádio incendeia, sou Futebol na Veia.
http://www.ericfilardi.com.br

Artigos Relacionados

Topo