Ricardo Goulart: o maior artilheiro da história do Guangzhou Evergrande

O jogador foi contratado em janeiro de 2015 pelo clube chinês e se tornou ídolo do clube

Ricardo Goulart

Após ser bicampeão brasileiro (2013/2014) e Campeão Mineiro (2014) com o Cruzeiro Ricardo Goulart Pereira, mais conhecido como Ricardo Goulart foi começar sua história no Guangzhou Evergrande da China. Contudo, em 2015 o clube chinês pagou 15 milhões de euros, cerca de 48,9 milhões na cotação da época. Assim, o meia-atacante entrou

Pré-surto: as últimas partidas decisivas antes da pausa no futebol Chinês

Relembre os últimos jogos oficias na China antes do coronavírus parar o país mais populoso do mundo

Em dezembro de 2019, o futebol chinês viveu seus últimos dias de futebol antes da epidemia do novo coronavírus, que viria a se tornar uma pandemia. Tanto Superliga Chinesa, como Copa da China conheceram seus campeões nos dias 1 e 6, respectivamente. O Guangzhou Evergrande bateu o Shanghai Shenhua por

Hulk: eficiência e idolatria em território chinês

Brasileiro é um dos melhores jogadores do futebol chinês e um grande ídolo em Xangai

Givanildo Vieira de Sousa, o Hulk, é um dos líderes do atual elenco do Shanghai SIPG, além de usar a 10 e a faixa. O brasileiro entrou para a história do clube, já que fez parte da campanha do título da Superliga Chinesa de 2018, a primeira da equipe. O

Li Ke: o primeiro naturalizado a defender a seleção chinesa

Meio-campista se tornou cidadão chinês em 2019

Nicholas Harry Yennaris, nascido em Leytonstone, leste de Londres. Cria da base do Arsenal, o jogador de meio-campo teve um começou de carreira difícil, mas conseguiu achar seu caminho e hoje é titular de seleção. Contudo, Nico não atua pelo time nacional inglês, e sim pela seleção chinesa, sendo o

Atlético-MG x Guangzhou Evergrande – O dia em que os chineses enfrentaram Ronaldinho

Equipes bateram de frente no Mundial de Clubes de 2013

Dia 21/12/2013: data na qual Atlético-MG e Guangzhou Evergrande se enfrentaram na decisão do 3º lugar do Mundial de Clubes da FIFA. A equipe brasileira havia conquistado sua primeira Copa Libertadores da América com um dos melhores times de sua história, contando até com Ronaldinho Gaúcho no elenco. Já os

Os feitos de Felipão no futebol chinês

O treinador brasileiro fez história ao conquistar tanto em tão pouco tempo

Após o grande episódio do 7 x 1 na Copa de 2014, Luis Felipe Scolari voltou ao banco do Grêmio, equipe na qual foi treinador nos anos 1990. Posteriormente, na temporada de 2015, o brasileiro foi o escolhido do Guangzhou Evergrande para substituir Fabio Cannavaro no comando técnico do então

AFC Champions League: relembre o último título chinês

Pouco antes do início da fase de grupos, vamos recordar a conquista do Guangzhou Evergrande no ano de 2015

Ao todo, os times chineses possuem três títulos da AFC Champions League, a Liga dos Campeões da Ásia. O Liaoning, que figura nas divisões inferiores do país mais populoso do mundo, foi o primeiro a ter o famigerado troféu. O Guangzhou Evergrande, octacampeão da Superliga Chinesa, é dono de duas

Depois de 16 temporadas da Superliga: números, vencedores e bola na rede

Fique por dentro de algumas curiosidades da CSL

A Superliga Chinesa já teve 16 temporadas completas desde sua criação no ano de 2004 e já se passaram mais de 3000 jogos. Diversos times fizeram parte da liga ao longo de todos esses anos. Alguns participaram de todas as temporadas, mas outros só tiveram a chance de estar uma

Rival do Brasil e única participação na história: a campanha da China na Copa do Mundo de 2002

Seleção chinesa fez história ao chegar ao Mundial, mas teve um desempenho para esquecer

Histórico para o futebol chinês, o ano de 2002 ficou marcado pela primeira participação da seleção principal em Copas do Mundo. Como Coreia do Sul e Japão eram sedes daquele Mundial, as eliminatórias asiáticas nas temporadas anteriores não tiveram duas de suas equipes mais fortes. Sendo assim, o caminho da

A trajetória de Li Tie, novo treinador da seleção chinesa

Fique por dentro da carreira do comandante chinês que agora é responsável por treinar a equipe nacional

Depois do italiano Marcelo Lippi deixar a seleção chinesa, a CFA recorreu a Li Tie para "tapar o buraco" até definir um nome para o cargo. O ex-técnico do Wuhan Zall foi um dos destaques do futebol chinês em 2019 e se apresentou para comandar um plantel alternativo na Copa