Carreata sem caminhão vermelho dos bombeiros, mas com provocações ao rival

Após a conquista da América, o elenco do Grêmio desembarcou em Porto Alegre para carreata em comemoração da conquista da Libertadores. Os tricolores desfilaram em um caminhão convencional ao invés do caminhão vermelho do corpo de bombeiros. Além de evitar as cores do rival, os jogadores gremistas não pouparam provocações ao Internacional.

A delegação imortal chegou à capital gaúcha às 9h, devido às três horas de atraso causadas por uma paralisação no aeroporto de Ezeiza, na Argentina. Na chegada ao aeroporto de Porto Alegre, a brigada militar contou cerca de 5 mil tricolores à espera do elenco campeão.

“O CAMPEÃO VOLTOU”

Já na saída às ruas porto-alegrenses os gritos de “O campeão voltou” tomaram conta. Mas logo o tom foi de corneta. “Não é mole não. O Grêmio é tri e o Sasha é um c…”, cantavam em alusão ao atacante Eduardo Sasha, do Inter. A rivalidade com o jogador vem desde o título gaúcho de 2016 do Colorado, quando Sasha pegou uma bandeira de escanteio e dançou a ‘valsa dos 15 anos’, simbolizando o período sem títulos do Grêmio.

Luan, após os 90 minutos da final, já tinha usado o mesmo palavrão para se referir ao jogador do Inter. Desta vez, pegou o microfone e regeu a torcida cantando o mesmo contra o Colorado.

Em seguida foi a vez de Edílson repetir o que tinha postado em seu Instagram (link abaixo). Cantou: “Um minuto de silêncio… Para o Inter que está morto”, para delírio geral.

Renato Gaúcho e o volante Maicon lideravam a frente do trio elétrico amarelo. Juntos a eles, Luan, Edílson e Marcelo Grohe, todos comemorando com muitas cervejas, chopps e espumantes.

A carreata do campeão da América percorrerá as principais ruas de Porto Alegre e terminará na Arena, onde a torcida encerrará a comemoração com os jogadores antes dos três dias de folga cedidos por Renato Gaúcho.

VEJA AS FOTOS DA VIAGEM E DA CARREATA

Leonardo José

Sobre Leonardo José

Leonardo José já escreveu 382 posts nesse site..

Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

BetWarrior


Leonardo José
Leonardo José
Sou o Leonardo José, jovem alagoano, estudante de jornalismo e esquerdista, sim. O esporte, a filosofia e a sociologia correm em minhas veias simultaneamente. Louco pelo futebol latino. Prefiro Libertadores à Champions League. No Brasil, clássicos como CSA x CRB, Sampaio Corrêa x Moto Club e ABC x América-RN são bem mais emocionantes que Flamengo x Vasco, Cruzeiro x Atlético-MG e Corinthians x Palmeiras. Para você, leitor, não se cansar lendo minha biografia, finalizo dizendo que "todos os detalhes e os bastidores da vida precisam ser olhados com atenção".Twitter: @leo_silva997

Artigos Relacionados

Topo