Cariocas se destacam e são maioria na seleção da 3ª rodada do Brasileirão

Torcida elege quarteto de Flamengo e de Fluminense, além de uma peça que vem sendo o destaque do Botafogo desde 2018

Após a 3ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2019, a terceira seleção da rodada eleita por torcedores deu as caras. Os reservas do Flamengo, que empataram com o São Paulo no Morumbi, foram os que mais se repetiram na escalação, que também teve uma peça do Tricolor paulista. O Fluminense foi responsável por uma das maiores viradas nos últimos anos no futebol brasileiro e também teve o mesmo número de peças do rival para representar esse grande feito contra o Grêmio em Porto Alegre. Botafogo, Atlético-MG e Santos também tiveram representantes nessa rodada. O cara da rodada foi rubro-negro, além de ser o segundo goleiro seguido a conseguir esse título até aqui: César, que salvou o time e impediu uma derrota jogando em São Paulo.

SELEÇÃO DO TORCEDOR – 3ª DO BRASILEIRÃO

https://twitter.com/FoxSportsBrasil/status/1125403159034322946

César (Flamengo)

Substituindo Diego Alves desde que se lesionou na última partida da Libertadores, César vem se destacando muito no gol do Flamengo, algo que já vem acontecendo desde o final de 2017. Dessa vez o goleiro salvou o time alternativo do rubro-negro a segurar o São Paulo no Morumbi e levar um ponto para o Rio de Janeiro. Sua atuação só não foi mais marcante porque o time da casa conseguiu um gol na insistência já na reta final da partida. O arqueiro ainda foi o jogador mais votado pelos torcedores como o Craque da 3ª rodada.

Guga (Atlético-MG) e Jorge (Santos)

Único representante do líder do campeonato, Guga foi o garçom do Galo com duas assistências para os dois gols do time contra o Ceará em Fortaleza. O jovem lateral lidera quando o quesito é passe para gol, já que possui três assistências em três rodadas até aqui. Jorge aparece pela segunda vez na seleção da rodada. O lateral conhecido por seu forte apoio ao ataque vem se destacando no bom time do Santos e nessa rodada não foi diferente, mesmo com o empate sem gols contra o CSA jogando fora de casa.

https://twitter.com/Brasileirao/status/1125489610698756096

Matheus Ferraz (Fluminense) e Thuler (Flamengo)

Dupla Fla-Flu na 3ª rodada. Matheus Ferraz fez um dos gols da virada incrível do Fluminense pra cima do Grêmio. O defensor foi uma arma muito importante no jogo aéreo ofensivo do Tricolor, levando muito perigo ao gol de Julio César, até que conseguiu marcar no segundo tempo e ajudar o time. Thuler, que fazia parte da maioria reserva do Flamengo, demonstrou vontade contra o São Paulo e ficou marcado por tirar Alexandre Pato do jogo em uma entrada mais dura. O jovem foi importante na defesa rubro-negra, ajudou a segurar o time do Morumbi e garantir o empate.

Tchê Tchê (São Paulo) e Hugo Moura (Flamengo)

Vindo a pedido do técnico Cuca, Tchê Tchê vem se destacando nesse início de Brasileirão, demonstrando sua regularidade e versatilidade, como quando se destacou em 2016 no Palmeiras. O volante estava a fim de jogo e teve boas chances de marcar, até que, no segundo tempo, conseguiu empatar o jogo para o São Paulo e impedir a derrota. Hugo Moura, mais um garoto do Flamengo que queria mostrar serviço nessa oportunidade dada por Abel Braga. O jovem teve uma boa atuação e ainda deu a assistência para o gol de Berrío no primeiro tempo.

Diego (Flamengo) e Danielzinho (Fluminense)

Mesmo considerado um reserva hoje em dia, Diego tem totais condições de beliscar uma vaga no time titular do Flamengo. O experiente meia demonstrou isso contra o São Paulo, comandando o meio-campo do time e guiando os jovens em campo, terminando como um dos melhores do lado carioca ao fim do jogo. Já o jovem Danielzinho entrou no segundo tempo do jogo do Fluminense e mudou a cara do time, que já havia começado uma reação na primeira etapa. Com a moral levantada e sabendo que havia a chance de empatar (e virar) o jogador de 23 anos foi importante nas ações ofensivas do Flu, levando perigo com sua velocidade.

Yony González (Fluminense) e Erik (Botafogo)

Mais um personagem da maiúscula vitória do Fluminense. O colombiano marcou duas vezes, sendo o segundo o gol da vitória no final do jogo, pegando um bonito chute, que desviou e morreu nas redes. Marcando muitos gols na temporada, Yony González  deixou seus dois primeiros no Brasileirão, logo em um resultado tão importante. Erik, destaque do Botafogo desde o ano passado, vem jogando muito bem nesse campeonato. O atacante decidiu na rodada passada e agora foi muito importante para o time vencer o Fortaleza. Mesmo sem marcar, o botafoguense foi decisivo nas jogadas ofensivas e também ajudou bastante na marcação, demonstrando que é um jogador insubstituível no time.

Fernando Diniz (Fluminense)

O comandante da virada. Muito contestado nos últimos jogos, Fernando Diniz conseguiu fazer o time reagir após estar perdendo por 3 x 0 na metade do primeiro tempo. Com o desconto feito ainda na etapa inicial, o treinador mudou a postura do time e trocou peças que deram uma nova vida a equipe, e conseguiu por duas vezes chegar a frente do placar e sair de Porto Alegre com os três pontos.

 

Avatar

Sobre Leonardo Abrahão

Leonardo Abrahão já escreveu 259 posts nesse site..

Meu nome é Leonardo, tenho 19 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.


Que tal assistir a final da Libertadores no Chile? Cadastre-se e concorra:

Rexona


Forza Football

 

Avatar
Leonardo Abrahão
Meu nome é Leonardo, tenho 19 anos, paulista e estudante de jornalismo. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre. Sonho em trabalhar com esse esporte por toda a vida e acompanhar de perto as grandes competições.

Artigos Relacionados

Topo