Campeonato Pernambucano já tem data para reinício das partidas

- Federação Pernambucana traçou cenários para a volta contando que a curva de contágio permaneça controlada
Pernambucano

Após a autorização governamental, apesar dos números constantes de casos confirmados e de mortes, o futebol pernambucano está caminhando para a retomada das atividades. Assim, depois de muita especulação e projeção, o retorno do Campeonato Pernambucano deve acontecer no último domingo de junho (28). No entanto, para que isso, de fato, aconteça a curva de contágio da Covid-19 deve permanecer controlada ou decair.

Leia mais:

PREPARAÇÃO EM 13 DIAS

Dessa forma, em entrevista ao jornal pernambucano Diário de Pernambuco, o presidente da Federação, Evandro Carvalho, foi assertivo quanto a nova previsão:

Voltar dia 28 é nossa pretensão. Os relatórios estão sendo excelentes e apontam uma queda, então está tudo caminhando bem. Em um cenário de tudo sobre controle, a data é essa. Vamos retornar no dia 28 ou na pior das hipóteses, no pior dos cenários, no dia 5 de julho. Mas tudo indica que no dia 28 será possível” – afirmou o mandatário.

Com isso, o Campeonato Pernambucano retornaria 13 dias após a volta aos treinos dos clubes da primeira divisão, entre eles, Náutico, Santa Cruz e Sport. Para Evandro Carvalho, não há problema quanto ao pouco tempo de preparação, já que os clubes aceitaram as condições.

Isso não é problema nenhum. O consenso entre os clubes da Série A e B é de 12 dias e teve clubes que pediram só sete, como o Flamengo. O mínimo estabelecido foi de 12 dias e no máximo 17. Portanto, estamos absolutamente dentro da média aprovada por todos os clubes.

Até porque essa inter-temporada será só para condicionamento físico. Ela é diferente do que se faz na pré-temporada, porque os clubes já vinham treinando a parte tática. O que eles vão fazer agora é só o condicionamento físico e vão voltar a fazer as execuções táticas dentro dos jogos. Ou seja, vão treinar jogando a parte tática e técnica. E na parte física, 12 dias dá e sobra. Até agora, não houve reclamação de nenhum clube nosso. Nem da capital, nem do interior.” – alegou.

Além disso, com o retorno do estadual, o presidente da Federação já projeta a data para o encerramento da competição. Assim, restando apenas cinco datas, a posição de Evandro Carvalho é que a final seja realizada até a segunda quinzena de julho.

Os clubes querem iniciar o Campeonato Brasileiro ainda em julho. O cenário bom para a gente seria encerrar o Pernambucano ainda na primeira quinzena do mês.” – finalizou Evandro Carvalho.

A VOLTA DOS CLUBES

Assim, os clubes pernambucanos já começam a programar o retorno às atividades. No entanto, até o momento apenas o Trio de Ferro, Náutico, Sport e Santa Cruz já confirmaram que retornarão aos treinamento presenciais na próxima segunda-feira (15). Logo, a data é a mesma autorizada pelo Governo de Pernambuco e a tendência é os demais clubes seguirem o mesmo posicionamento.

No Timbu, o vice-presidente Diógenes Braga afirmou que já possui alguns protocolos elaborados e que o Náutico irá se adequar ao melhor deles para sua implementação. Além disso, revelou que a estrutura está toda pronta, com os campos de treinamentos em boas condições e com o hotel vistoriado. Além dele, o vice-presidente médico, Múcio Vaz, relatou que uma lista com materiais e cuidados necessários já foi elaborada pelo clube e que já estavam sendo adquiridos. Inicialmente, para tratamento médico aos atletas que se recuperam de lesão.

Desse modo, antes da parada por conta da pandemia da Covid-19, faltava apenas uma rodada para o encerramento da primeira fase do Campeonato Pernambucano. Assim, Santa Cruz e Salgueiro já haviam assegurado vagas diretas nas semifinais. Enquanto que cinco clubes, entre eles, Náutico e Sport, brigavam por quatro vagas nas quartas de finais. Na última rodada, Leão e Cobra Coral farão o Clássico das Multidões na Ilha do Retiro, já o Timbu viaja ao sertão para enfrentar o Carcará. No demais jogos, Afogados recebe o Vitória-PE, Decisão joga contra o Central e o Retrõ duela diante do Petrolina.

Foto destaque: Reprodução / Anderson Stevens – Sport

Ricardo do Amaral

Sobre Ricardo do Amaral

Ricardo do Amaral já escreveu 436 posts nesse site..

"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

365 Scores

BetWarrior


Ricardo do Amaral
Ricardo do Amaral
"Alvíssaras! Sou Ricardo Accioly Filho, pernambucano de 27 anos, advogado e estudante de jornalismo pela Uninassau. Tenho como mote que “no futebol, nunca serão apenas 11 contra 11”; é arte, é espetáculo, humanismo, tem poder de mover multidões e permitir ascensões sociais. Como paixão nacional do brasileiro, o futebol me acompanha desde cedo, entretanto como nunca tive habilidade para praticá-lo, busquei associar duas vertentes de minha vida: o prazer pela leitura e o esporte bretão. Foi nesse diapasão que encontrei no jornalismo esportivo o elo de ligação que me leva a difundir e informar o que, nas palavras de Steven Spielberg, é o “mais belo espetáculo de imagens que já vi”."

Artigos Relacionados

Topo