Caiu o último invicto da Bundesliga

- Dortmund joga bem no 2° tempo e não dá chance para o Wolfsburg

Na manhã deste sábado (2), o Borussia Dortmund venceu o Wolfsburg por 3 x 0, no Signal Iduna Park, partida válida pela 10ª rodada da Bundesliga. O Campeonato Alemão continua acirrado, agora, o vice-líder Dortmund está com 19 pontos, três a menos que o Gladbach e um a mais que o 3° colocado RB Leipzig. Em contrapartida, os Lobos caíram para a 7° posição, com 17 pontos.

1° tempo

A partida começou bem estudada, com poucas chances de gols para ambos, entretanto, os donos da casa foram melhores até os 20 minutos, dominado a posse de bola. Contudo, a melhor chance do 1° tempo foi do Wolfsburg, nos pés do Nmecha, que deu uma meia lua no Hummels, porém jogou a bola na trave.

O técnico Lucien Favre resolveu não começar com Alex Witsel, o jogador que mais atuou até o momento, totalizando média de 89 minutos por jogo. Além dele, Jadon Sancho, o mais regular do time também começou como opção. Além disso, mais uma vez Reus teve que ser substituído aos 27 minutos por conta de Lesão, Götze entrou. Uma cena curiosa aconteceu, o arbitro de linha também precisou ser trocado porquê também sentiu.

2° tempo

Após uma primeira etapa sem graça, o Borussia Dortmund resolveu acordar e passar o trator em cima do Wolfsburg, não deu chances. Logo aos 2’, Guerreiro teve sua primeira chance, recebeu a bola dentro da grande área, mas tirou muito do goleiro, mandando longe. Todavia, cinco minutos depois, Thorgan Hazard – que praticamente não havia tocado na bola -, recebeu passe do Hakimi, os zagueiros estavam muito mal posicionados, o belga mandou no cantinho. Esse foi o primeiro gol dele com a camisa do Dortmund.

Avassalador, essa é a palavra que definiu o 2° tempo dos Auri-Negros. Hazard realmente acordou, depois do gol, achou Guerreiro sozinho, bateu, sem chances para o arqueiro, mais uma vez a zaga vacilou.  Pouco fez o Wolfsburg, uma nova chance só saiu aos 27 minutos com um chute de fora da área do Arnold. Novamente ele, Thorgan limpa a jogada e manda bem próxima a trave. Em contra-ataque fulminante, Brandt ficou de frente para o goleiro, mas não conseguiu aproveitar, a jogada seguiu e no fim ao tentar cruzar, Jeffrey Bruma com os braços abertos acertou a pelota, pênalti aos 87’. Götze cobra, bola para esquerda, arqueiro para direita, 3 x 0.

O Wolfsburg não desistiu de fazer pelo menos um gol, e a melhor chance saiu aos 89 minutos, após cruzamento, Wout Weghorst fica com a bola, mas chuta sobre o corpo do goleiro Hitz. Além da perda da invencibilidade, os Lobos só tinham tomado cinco gols, em 10 partidas na Bundesliga. Contudo, apesar do placar, ainda possui a melhor defesa da competição.

E agora?

Tem jogo gigantesco na próxima rodada da Bundesliga, o Borussia Dortmund vai visitar o Bayern de Munique, na Allianz Arena, no sábado (9), às 14h30 (horário de Brasília). Em contrapartida, o Wolfsburg joga diante dos seus torcedores na Volkswagen Arena, contra o Bayer Leverkusen, no domingo (10), às 11h30 (horário de Brasília).

Melhores momentos

Foto Destaque: Reprodução/ BVB

Jonathan Luiz Souza

Sobre Jonathan Luiz Souza

Jonathan Luiz Souza já escreveu 71 posts nesse site..

Quando comecei a faculdade de jornalismo não sabia o que esperar, entrei cheio de ressalvas, mas só após um semestre me encontrei no curso, e acabei me apaixonando. O futebol me fez escolher a área da comunicação, e pelo menos, até o momento, acho que acertei em cheio, aquele golaço no ângulo. Como grande objetivo profissional, espero que um dia trabalhe na mídia esportiva. O futebol é igual Rock’n’roll, começa com um belo solo de guitarra, depois de um pequeno tempo as coisas começam a agitar, chega na metade que é o seu clímax, e termina cheio de emoção. Viva o futebol, a maior criação do homem!

365 Scores

BetWarrior


Jonathan Luiz Souza
Jonathan Luiz Souza
Quando comecei a faculdade de jornalismo não sabia o que esperar, entrei cheio de ressalvas, mas só após um semestre me encontrei no curso, e acabei me apaixonando. O futebol me fez escolher a área da comunicação, e pelo menos, até o momento, acho que acertei em cheio, aquele golaço no ângulo. Como grande objetivo profissional, espero que um dia trabalhe na mídia esportiva. O futebol é igual Rock’n’roll, começa com um belo solo de guitarra, depois de um pequeno tempo as coisas começam a agitar, chega na metade que é o seu clímax, e termina cheio de emoção. Viva o futebol, a maior criação do homem!

Artigos Relacionados

Topo