Cagliari acerta com Simeone e Olsen por empréstimo

- Atacante argentino e goleiro sueco atuarão na atual temporada com a camisa rossoblu

O Cagliari aproveitou muito bem a janela de transferências do verão europeu. Isso se deve pelo fato da negociação de seu ex-meio-campista, Nicoló Barella, que foi vendido para a Inter de Milão por 50 milhões de euros (aproximadamente R$ 266 milhões). Além de peças como o belga Nainggolan e o uruguaio Nández, o time trouxe dois bons nomes nos últimos dias de negociações. São eles, o atacante argentino Giovanni Simeone e o goleiro sueco Robin Olsen.

Giovanni Simeone

Filho do famigerado treinador do Atlético de Madrid, Diego Simeone, Giovanni estava na Fiorentina e chega ao Cagliari por empréstimo. Ainda mais, no contrato há uma cláusula de compra obrigatória na casa dos 16 milhões de euros (aproximadamente R$ 72 milhões). O argentino surgiu no River Plate, chegou à Itália para jogar no Genoa, onde, portanto, chamou a atenção ao marcar 14 gols em 37 partidas. Já na Viola, seu ex-clube, atuou em 72 partidas e anotou 22 tentos.

https://twitter.com/CagliariCalcio/status/1167509633541562373

Robin Olsen

O arqueiro se destacou na Copa do Mundo de 2018 e foi contratado junto ao Copenhague pela Roma. Assim, o sueco chegou para substituir o brasileiro Alisson, que foi para o Liverpool. Contudo, os números de sua primeira temporada na Itália não foram bons. Olsen tomou 58 gols em 35 jogos e acabou indo para o banco de reservas na reta final das competições. Agora, no Cagliari, o goleiro chega por empréstimo, sem opção de compra confirmada, para recuperar seu futebol e dar a volta por cima no Calcio.

Foto destaque: Reprodução/Twitter/Edicola Sportiva

Avatar

Sobre Leonardo Abrahão

Leonardo Abrahão já escreveu 401 posts nesse site..

Leonardo Abrahão, 20 anos, paulista e estudante de jornalismo na Universidade Nove de Julho. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre.

365 Scores

BetWarrior


Avatar
Leonardo Abrahão
Leonardo Abrahão, 20 anos, paulista e estudante de jornalismo na Universidade Nove de Julho. Futebol no sangue desde pequeno e para sempre.

Artigos Relacionados

Topo