Botafogo-SP x Operário – Prognóstico para entrar no G4

- Equipes estão coladas na tabela e têm o acesso a série A do ano que vem como o mesmo objetivo
Botafogo x Operário

Botafogo-SP e Operário fazem nesta terça-feira (24) o famoso “jogo de seis pontos”. Isto porque as duas equipes estão igualadas em pontos na classificação. Enquanto o Pantera está na 5ª posição com 35 pontos, o Fantasma está na 6ª com a mesma pontuação, separados pelo critério de saldo de gols. Além disso, os dois times estão apenas um ponto atrás do 4º colocado, o CRB. A partida válida pela 24ª rodada da Série B será no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, às 19h15 (horário de Brasília).

BOTAFOGO-SP

O Botafogo-SP está com quatro jogos de invencibilidade, sendo duas vitórias seguidas. Com isso, deixou para trás a fase de instabilidade na Série B e voltou a se colocar na disputa pelo G4. Além dos bons resultados nas últimas rodadas, o Pantera também parece ter acertado sua defesa. Isto porque nos últimos quatro jogos, o time não sofreu gols.

“É difícil pegar um clube no meio do campeonato e mais difícil ainda implantar sua ideia de jogo. Mas mesmo com essa dificuldade, eu dizia que o Hemerson Maria se esforçava muito. Esses quatro jogos sem tomar gol, essa invencibilidade, nós conseguimos pegar o que ele tem como ideal. Claro que temos muito a melhorar, mas o caminho é esse”, disse o volante Pablo.

O técnico Hemerson Maria disse não ser adepto do “time que está ganhando não se mexe”. Embora não tenha confirmado nenhuma mudança no Botafogo-SP, ele deixou aberta a escalação. Aliás, a equipe de Ribeirão Preto só não contará com o volante Higor Meritão, suspenso. Entretanto, o jogador já não estava sendo utilizado como titular por Maria.

OPERÁRIO

Em busca de se consolidar no G4, o Operário-PR terá pela frente dois confrontos diretos na parte de cima da tabela, ambos fora de casa. Primeiro, o Fantasma encara o Botafogo-SP. Depois, enfrenta o Sport na Ilha do Retiro. Aliás, o alvinegro paranaense é o pior visitante da Série B até agora. Sendo assim, espera conseguir pelo menos uma vitória nestes dois jogos longe de Ponta Grossa para ficar mais forte na briga pelo acesso.

O técnico Gerson Gusmão pretende colocar um Operário-PR mais ofensivo nesta sequência. Além disso, o ataque alvinegro também não anima e fez apenas seis gols em 11 partidas longe do estádio Germano Krüger. Por outro lado, a defesa sofreu 18 gols. O técnico sinalizou que deve atuar com três homens de frente em algum desses jogos como visitante.

“Chega um momento que precisa fazer algo diferente e tem que ser mais ofensivo. Precisamos melhorar o quesito de gols marcados, fazer pelo menos um gol a cada jogo. Estamos criando, mas temos que ser mais efetivos”, declarou Gerson Gusmão.

RETROSPECTO

O histórico de confrontos entre Botafogo-SP e Operário é recente e começou na Série C de 2018. Foram duas partidas por este campeonato e agora mais duas na atual Série B. Sendo assim, este será o 4º duelo entre as equipes. Nos três anteriores, cada time somou uma vitória e correu um empate. Aliás, na partida de 2019, os paulistas bateram os paranaenses fora de casa pelo placar de 2 x 0.

APOSTA INDICADA

Apesar do grande equilíbrio e dos objetivos em comum, a diferença neste confronto deve ser o fator casa. Assim, a aposta indicada é na vitória do Botafogo-SP. O site RIVALO está pagando 2,15 no triunfo do clube de Ribeirão Preto.

ODDS: 1 (2,15) | X (2,80) | 2 (3,90)
Foto destaque: Foto/Bernardo Nascimento do FNV/Futebol na Veia.
Bernardo Nascimento

Sobre Bernardo Nascimento

Bernardo Nascimento já escreveu 95 posts nesse site..

Bernardo Nascimento, 29, nascido e morador de Niterói-RJ. Jornalista em formação atrás do seu sonho, geólogo por acaso. Frequentador de arquibancadas e bares, acredita que o lugar de todo torcedor é ao lado do seu clube. Sofredor e supersticioso pelo seu time de coração, já saiu do país por causa de futebol. Além do seu manto, veste apenas a amarelinha da seleção.

365 Scores

BetWarrior


Bernardo Nascimento
Bernardo Nascimento
Bernardo Nascimento, 29, nascido e morador de Niterói-RJ. Jornalista em formação atrás do seu sonho, geólogo por acaso. Frequentador de arquibancadas e bares, acredita que o lugar de todo torcedor é ao lado do seu clube. Sofredor e supersticioso pelo seu time de coração, já saiu do país por causa de futebol. Além do seu manto, veste apenas a amarelinha da seleção.

    Artigos Relacionados

    Topo