Botafogo-SP e Figueirense empatam pela Série B em Ribeirão Preto

O resultado não agrada a ambas as equipes em questão a seus objetivos na competição
Botafogo-SP e Figueirense

Nesta terça-feira (8), Botafogo-SP e Figueirense se enfrentaram no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. O confronto era válido pela 27ª rodada da Série B. As equipes produziram e tiveram chances de gols. Entretanto, o placar não saiu do 0 x 0. Com isso, tanto o Pantera, quanto o Figueira, tropeçam na busca pelos seus objetivos. Os donos da casa deixaram o G4 da competição, enquanto os visitantes continuam na lanterna da mesma, e seguem afundados na tabela.

1º TEMPO

Foi um primeiro tempo movimentado, mas sem tantas chances de gol. O Botafogo-SP tentava usava os lados do campo, para tentar envolver a defesa do Figueira, mas não conseguia caprichar na hora de encerrar a jogada. Além disso, o Pantera utilizava apenas o lado esquerdo no ataque, deixando Dodô isolado na direita. Por outro lado, o Figueirense apenas esperava para contra-atacar. A primeira oportunidade de perigo foi dos mandantes. Aos 18′, o atacante do Fogão arriscou, mas a bola foi para a linha de fundo.

O Figueirense respondeu aos 36′. Jefferson Renan fez jogada pela direita e chutou de canhota. Entretanto, a bola passou raspando a meta adversária. Porém, o Tricolor teve nova chance já nos acréscimos da primeira etapa, na melhor oportunidade do Botafogo-SP. Aos 46′, Marlon Freitas, construiu ataque e finalizou. Todavia, não balançou as redes do goleiro Pegorari. Enfim, nada mais aconteceu ao final dos primeiros 45 minutos.

2º TEMPO

A parte final do jogo foi bastante movimentada. Primeiramente, o Figueira chegou logo aos quatro’, com Andrigo, mas a bola não entrou. Entretanto, apesar da chance criada, o Tricolor tomou o comando da partida com o tempo. Aos 13′, Murilo Henrique aproveitou cruzamento de Pablo, mas a testada não balançou a rede. Era pressão do Pantera na partida, que teve nova oportunidade aos 24′, mas sem sucesso. Os catarinenses voltaram a chegar aos 30′, com Robertinho, mas também não alterou o placar entre Botafogo-SP e Figueirense.

Aos 33′, mais uma chance do Botafogo-SP. Murilo Henrique cobrou falta, e Pegorari defendeu. No rebote, Bruno Moraes chutou, mas a zaga visitante salvou em cima da linha. Apesar do domínio do Pantera. Foi o Figueirense que teve a maior oportunidade do jogo. Aos 38′, Luiz Otávio cometeu pênalti em Alemão, após cotovelada, sendo expulso. Entretanto, Andrigo desperdiçou a cobrança, com intervenção de Darley. Enfim, nada mais aconteceu no Santa Cruz e os times ficaram no empate sem gols.

E AGORA?

O Botafogo-SP lamenta o resultado em casa e com isso, perde duas posições na tabela, caindo para o 6º lugar, com 40 pontos, podendo descer mais ao decorrer da rodada. O Pantera volta a campo na sexta-feira (11), onde enfrenta o Brasil de Pelotas no estádio Bento Freitas, às 19h15 (horário de Brasília). Por outro lado, o Figueirense chega a 18 jogos sem vitória e continua na lanterna, com 24 pontos. Enfim, os catarinenses recebem o América-MG no Orlando Scarpelli, pela Série B, no sábado (12), às 19h (horário de Brasília).

Foto destaque: Divulgação/Instagram/Botafogo-SP

Caíque Ribeiro

Sobre Caíque Ribeiro

Caíque Ribeiro já escreveu 132 posts nesse site..

Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 18 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5


Que tal assistir a final da Libertadores no Chile? Cadastre-se e concorra:

Rexona


Forza Football

 

Caíque Ribeiro
Caíque Ribeiro
Olá, eu sou Caíque Ribeiro, tenho 18 anos e a paixão por esportes corre em minhas veias, sobretudo, o futebol. Um amante do futebol tanto brasileiro, quanto europeu e ainda sim, do alternativo. Tendo como maior jogador que vi jogar, Ronaldinho Gaúcho e grandes memórias futebolísticas. Estou cursando jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Quando criança,sonhava em ser jogador de futebol,mas a vida me planejou outros rumos. Desde então, decidi juntar duas paixões: a paixão por escrever e a paixão pela pelota, e seguir nessa jornada,sempre disposto a trazer a informação de forma correta e apurada ao público. Além de futebol, escrevo sobre basquete na Rádio Poliesportiva. Instagram: @caiqueribero, Twitter: @CRSousa5
https://offbook.sport.blog/

Artigos Relacionados

Topo