Neres? Lucas? Vinicius Júnior? As dúvidas e certezas de Tite para a Copa América

Convocação ocorre na próxima sexta-feira (17)

A temporada europeia passa por seu momento decisivo. A primeira parte dos torneios nacionais chega ao fim, com isso, fica a expectativa para aqueles jogadores que decidiram estarem na lista da seleção brasileira para a Copa América. A convocação acontece na próxima sexta (17). Com o elenco em formação pós Copa, as dúvidas de Tite são muitas e esclarecidas abaixo por posição:

Goleiro

Alisson e Ederson fazem mais uma grande temporada, tem a confiança do treinador, são ótimos goleiros e, certamente serão convocados. A dúvida é a mesma de um ano atrás. Quem será o terceiro goleiro? Cássio, Fábio, Weverton e Neto brigam pela vaga.

O corinthiano foi a última Copa do Mundo, tem a confiança do treinador e é extremamente decisivo no clube, como pudemos ver na semifinal do Paulista e na classificação pela Sul-americana. Ele é favorito a estar presente. O cruzeirense nunca foi chamado por Tite, porém deste o ano passado faz ótimas atuações e, ficou invicto por quatro meses junto com seu clube neste ano, então seu nome martela a cabeça do treinador.

O palmeirense e o valenciano já foram convocados. Weverton esteve na lista de março para amistosos com República Tcheca e Panamá. O que pesa positivamente a eles são: Neto estar de férias e não ter que desfalcar por seu clube, enquanto o camisa 21 tem reservas a altura, o que diminuiria o tamanho do desfalque.

Mesmo com a parada do Brasileirão durante a competição há cinco jogos entre a apresentação dos jogadores e a parada do campeonato.

Números GOL (Jogos, partidas sem sofrer gol e tentos sofridos):

Alisson: 50, 25 e 35.

Ederson: 54, 27 e 38.

Cássio: 30, 9 e 23.

Fábio: 25, 14 e 18.

Weverton: 16, 12 e 5.

Neto: 47, 14 e 49.

Lateral-Direita

Com Danilo estando em todas as listas pós-Rússia e mantendo seu bom nível no City, falta uma vaga nessa posição. Fagner e Daniel Alves são da posição e têm preferência, enquanto Militão e Fabinho jogam por ali, mas Tite os vê como zagueiro e volante, respectivamente.

Falar sobre Fagner é repetir o parágrafo sobre Cássio, além disso se acrescenta a falta de opções nessa posição e do camisa 23 ser disparado o melhor LD do país. Sempre lembrando que jogar ou ter jogado no Corinthians não é requisito para ser convocado, diferentemente, do que alguns acham. Pois há quem tenha confiança de Adenor e sequer passou pelo Parque São Jorge. A fase do clube paulista nos últimos anos também ajuda para a decisão do gaúcho.

Mesmo que o Baiano não tenha feito uma temporada regular, o jogador tem um ótimo vestiário e é querido por todos. Além disso, teve boas apresentações no meio e na ponta no time do PSG, mostrando versatilidade. O desejo de se aposentar da amarelinha em um grande torneio é um fator contribuinte para ser chamado.

Números LD (Cruzamentos Certos, Assistências e jogos):

Danilo: 36, 1 e 22.

Fagner: 29, 1 e 24.

Daniel Alves: 21, 8 e 30.

Zagueiro

Thiago Silva e Marquinhos já tem o entrosamento necessário de clube para ser titular da seleção. Os dois em condições físicas deverão ser chamados. Eder Militão, Miranda, Dedé, Pablo e Felipe são postulantes as vagas.

Principalmente, caso Thiago não se recupere de uma artroscopia a tempo. Este corte deixaria a cabeça do técnico ainda mais confuso, pois um dos pilares da equipe seria completamente desfeito.

A dupla do Porto vê nos jogadores de PSG sua chance e inspiração para participarem da competição. O ex-São Paulo tem também a baixa idade e a chance de atuar como lateral e volante como ponto positivo.

Os dois carecas da lista vivem momentos completamente diferentes. Miranda é reserva na Inter de Milão, enquanto Dedé é um dos melhores da posição no nacional. Ambos tem a confiança do treinador e não surpreendem se forem chamados. O zagueiro do Bordeaux foi convincente quando usou a camisa canarinho e, para surpresa de muitos, é um forte concorrente  defensiva.  

Números ZAG (Jogos, partidas sem sofrer gol e desarmes + interceptações):

Thiago Silva: 39, 15 e 62.

Marquinhos: 43, 22 e 85.

Miranda: 20, 9 e 24.

Pablo: 38,21 e 73.

Dedé: 21, 12 e 31.

Felipe: 51, 24 e 93.

Eder Militão: 45, 20 e 97.

Lateral Esquerda

Visto a queda técnica de Marcelo na temporada, o lado canhota da defesa deve estar fechado com Filipe Luís e Alex Sandro. Como o fantasma das lesões está a solta, pensando nessa hipótese (tomara que não aconteça). Alex Telles e o próprio Marcelo são opções.

Números LE (Jogos, Cruzamentos Certos e Assistências) :

Filipe Luís: 31, 38 e 3.

Alex Sandro: 42, (não foi possível encontrar dados) e 3.

Marcelo: 33, 35 e 6.

Alex Telles: 51, 45  e 13.

Volante

O quarteto médio defensivo/ofensivo da seleção deverá ser: Casemiro, Fabinho, Arthur e Allan. Esse setor não precisou de um grande processo seletivo, mesmo com muitos aspirantes. Os candidatos foram certeiros e têm grande habilidade no que fazem, apenas uma entrevista/pequeno teste  foi necessário para os selecionarem.

Assim como na LE, em uma emergência, a chance maior é de aparecer um novato como Bruno Henrique e Rodrigo Dourado, porém, nomes como Walace, Paulinho, Fernandinho e Renato Augusto não podem ser esquecidos. Além disso, Paquetá e Coutinho já jogaram nessa função no 4-1-4-1 de Tite também.

Números VOL ( Jogos, desarmes e precisão de passes certos na temporada):

Casemiro: 43, 61 e 89%.

Fabinho: 40, 60 e 85%.

Allan: 46, 70 e 91%

Arthur: 43, 15 e 94%.

Walace: 28, 22 e 84%.

Renato Augusto: 46, 71 e 85,5%.

Bruno Henrique: 22, 22 e 91,8%.

Meia

A principal deficiência da equipe desde setembro de 2018 é um grande ponto de interrogação. Essa parte de criação não foi bem nos amistosos e, talvez seja, a principal causadora de algumas partidas com parte técnica abaixo do nível da seleção. Para se ter uma noção, o tão amado esquema do treinador pode ser mudado para facilitar uma melhor apresentação dos camisas 10.

Há dois amistosos antes da estreia no torneio e tem de ser nesses jogos que o martelo deve ser batido. Portanto, Phellipe Coutinho e Lucas Paquetá são  grande favoritos a esta posição,  e devem ficar com essa função, no meio desse tumulto.

O jogador do Barcelona está numa fase péssima, porém, sua presença diante dos adversários faz muita diferença. Ele é temido, sabe como tirar uma jogada da manga, mesmo que seu momento não seja bom, seu tapa de direita não pode ser subestimado, além disso pode vir a atuar centralizado e pelos lados. Muito difícil ficar de fora dos 23.

Enquanto, o ex-Flamengo é muito querido pela comissão técnica, já recebeu muitos elogios em coletiva. Entretanto, acabou sendo expulso por bater no arbitro na segunda-feira (6) pelo Italiano, o que pode desfavorecer sua ida a Granja Comary, por causa do grau rigoroso do treinador.

Roberto Firmino, Felipe Anderson, Arthur e Neymar podem fazer essa função em estilos diferentes de jogo. Alguns deles já foram testados por poucos minutos em amistosos, mas sem respostas essas possibilidades acontecer no campeonato. Outros nomes que começam a aparecer para esta vaga são: Talisca em alta na China, Rodriguinho e Everton Ribeiro em alta nos seus clubes.

Números MEI (Jogos, assistências para gols e média de chances criadas por jogo) :

Coutinho: 53, 5 e 1,17.

Paquetá: 49, 5 e 1,79.

Talisca: 26, 8 e 3,80.

Rodriguinho: 17, 1 e 1,36.

Everton Ribeiro: 23, 6 e 1,58.

Ponta

O Brasil tem cultura de fazer suas listas para as competições já com os 23 selecionados, diferentemente de outras seleções, que chamam mais e depois cortam os atletas. Isso dificulta um tanto os testes do professor para fechar seus comandados. Principalmente, nessa posição, onde os brasileiros fazem grande temporada e tem alto grau técnico.

A partir de agora, os lutadores para essas quatro (ou três, pois é difícil o atacante do PSG ficar de fora) vagas são apenas: Neymar, Vinicius Júnior, Everton Cebolinha, David Neres, Felipe Anderson e Lucas Moura.

O menino David Neres desempenha grande papel nos dois lados do ataque. Os demais são conhecidos por jogarem apenas em front. Na PE tem Vini Jr, Neymar e Everton, e na PD tem Felipe Anderson e Lucas Moura. Além disso, Richarlison costuma atuar nas pontas para facilitar o arremate perto da área.

  Todos têm incisividade, habilidade, são externos desequilibrantes e sabem decidir com maestria. A decisão será extremamente importante para o modo como a equipe jogar, nas críticas ao treinador e no jeito que os adversários olharão a amarelinha.

Fase dos Favoritos

A começar pelo ídolo da nação, o badboy. Após socar um torcedor na final da Copa da França, o status do camisa 10 ficou muito abalada. Há quem não goste da convocação do atleta e, tem base para isso. O teacher brasileiro é conhecido pelo modo rigoroso na sua disciplina com atletas. Já não convocou Douglas Costa após cuspir na cara de um jogador do Sassuolo porém, não levar o craque é de extrema delicadeza, pois a presença dele em campo muda o comportamento do oponente tanto no estilo de jogo quanto na escalação.

As informações são de que a braçadeira de capitão não será mais dele. Além disso, a lesão prejudicou sua performance na temporada.

Enquanto isso, Lucas virou o primeiro brasileiro a fazer um hat-trick em semifinal de Champions. David Neres foi de extrema importância em fazer o Ajax eliminar Real Madrid e Juventus em suas temidas casas. Everton não cansa de decidir jogos para o Grêmio. Vinicius com apenas 18 anos não sentiu a pressão, nem o peso da camisa do maior clube do mundo e salvou o time de mais momentos vergonhosos na temporada.

Felipe Anderson foi o destaque do West Ham na temporada com belos números na Premier League. Jogadores como Dudu e Douglas Costa parecem longe da vaga após um 2019 fraco em performance.

Cebolinha comemora um de seus 10 gols na temporada (Reprodução/Lucas Uebel)

Números PON (Jogos, gols e % de dribles certos na temporada):

Neymar: 28, 23 e 60%.

Everton: 20, 10 e 56%.

David Neres: 50, 12 e 59%.

Lucas Moura: 48, 15 e 59,5%.

Felipe Anderson: 40, 10 e 50%.

Vinicius Júnior: 29, 3 e 56%.

Centroavante

O artilheiro da seleção na Era Tite é Gabriel Jesus, porém cada vez mais os cotados são Firmino e Richarlison. Bobby cativa cada vez mais seu lugar após suas atuações no Liverpool em diferentes regiões do campo e sua facilidade de fazer gols. O pombo diferentemente da temporada passada tem uma evolução constante nas últimas rodadas do inglês.

Tudo isso contribui para o campeão ficar fora da lista final. Além disso, Jesus tem menor mobilidade como ponta ou meia, segundo seus atuais treinadores. O único jogador fora da PL que pode ganhar esse lugar, porém de modo muito difícil é Pedro, do Fluminense. O atleta foi muito elogiado pelo técnico e, se machucou quando chamado em setembro passado.

Ronaldo, Romário, Careca e Luis Fabiano ganharam o título da Copa América sempre como destaque na camisa 9. Se espera que os selecionados não saiam com apenas um gol como na Rússia. Até porque este lugar é de extrema importância para a forma como o time joga.

Números CA (jogos, gols e média de finalizações no alvo por jogo):

Firmino: 47, 16 e 1,45.

Richarlison: 38, 15 e 1,6.

Gabriel Jesus: 46, 19 e 1,42.

*Estatísticas obtidas dos sites: SofaScore, ogol, Footstats, Transfermakt, UEFA e Premier League.

Guilherme Ribeiro

Sobre Guilherme Ribeiro

Guilherme Ribeiro já escreveu 117 posts nesse site..

Sou Guilherme Ribeiro, 18, paulista da região do ABC, estudante de jornalismo, corinthiano, alucinado por futebol e louco por esporte.

1X Bet
Guilherme Ribeiro
Guilherme Ribeiro
Sou Guilherme Ribeiro, 18, paulista da região do ABC, estudante de jornalismo, corinthiano, alucinado por futebol e louco por esporte.

Artigos Relacionados

Topo