Árbitra faz história e vai apitar final da Supercopa da UEFA

Pela primeira vez, francesa estará na decisão de Liverpool x Chelsea
Árbitra faz história e vai apitar final da Supercopa da UEFA

Stéphanie Frappard estará no comando da final da Supercopa da UEFA, segundo informação da federação nesta sexta-feira (2). A árbitra francesa vai liderar a disputa entre os dois clubes que foram campeões da Champions League e Europa League. Assim, a partida será em 14 de agosto (quarta-feira), em Istambul, Turquia. Desta maneira, o feito ficará marcado para a história, já que será a primeira vez que estará à frente de uma grande decisão do futebol masculino.

Frappard já está acostumada a desafios e pode-se dizer que está preparada para encarar o evento que terá duas das maiores equipes da Europa. Esteve na direção da meia-final do UEFA Women’s EURO 2017. E, no mês de julho, apitou a decisão entre EUA e Holanda na Copa do Mundo Feminina 2019 na França. Na ocasião, as americanas levaram o título pela quarta vez.

“A Stéphanie provou, ao longo de vários anos, que é uma das melhores árbitras, não apenas na Europa, mas no Mundo”, destacou Roberto Rossetti, responsável pela arbitragem da Federação Europeia.

Destaque

Além disso, a árbitra não estará sozinha na liderança do evento. Acompanhada da comissão formada por mulheres, seguirão com a francesa as árbitras-assistentes: Manuela Nicolosi (França) e Michelle O’Neill (Irlanda). Parcerias que também estiveram presentes na final do Mundial Feminino no mês passado.

“Como organização, damos a maior importância ao desenvolvimento do futebol feminino em todas as áreas. Espero que a habilidade e devoção que Stéphanie demonstrou ao longo de sua carreira para alcançar este nível seja inspiração para milhões de meninas e mulheres na Europa e mostrem a elas que não devem ter barreiras para alcançar um sonho”, observou o presidente da UEFA, Aleksander Ceferin.

Aos 35 anos, a juíza já tinha elevado o histórico ao liderar o confronto do Campeonato Francês entre Amiens e Estrasburgo em abril deste ano. No entanto, Frappard não foi a primeira mulher a apitar uma grande disputa da UEFA. A suíça Nicole Petignat, participou de três eliminatórias entre 2004 e 2009 da Liga Europa.

Amanda Cruz

Sobre Amanda Cruz

Amanda Cruz já escreveu 88 posts nesse site..

Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante de jornalismo. Paulistana, filha de pernambucanos e atualmente moro em Lorena/SP. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Curiosa sobre o esporte e amante de História, gosto de estar sempre por dentro do assunto: acompanho boa parte de notícias e jogos, principalmente das ligas internacionais. O futebol é um esporte emocionante e como uma boa (futura) jornalista, escrever sobre ele é demais!


 

365 Scores

 

Amanda Cruz
Amanda Cruz
Sou Amanda Cruz, formada em História e estudante de jornalismo. Paulistana, filha de pernambucanos e atualmente moro em Lorena/SP. Despertei minha paixão pelo futebol na Copa de 2006 e desde lá o amor só cresceu. Curiosa sobre o esporte e amante de História, gosto de estar sempre por dentro do assunto: acompanho boa parte de notícias e jogos, principalmente das ligas internacionais. O futebol é um esporte emocionante e como uma boa (futura) jornalista, escrever sobre ele é demais!

Artigos Relacionados

Topo