Wolverhampton se interessa por Carlos Vinícius (Foto: Reprodução/Getty Images)

Emprestado pelo Benfica ao TottenhamCarlos Vinícius não deve retornar ao futebol português. Isso porque, de acordo com o jornal inglês “Daily Mail”, além dos Spurs, o Wolverhampton também deseja o atacante. Contudo, ambos clubes não estão interessados em pagar o valor exigido pelos Encarnados que chega na casa de 45 milhões de euros.

De acordo com a notícia, os Wolves planejam envolver o lateral Rúben Vinagre na negociação para abater parte do valor pedido pelo Benfica. Emprestado pelo Wolverhampton ao Famalicão, também de Portugal, o atleta tem impressionado, e é visto com bons olhos pela diretoria dos Encarnados. Assim, com o clube inglês estipulando o preço do jogador em 15 milhões de euros, o negócio se torna viável.

Por outro lado, Carlos Vinícius ainda prefere permanecer no Tottenham. Entretanto, apesar de querer manter o atleta, os Spurs não estão dispostos a atender a cláusula de compra de 42 milhões de euros, desejando diminuir o valor.

Com Jiménez ainda se recuperando de uma lesão na face, o Wolverhampton contratou o também brasileiro Willian José, da Real Sociedad, por empréstimo. Contudo, o atacante que tem vínculo até junho marcou apenas um gol em 13 jogos.

Em 22 partidas com a camisa do TottenhamCarlos Vinícius já foi às redes 10 vezes e contribuiu com três assistências. Entretanto, com a presença de Harry Kane no elenco, o brasileiro vem atuando apenas em duelos pelas copas disputadas pelo time.

No Benfica, o atleta não deve ter espaço caso retorne. Apesar do desempenho bom ao longo da última temporada, o atacante não caiu nas graças do técnico Jorge Jesus, que logo indicou sua saída do elenco.

Foto Destaque: Reprodução/Getty Images

Renan Liskai
Renan Liskai
Muito prazer! Sou Renan Liskai, paulista, natural de Santo André. Desde 1998 falando, respirando, sorrindo, chorando e enlouquecendo por futebol. A vida de goleiro não deu certo, mas o jornalismo sempre esteve ali. Descobri que se não podia estar dentro de campo ou das quadras, eu poderia estar do lado de fora, mas sempre vivendo tudo isso. Sou daqueles que não perde um jogo de futebol por nada, seja ele qual for. Costumo dizer que esse esporte é assunto mundial e que não há uma pessoa no mundo que nunca tenha falado sobre tudo que acontece dentro e além das quatro linhas. Assim como todo mundo, carrego uma história e experiências. Sou filho, irmão, neto, amigo e sempre serei um eterno aprendiz dessa vida.