Abrindo a noite desta sexta-feira (10), o Remo visitou o Vitória, no Barradão, em jogo válido pela 23° rodada do Campeonato Brasileiro. Ao passo que a partida foi emocionante para quem acompanhou. Os donos da casa vieram determinados a conquistar os três pontos e logo abriram o placar. Entretanto, não contavam com a garra dos visitantes que buscaram até o final um resultado positivo.

1° TEMPO

O Vitória surpreendeu seu torcedor com um primeiro intenso, rápido e com criações de boas jogadas, assim sendo, levando perigo ao Remo. Tanto é que aos 11′ após uma bela jogada, a lei do ex prevaleceu, ou seja, Marcinho abriu o placar. Dessa forma, o alívio bateu já que com os três pontos, o time colocava o pé fora da zona de rebaixamento.

 

2° TEMPO

O Leão Azulino entrou em campo com um desfalque importante, o goleiro Thiago Ennes e no lugar entrou Pingo. Contudo, o técnico Felipe Conceição colocou toda garra em jogo com várias subtituições e essas surtiram o efeito esperado. Ao passo que aos 16′ com um entrosamento perfeito resultou em trocas de passes e Marcos Júnior mandou pro fundo do gol, empatando em 1 x 1. No entanto, não parou por aí, aos 43′ com Marcos Júnior fez um lançamento açucarado para Lucas Tocantins que virou o jogo, por fim, garantiu o triunfo por 2 x 1 aos visitantes.

 

VITÓRIA X REMO – COMO FICA?

Portanto, com o resultado o Remo sobe para a 11ª posição da tabela de classificação com 30 pontos. Enquanto, o Vitória se mantém no Z5 com 23 pontos na 17ª posição. Entretanto na próxima quinta-feira (16), o Azulino encara o Avaí e o Rubro-Negro visita o Brusque na sexta-feira.

MELHORES MOMENTOS

Foto: Samara Miranda/ ASCOM Remo

 

Tathiane Marques
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.

Deixe um comentário