Em jogo válido pela segunda fase da Copa do Brasil, Vitória e Rio Branco-ES se enfrentaram no Estádio Barradão. Nesse sentido, atuando dentro de seu domínio, o time mandante venceu a equipe visitante por 2 a 0. Por consequência, o Leão da Barra conquistou a classificação para a terceira fase da competição nacional. No entanto, o resultado foi conquistado somente na etapa final do jogo, quando o time comandado por Rodrigo Chagas conseguiu ser, de fato, efetivo. David e Gabriel Bispo marcaram os gols.

1º TEMPO

A busca pela classificação e, consequentemente, por mais R$ 1,7 milhão aos seus cofres, incentivou o Vitória a iniciar a partida fazendo pressão no campo adversário. Dessa forma, logo aos 10 minutos, o Rubro-Negro testou o goleiro Diogo. Cedric encontrou David livre, no segundo pau, e o ponta finalizou de voleio. O arqueiro espalmou e salvou o Rio Branco-ES.

Acuado na defesa, mas na tentativa de engatar um contra-ataque efetivo, a equipe capixaba testou de forma tímida o campo defensivo do Vitória durante o primeiro tempo. A chegada mais incisiva foi com Vandinho, aos 23’, que finalizou em cima do goleiro do Leão da Barra, Lucas Arcanjo, após cruzamento de Arthur.

Por outro lado, o time baiano tentou aproveitar a posse de bola no ataque. Nesse sentido, em razão da abertura do Capa-Preta, Vico testou Diogo em duas oportunidades. Logo, aos 27 e aos 47 minutos, o meia-atacante finalizou forte, acertando, inclusive, a trave do arqueiro no final da etapa inicial.

2º TEMPO

O retorno ao gramado se configurou tanto quanto o fim dos primeiros 90 minutos. Assim, aos 3’, em cobrança de escanteio, o Vitória abriu o marcador. Vico enxergou David sem marcação dentro da área. O garoto da base só teve trabalho de guiar a cabeçada para o fundo das redes.

A marcação na linha defensiva do Rio Branco-ES resultou na ampliação do marcador. Por consequência, no minuto 4, Gian vacilou na entrada da área, Gabriel Bispo roubou rapidamente a bola, ficou cara a cara com Diogo, e balançou as redes novamente.

Atrás do placar, o Brancão tentou incomodar o time baiano. Assim, após um lançamento pelo alto, Rafael Castro chutou de canhota, mas a bola passou por cima do gol, aos 15 minutos. Contudo, com maior mobilidade e técnica, o Rubro-Negro chegou mais uma vez ao ataque. Vico aproveitou a sobra de bola, ajeitou e chutou firme, mas a finalização acertou o travessão.

Em desvantagem, a equipe capixaba buscou se apresentar com mais presença no sistema defensivo adversário. Entretanto, mesmo com duas substituições consecutivas, não conseguiu ser efetiva. Do contrário, o Vitória pressionou ainda mais o rival. Aos 27′, Ygor Catatau foi lançado em profundidade, e, cara a cara com Diogo, desperdiçou uma das melhores chances da partida.

Por fim, o restante do duelo ganhou tons de treinamento. Por um lado, o Capa-Preta intensificou as jogadas, mas não impôs perigo. Ademais, o Rubro-Negro investiu, eventualmente, em articulações, sobretudo, com Catatau. Entretanto, a partida terminou mesmo no 2 a 0.

E AGORA? – VITÓRIA X RIO BRANCO-ES

Em conclusão, o Vitória avançou para a terceira fase da competição. No entanto, a equipe rubro-negra, agora, aguarda para conhecer o seu próximo adversário. Enquanto isso, o time comandado pelo técnico Rodrigo Chagas vira a chave neste fim de semana. Sendo assim, o Leão da Barra visita o 4 de Julho, no Estádio Lindolfo Monteiro, neste sábado (10), às 16h (horário de Brasília), pela Copa do Nordeste

Por outro lado, o Rio Branco-ES – eliminado frente ao time mandante deste confronto – concentra suas forças no Campeonato Capixaba, tal qual duela com o Vilhavelhense, neste sábado (10), às 15h (horário de Brasília), no Estádio Kleber Andrade.

MELHORES MOMENTOS

Foto Destaque: Divulgação/EC Vitória/Pietro Carpi

Avatar
Pedro Moraes
Falar e escrever sobre futebol é o que há! O Jornalismo Esportivo só me ajudou a ser amante deste esporte, seja ele estadual, nacional ou internacional. Copa do Mundo é vida! Libertadores é pra cardíaco!

Deixe uma resposta