Ainda sem data de retorno, Vila Nova está de olho no mercado da bola

Sem títulos desde 2015, quando venceu a Série C do Brasileirão e a Divisão de Acesso do à equipe do Futebol Na Veia por meio do Instagram.

Vila Nova quer reforços

Dessa maneira, ainda de olho no mercado da bola, dirigentes não escondem a vontade de reforçar o time. O técnico Bolívar, ex-zagueiro do Internacional, tem observado atletas do sul do país. Em entrevista à PUC TV Goiás, no final de maio, o treinador revelou que mantém contato com Grêmio e Internacional na busca por reforços. Somado a isso, Bolívar declarou que ainda é necessário conversar com os clubes para saber a possibilidade de ceder os atletas.

“Vamos ter que ser muito pontuais nas nossas contratações. Já passei para o presidente [do Vila Nova, Hugo Jorge Bravo] a ideia dos atletas, com as características para poder se adequarem ao time e à nossa maneira de trabalho. Precisamos fazer um Vila forte e sabendo que não vamos contar com o apoio do nosso torcedor, porque acredito que até o final do ano não teremos público nos estádios, então teremos que ter uma equipe bem competitiva e concentrada para fazer um bom segundo semestre”, afirmou Bolívar.

Para finalizar, o professor lembrou que apenas um jogador por posição é pouco, então, o planejamento é ter dois em boas condições. Além disso, citou a possibilidade de lesões e suspensões por conta do calendário apertado das competições. Em suma, a equipe do Vila deve voltar aos treinamentos no dia 15 deste mês, após realizar testes de Covid-19 em seus atletas, comissão técnica e funcionários do clube.

Foto destaque: Divulgação/Vila Nova FC

Danyela Freitas
Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduada em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).

Artigos Relacionados